domingo, 27 de janeiro de 2013

Bolha Imobiliária no Brasil é possível, diz coordenador do FipeZap

O coordenador do índice Fipe-Zap - índice que acompanha a evolução dos preços de imóvels no Brasil - Eduardo Zylbertajn, disse, em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo, que é possível que o Brasil esteja vivendo uma bolha imobiliária.

Bolha Imobiliária

Entretando, o pesquisador ponderou que "a característica de uma bolha é que ninguém consegue prever até que ela estoure. O aumento de preços por si só não significa que exista uma bolha".

Na mesma entrevista ele considerou que os preços dos imóveis devem manter a tendência e subir menos em 2013. Em 2012, em âmbio nacional, o valor médio do metro quadrado avançou 13,7%, quase a metade do ritmo de alta em 2011.

O pesquisador lembra que as condições mais favoráveis do crédito habitacional, como juros menores e prazos mais longos, ajudaram a elevar a demanda por moradia e a pressionar os preços. De 2008 a 2012 a modalidade cresceu 339,5% e hoje já soma R$ 277 bilhões, ou 25% de todo o crédito concedido dentro da carteira de pessoas físicas.

Entretanto, em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) do País, o crédito habitacional ainda representa uma fatia pequena - 6,3% do PIB, porcentual bem inferior ao de outros países.

De qualquer forma, Zylbertajn avalia que a tendência é que os gastos com moradia ocupem um espaço cada vez maior no orçamento das famílias - tornando o Brasil similar a outros países nesse aspecto.

Fonte: MSN

197 comentários:

  1. E agora, dona Kássia?

    ResponderExcluir
  2. A bolha já estourou, as vendas estavam em alta, as pessoas eufóricas e de repente tudo acabou. As vendas caíram, as pessoas pararam de comprar, quem tenta vender não consegue. Saber se existe bolha? Simples. Basta simular a renda necessária para financiar um imóvel de R$ 500.000 no site da CAIXA. Quem tem uma renda deste tamanho? E será que este imóvel é apropriado? Em cidades como Brasília, sequer se compra um apartamento de 2 quartos em um bairro que não tem comércio, não tem segurança nem iluminação pública, o Ecológico Setor Noroeste.

    ResponderExcluir
  3. Bom, independente do que pensa o coordenador do FIPE-ZAP (que, agora, deve virar "queridinho" dos bolhotas), eu continuo achando que não existe a formação de bolha de preços no mercado imobiliário brasileiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. continua achando errado, o tempo vai lhe calar... mas aí você vai vir com o discurso que ganhou muito dinheiro, que agora vai investir e discutir outros ativos e mimimi, xororô

      Excluir
    2. Bate o pézinho no chão agora, Kássia!

      Parece uma criancinha mimada.

      Excluir
  4. Kássia, o site dos bolhotas parece um site de humor! Toda hora aparece um lunático com argumentos hilários para defender a bolha, tais como:

    "na minha rua tá cheio de plaquinha vende-se"
    "hoje o sam's club tava vazio"
    "ontem eu vi um cara pagando um suco de uva com cartão de crédito no supermercado"
    “as construtoras estão panfletando nos sinal da minha cidadezinha, olha quanto desespero”


    Mas, na verdade, é um site de doidos fanáticos. Outro dia vi um cara falando que acredita que o preço dos imóveis vai cair 30%. Imediatamente vieram vários talibãs xingando o cara, falando que quem não consegue perceber que os preços vão cair 80% é idiota ou está de má-fé. Isso mesmo: 80%!!! kkkkkkk

    Depois, um engenheiro comentou sobre o Pré-sal. Começaram a achincalhar o sujeito, rotulando ele de CORRETOR e de PETROBOY, só porque ele falou que tinha petróleo na camada do pré-sal!!! kkkkkkk

    Impressionante como tem gente que torce para o Brasil quebrar, torce para as pessoas ficarem desempregadas simplesmente para não pagarem suas prestações de imóveis, na expectativa de que isso faça a "bolha estourar". Imagina, torcer para o desemprego, para a ruína de famílias! Quanta crueldade!

    Resumindo: torcem para todo mundo se dar mal para se igualar a eles. O pensamento é o seguinte: se não posso ter imóveis, vou menosprezar o imóvel dos outros. É uma forma de justificar o próprio fracasso.

    O que causa isso é o desespero por não terem conseguido comprar seus imóveis e a INVEJA de quem fez excelentes negócios e realizaram o sonho da casa própria. A inveja destrói o ser humano.


    Ainda bem que existem blogs sérios como o seu, que expõe o pensamento de forma lógica e racional, baseada em fatos, números, argumentos lógicos e sem viés partidário.

    É impossível dar credibilidade a um blog totalmente partidário como aquele. Pior, cheio de gente preconceituosa, que discrimina nordestinos e a classe C. Além de tudo, antidemocrático, pois censuram comentários de quem tem opinião diferente da deles. É muita covardia. Aqui você dá espaço até para bolhotas LOSERS falarem suas falácias. Isso sim é blog sério.

    Parabéns pelo excelente blog, Kássia. Sou seu fã!

    CHOOOOOOOOOORA BOLHOTAAAAAAA!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O site bolhaimobiliaria é uma aula de sociologia! Se vê todas as facetas do ser-humano lá:

      - dificuldade em admitir os próprios erros;
      - necessidade de encontrar culpados pelo próprio fracasso (em geral criando espantalhos, como "bolha imobiliária");
      - arrogância sub-intelectual (o sujeto lê um manual de economia austríaca e já se acha o Prêmio Nobel de economia);
      - preconceito com pessoas que não tiveram as mesmas oportunidades de estudo:
      - recusa em admitir o posicionamento contrário - usando até censura para impedir manifestações contrárias à idéia do blog.

      O que eu vejo naquele site é formado majoritariamente pela "velha classe média" brasileira, arraigada nos seus preconceitos históricos, e que não se conforma de ter que dividir o Brasil atual com a "nova classe média", que emergiu recentemente, e tem as mesmas aspirações: morar bem, viajar, carros, e etc.

      Eu deixo bem claro que não gosto desse governo do PT, mas reconheço os avanços que ocorreram durante a gestão deles (apesar de entender que muitos decorreram de processos que começaram antes).

      Agora, é realmente impressionante ver pessoas torcendo para o Brasil quebrar, ter recessão, pessoas perderem o emprego, só porque eles acham que assim poderão comprar o imóvel que eles tanto sonham por um preço mais baixo. Coitados: vão continuar a sonhar. E, enquanto eles sonham, nós nos divertimos vendo aquele picadeiro virtual (sim, eu considero o bolha imobiliaria um verdadeiro picadeiro virtual...kkk)

      Excluir
    2. É muita arrogância naquele blog de bolhotas! Eles se auto-intitulam inteligentes porque sabem da “bolha” e chamam de idiotas os proprietários de imóveis e todos os que não acreditam nessa historinha que inventaram para justificar a perda de uma grande oportunidade na vida., que eles se recusam a admitir. Na verdade, tem meia dúzia de intelectuais de internet seguidos por pessoas desacreditas que se apegam a qualquer coisa que lhes dê esperança.

      É só alguém soltar uma notícia sobre aumento do desemprego, tipo “Volkswagen demite 1.000 funcionários” que logo aparece um bobão alienado falando: “YEAH!!!!”. Em seguida, vêm uma cambada de zumbis carniceiros repetindo o mantra: “QUERO VER SANGUIII, QUERO VER SANGUIII”. Esses zumbis desprovidos de atividade cerebral só pensam em contaminar mais pessoas com sua doutrina, que eles mesmos chamam de “evangelho da bolha”. Parece uma seita do mal.

      A maneira deles de rechaçar argumentos contrários é a ironia, o deboche, a agressividade e a censura. Olha as últimas pérolas: “nunca acreditei nessa bobagem de contraditório”, “devemos banir ele porque esses argumentos são velhos”, “xinguei ele porque as ideias dele insultam minha inteligência”.

      Lembra daquele ditado “quem desdenha quer comprar”? No caso deles, é mais do que óbvio, porque eles mesmo admitem que querem comprar imóveis. O que é lamentável é utilizarem um blog para convencer pessoas a não comprar, na esperança de que os preços vão cair com a queda da demanda. Ainda que isso acontecesse, logo em seguida bolhotas que tanto desdenham correriam para comprar imóveis para aproveitar a queda, os preços voltariam a subir, e o restante dos alienados ficaria chupando dedo, esperando a “queda de 80%”.

      Para terminar, segue mais uma frase para a lista de preconceitos dos bolhotas: “funcionários públicos são parasitas sociais”.

      Enfim, ainda bem que esse blog desmascara os bolhotas como naquele post de 21/01/2013, transcrevendo artigo em que eles mesmo se desmoralizaram.

      Excluir
    3. O site da Kássia não é preconceituoso? Veja o artigo em que a Kássia Tavares fala que quem não comprou no Noroeste é um derrotado.

      Mentiroso? Veja o artigo em que a Kássia fala sobre cobrança de corretagem. Os comentários derrotam ela com argumentos jurídicos e decisões judiciais de segundo grau, muito bem fundamentadas a respeito do assunto.

      Arrogante, o site da Kássia não é? Veja o tipo de expressões que ela usa ao longo do texto.

      Informações baseadas em achismo: várias

      Fontes duvidosas: no artigo sobre a consumidora Cláudia que perdeu R$ 75.000, a Kássia não fornece nenhum dado real que explica como ela chegou no montante de R$ 75.000. Não falou o nome do empreendimento, a cidade, os preços, nada, nada. Tudo na base do achismo.

      Censura: se a Kássia não publicar este comentário, saberei que ela censura posicionamentos diferentes do dela.

      Excluir
    4. Pelo menos uma coisa eu tenho que concordar com você, realmente o site bolhaimobiliária é formado pela "velha classe média", também concordo que existam ali preconceitos históricos claros e evidentes. O blog esta cada vez mais tomado por opiniões e pessoas recalcadas, fracassadas e revoltadas com a perda de seu status social.

      Resumindo, aquele blog é um lixo, não pelos post que continuam sendo bons e nem pela censura, contra ou a favor nunca fui censurado, mas sim pelo que vem se tornando, por isso deixei de acompanhar há alguns meses, e posso dizer que ganhei um tempo que estava perdendo de forma inútil.

      Agora, apesar daquele site ser realmente ruim, isso em nada comprova que não há um processo especulativo intenso, que resultou na formação de uma Bolha Imobiliária. Deixando de lado a argumentação idiota, como placas de vende-se na rua, sam's club e suco de uva no cartão, você tem que levar em conta as opiniões de especialistas, quase ninguém mais, a não ser que tem vínculo com o mercado imobiliário, defende a não existência de uma bolha.

      Me parece que as análises se polarizam em duas vertentes principais, os que defendem uma bolha e os que acreditam que possa existir, mas não há certeza sobre a mesma. Eu já li inúmeros artigos tanto de brasileiros como estrangeiros, todos são unanimes quanto a possibilidade de bolha, sendo alguns taxativos em relação as perspectivas. Por isso eu acredito que não tem como assumir uma dívida vultuosa e por período tão prolongado com uma dúvida dessa.

      Sinceramente, não sou fracassado, isso eu posso te afirmar com certeza, mas mesmo assim não tenho hoje recursos para comprar um imóvel de acordo com a minha classe social, o mesmo acontece com meus colegas e amigos, é uma questão de bom senso. Os valores estão acima, não é nem da capacidade de pagamento para uma boa parte, é das expectativas.

      Concordo que existe muita gente que nesse período que se perdeu, não cresceu, foi ultrapassado por outras pessoas e agora acha que vai retomar seu status através de uma crise, estes, assim como você, iram perceber no futuro que estão errados.

      Excluir
    5. Concordo que os preços chegaram a patamares irreais e acredito que possa ocorrer uma correção dos preços. Acredito que isso tenha sido causado principalmente pela especulação em virtude da Copa/Olimpíadas, e pela farra do crédito fácil.
      Por isso mesmo fui pesquisar sobre o tema no google e acabei encontrando o site dos bolhotas. Acompanhava diariamente, apesar de nunca ter postado. Haviam comentários muito bons, até que ele foi tomado por gente arrogante, ignorante, debochada, mau caráter, fanática e preconceituosa. Hoje em dia só se vê argumentos do tipo das plaquinhas, ou do restaurante dos evangélicos. Esse último é mais ou menos assim: “fui na padaria gourmet e, além de mim, só tinha um grupo que percebi que eram evangélicos pelas roupas. Ou seja, se não fosse o grupo da igreja, a padaria gourmet estaria vazia!!!” Comentário como esse é um atentado ao bom senso.

      Quando falei de fracassados, me referi aos fanáticos, e não àqueles que não compraram imóveis, pois eu mesmo não comprei na época e, hoje, acredito que não vale a pena assumir uma dívida de mais de 1 milhão por 35 anos..Nem por isso vou negar que quem comprou em 2008 fez um ótimo negócio, tampouco vou falar que é um idiota que não percebe que os preços vão cair 80%.

      Acho que você resumiu muito bem acima, aquele blog da bolha se tornou um lixo! Não perco mais meu tempo lendo aqueles doidos.

      Excluir
    6. Me parece que as análises se polarizam em duas vertentes principais, os que defendem uma bolha e os que acreditam que possa existir, mas não há certeza sobre a mesma. Eu já li inúmeros artigos tanto de brasileiros como estrangeiros, todos são unanimes quanto a possibilidade de bolha, sendo alguns taxativos em relação as perspectivas. Por isso eu acredito que não tem como assumir uma dívida vultuosa e por período tão prolongado com uma dúvida dessa.

      Eu não vejo assim não. Existem dois economistas que falam que está ocorr único economista que fala que existe uma bolha: o Samy Dana, e outro professor lá da FGV.

      O resto tudo fala que não existe bolha nenhuma, incluindo nesse "resto", economistas como o Luiz Carlos Mendonça de Barros, Ricardo Amorin, gente da própria FGV, o IPEA (enquanto instituição). Nem mesmo o coordenador do FIPE-ZAP considera que há bolha.

      Eu tirei a frase dele de contexto e publiquei no título, mas quem lê a matéria sabe que ele não considera que há bolha.

      E é muito simples saber porque não há bolha: a melhoria das condições de crédito (redução dos juros e ampliação dos prazos), associado com a entrada de milhões de famílias na classe média fez isso com os preços dos imóveis.

      O pessoal fala que pegar financiamento de 35 anos é loucura. Bom, nos EUA, desde que eu me conheço por gente se compra imóvel lá como financiamento de 35 anos.

      Ocorre que aqui no Brasil comprávamos em menores prazos pois não existia essa modalidade. Agora há, então os preços nos locais que a oferta é restrita subiu.

      E tem mais: o MCMV com seu limite inferior de 190k colocou um piso para preço de imóvel novo. Esse é o novo referencial: 190k. O resto é daí para cima.

      Excluir
    7. Se o dono do bolha ganhasse 1 real a cada vez que alguem fala no site que tem bolha "pois viu muitas plaquinhas de vende-se ou aluga-se" ele já teria dinheiro para comprar um bolhudassooooo no Leblon....kkkkkkkkk

      Excluir
    8. Eu não vejo assim não. Existem dois economistas que falam que está ocorr único economista que fala que existe uma bolha: o Samy Dana, e outro professor lá da FGV.

      Isso não é verdade e você sabe disso. Os citados por você são apenas os principais expoentes que defendem a Bolha Imobiliária. Como eu disse, de todos os artigos que leio, separando é claro as opiniões da Secovi, Construtoras entre outros, no meu modo de entender vejo duas vertentes: os que tem certeza e os que acreditam na possibilidade de bolha.

      Vou apresentar alguns exemplos:
      http://articles.washingtonpost.com/2012-10-14/opinions/35502245_1_bric-countries-ruchir-sharma-breakout-nations

      http://www.youtube.com/watch?v=uG5moRlwuNc

      http://blogs.estadao.com.br/radar-economico/2011/09/13/wall-street-journal-capital-externo-pode-gerar-bolha-no-brasil/

      http://www.forbes.com/sites/investor/2011/12/28/2012-gold-above-2000-bric-bubble-pops-sarkozy-merkel-and-obama-re-elected/

      http://g1.globo.com/globo-news/noticia/2013/01/nao-tenha-pressa-na-compra-precos-dos-imoveis-foram-supervalorizados.html

      http://economia.estadao.com.br/noticias/economia%20geral,faltam-estudos-para-diagnosticar-bolha-imobiliaria-no-brasil-diz-pesquisador,132680,0.htm

      http://oglobo.globo.com/economia/miriam/posts/2011/03/05/o-risco-da-bolha-367296.asp

      Estes são apenas alguns exemplos, sem citar o Samy Dana, Saschida, que eu pincei em uma procura rápida, obviamente existem mais inúmeras opiniões, isentas, de fontes relevantes que poderia ter colocado.

      Excluir
    9. Sem contar o ponto que o próprio IPEA já admitiu que o Brasil vive uma bolha Imobiliária. Não entendo o pq a Kássia fala que o IPEA não defende isso já que existe um documento escrito pelo IPEA admitindo que pode haver uma bolha.

      Veja as considerações finais do documento:

      Este trabalho estudou e empregou diversas metodologias, tanto em nível microeconô-
      mico quanto em nível macroeconômico, para verificar a possibilidade de existência de
      uma bolha no mercado imobiliário brasileiro. De maneira geral, os resultados apontam
      para a possibilidade concreta de existência de uma bolha no mercado de imóveis no
      Brasil.

      E aqui segue o link:

      http://www.ipea.gov.br/sites/000/2/publicacoes/tds/td_1762.pdf


      Excluir
    10. Amigo, 35 anos com os juros praticados no Brasil é loucura mesmo, ainda mais com o montante que o sujeito teria que financiar.Fiz simulações com 50% de entrada no imóvel e a taxas de 7 a 8% por 35 anos.E cheguei a conclusão que pagarei o empréstimo em 10 anos em média.Enfim, ficarei 25 anos pagando juros para a Instituição financeira.O imóvel pretendido custa 165 mil.E aí???Kassia acho que especulador não é bom pra coisa alguma pra fazerem os preços caírem.A sra está equivocada.

      Excluir
    11. Leonardo, já com o que voce disse, nao precisa de mais comentarios, é mil vezes melhor alugar em brasilia que comprar, pois voce paga 2,5 imoveis quando compra um. Eu tenho apartamento en Miami que costou R$ 60.000 dólares (120 000 reias) com isoo vc nao compra nem uma kitinet em brasilia, uma vergonha.

      Excluir
  5. O PICO DE PREÇOS SERÁ EM 2013, QUANDO ENTÃO IREI VENDER. BY KASSIA TAVARES

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como assim pico???? Ficou louco??? Os imóveis se valorizarão 30% ao ano para sempre, logo o preço tende ao infinito. O bairro que chegará ao infinito primeiro será o Noroeste em Brasília. Quando isto ocorrer, finalmente poderei ver o rosto da Kássia na Forbes, numa posição do ranking melhor que o do Carlos Slim e do Bill Gates.

      Excluir
  6. O que se quer com o "estouro da bolha" é que este país deixe de ser um país de aproveitadores. De pessoas oportunistas que querem se enriquecer de uma hora para outra apenas "especulando".
    Não é vontade de ninguem que acompanha o "Bolha" que pessoas morram de fome, mas que um direito social se torne acessível para TODOS os brasileiros. Que este país não viva apenas de expectativa. Enfim...
    O bom é que tá acabando! O tempo das vacas gordas acabou...
    Espero, sinceramente que todos que entraram nessa se deem muito mal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caramba! Tirou as palavras da minha boca! É exatamente isso que o pessoal "da bolha" quer, que as pessoas tenham direito a moradia digna sem ter que se ESCRAVIZAR por 35 anos para deixar banqueiros e especuladores como a SRA mais ricos sem produzir absolutamente NADA para o país.

      Excluir
    2. O termo "especulação" pegou uma conotação negativa pois a maioria das pessoas não entendem o que acontece. Especular tem a ver com traçar cenários possíveis de futuro, e, com base nesses cenários, e sua probabilidade de ocorrência, decidir no presente.

      Assim, quem especula analisa as medidas econômicas tomadas no presente e especula sobre seus reflexos futuros, e se posiciona para se beneficiar desses reflexos.

      Dessa forma, não era muito difícil antecipar, em 2007, que os estímulos ao crédito imobiliário que foram tomandos naquela época iriam resultar em preços mais elevados.

      Então, temos a economia de mercado funcionando. Os investidores antecipam a demanda futura, e, com isso, alocam seus investimentos para ampliar a oferta.

      Em resumo, se não fossem os especuladores, não existiria uma oferta de imóveis tão grande como hoje, e, consequentemente, os preços seriam até mais elevados.

      Ou seja, os especuladores imobiliários têm um importante papel social, e, com suas ações, contribuem para reduzir o preço dos imóveis, visto que são os seus recursos que resultam em ampliação da oferta, que, por sua vez, exerce pressão baixista sobre os preços.

      Em resumo: quando vejo alguém falando que a culpa dos preços elevados é dos especuladores e investidores, logo percebo que essa pessoa não tem o menor conhecimento de economia.

      Excluir
    3. o pessoal "da bolha" quer, que as pessoas tenham direito a moradia digna sem ter que se ESCRAVIZAR por 35 anos para deixar banqueiros e especuladores como a SRA mais ricos sem produzir absolutamente NADA para o país.

      Primeiro: já expliquei como a especulação resulta em maior oferta. Então leia o meu comentário anterior.

      Segundo: o "pessoal do bolha" nada mais é que um "pessoal" que, apesar de se acharem o "a fina flor da educação e da cultura", e que vivem se comparando e dizendo que fazem parte de 0,x% da parte mais rica da sociedade, não conseguiram perceber que os preços iriam subir a partir de 2008, e têm INVEJA de quem antecipou esse movimento e comprou o imóvel que eles tanto sonham.

      Eles erraram. Simples, e agora ficam sonhando com imóveis a preços de 2008. Sonham com uma máquina do tempo que faça o tempo voltar à 2008 para eles corrigirem seus erros. Mas já era. Eles erraram. E feio. Agora só resta o livre e legítimo direito do jus-esperniandi....que é a única coisa que eles podem fazer. kkkkkkkk

      Excluir
    4. rsrs...
      Pelo que li no seu blog, chego a conclusão de que nós dois não sabemos NADA de economia.

      Deixa eu voltar para o grupo da "velha classe média brasileira fracassada", como disse um de seus seguidores aí acima.

      Excluir
    5. Vamos dizer a verdade, ninguém aqui é bobo e não precisa ficar fazendo papel de idiota ou inocente.

      Não vou ficar generalizando, pois realmente existem pessoas muito sensatas e bem intencionadas no bolhaimobiliaria, mas não há como negar que existem comentários temorosos lá, que estão crescendo tanto em quantidade como em adesão.

      Tornou-se um grupo que se autodenomina protetor da verdade, inacessível a qualquer argumentação, que se acha vítima de tudo e todos, colocam-se como perseguidos e prejudicados. É praticamente o roteiro de uma seita religiosa.

      Um comentário me chamou a atenção outro dia, um personagem do blog (que tem muitos) referiu que tudo esta caro para classe média, que esta não tem benefícios, nem vaga na universidade vai ter mais, pois com as cotas agora só vai entrar pobre ou rico que tem dinheiro para pagar colégio particular tem direito.

      É muita desfaçatez, não vou ficar discutindo a constitucionalidade das cotas, mas o indivíduo bem como os mais de 50 espertos que positivaram essa bobagem nunca devem ter entrado em universidade pública, eu fiz, e duas, e posso dizer, que realmente quase todos fizeram bons colégios, mas nenhum era rico, no máximo um ou outro era classe média alta.

      Agora veja bem, isso é ou não é cuidar apenas do próprio umbigo. Dane-se o sujeito que não tem dinheiro para estudar em bom colégio e muito menos pagar faculdade, os quais são maioria no Brasil, a vaga era minha o governo não tinha direito de tira-la.

      Eu não vi ninguém se colocando a favor de melhorar a educação fundamental ou mesmo a questão do mérito estudantil para contradizer as cotas e sabe porque, pois assim eles podem perder a vaga também, o interessante é manter tudo como está, assim só eles ficam com as vagas, só eles compram casa, só eles saem para balada, só eles viajam para o exterior, só eles compram tela plana, só eles andam de carro.

      Agora se colocam como vítimas do governo petista, é um bando de bunda mole, o que eles acham que se o PSDB se tornar governo vão voltar a ter dinheiro, vagas nas universidade. Esquece, o PSDB de São Paulo recentemente aprovou cotas na USP, sabe porque? pois dá voto e é isso que importa, eles não estão ligando se você classe média falido está se achando injustiçado ou não.

      Como coloquei acima, acredito que tenhamos Bolha Imobiliária, mas com ou sem ela, uma boa parte do BolhaImobiliária são sim classe média velha e falida e com ou sem bolha, o fato é que o tempo de vocês passou, a festa acabou, está na hora de dar lugar para quem é mais capacitado, tem mais determinação, trabalha mais.

      Ao invés de ficar se escondendo atrás de preconceitos e injustiças históricas, acordem para vida, quem sabe assim consigam uma vaga na universidade, ou mesmo no serviço público que vocês dizem tanto odiar.

      Excluir
    6. Toda a classe média está falida, mas não por incompetência dela, mas sim por excesso de ganância dos construtores e corretores de imóveis, que reajustaram os valores dos imóveis muito acima do que as pessoas podem e querem pagar.

      E o excesso da ganância trouxe resultados, pois hoje há uma grande oferta de imóveis no mercado imobiliário, sejam novos ou antigos, mas sem compradores.

      Por exemplo, um juiz que ganha R$ 20.000 e deseja comprar um imóvel de R$ 1.000.000 (imóvel bem mais ou menos, apartamento 3 quartos padrão classe média, 100m2, sala de 20m2, 1 vaga de garagem, varandinha, etc, morável, mas...). Se este juiz resolver financiar pela CEF vai pagar R$ 8.300 de prestação (financiamento de 35 anos).

      Fia a pergunta: o juiz ganha mal ou o apartamento de 100m2 está muito caro?

      A classe média está falida mesmo.

      Excluir
  7. É realmente algo que demonstra muita lucidez alguém dedicar um grande espaço de um blog para NEGAR algo que a própria autora afirma NÃO EXISTIR.

    Como diria o Spock: "Isso é ilógico!".

    ResponderExcluir
  8. Vejam a inconsistência do argumento de quem nega a bolha:

    1- Os preços vão subir porque existe demanda e a renda das pessoas está crescendo e a pleno emprego

    MAS...
    2- Construtoras reduzem lancamentos na ordem de 60% (Fato)

    Se o ponto 1 é verdadeiro, as construtoras estariam lancando cada vez mais e mais, para lucrar ao máximo com esse "avanço de renda", se elas não o fazem é porque elas sabem que não há mais demanda nas faixas atuais de preços. Então se não há demanda, como os preços podem subir mais 15% em cima do que já não vende?

    É evidente pela lei de mercado, que para o mercado voltar a ter liquidez, os preços precisarão baixar e não o oposto, como tem muito especulador, a queda será mais acentuada que um simples ajuste

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Vejam a inconsistência do argumento de quem nega a bolha:

      1- Os preços vão subir porque existe demanda e a renda das pessoas está crescendo e a pleno emprego"


      Não sei de onde vc tirou que quem nega a bolha argumenta assim. Deve ser do mesmo lugar onde vc tira o sonho que os preços vão cair..Rs..rss.

      Meu querido, os preços subiram principalmente pelas melhores condições de crédito. Os juros foram cortados por 3 e os prazos multiplicados por 3.

      O resultado: as parcelas hoje são de 25% do que eram em 2003.

      Como 98% das compras é a crédito, o "preço" do imóvel é o que cabe no bolso. Como no mesmo bolso cabe 4 vezes mais, o preço dos imóveis onde tem restrição de oferta subiu 400%. É simples matemática.

      E, aí que entraram os especulares, alocando seus capitais para financiar a ampliação da oferta. Se não fossem os especulares e investidores, os preços estariam mais elevados ainda.

      Os bolhotas deveriam agradecer aos investidores imobiliários e às construtoras.

      Excluir
    2. Kássia, faça um favor aos leitores do seu blog: quando cliquar em "responder" a ideia é... responder a pergunta do leitor. Para ficar sem resposta, sugiro não clicar nos links "responder".

      Excluir
    3. "Não sei de onde vc tirou que quem nega a bolha argumenta assim. Deve ser do mesmo lugar onde vc tira o sonho que os preços vão cair..Rs..rss."

      Tirei do seu blog Kassia, foi voce mesmo que escreveu isso, eu nao queria ser deselegante e colar, mas se quiser posso fazer...

      Excluir
    4. "E, aí que entraram os especulares, alocando seus capitais para financiar a ampliação da oferta. Se não fossem os especulares e investidores, os preços estariam mais elevados ainda."

      Meu Deus! Quanta asneira. Kássia, de onde você tirou essa conclusão infundada?

      Excluir
    5. Kássia, vamos ser realistas e usar u pouco mais da sensatez.O amigo aí de cima tem razão.Esse argumento só pode ser uma piada.

      Excluir
  9. Agradecer as construtoras? Minha filha, as construtoras aumentaram e muito o preço dos imóveis e pioraram demais a qualidade. Estive no Noroeste e fiquei muito decepcionado com a qualidade do acabamento. Muito ruim. E o tamanho então? Uns quartinhos estreitos, mal cabe uma cama. Um oortiço de luxo aquele Setor Noroeste. Com um milhão compro uma bela casa em um condomínio de Brasília. Muito melhor, mais espaço e conforto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade. Compra uma bela casa em condomínio, e depois vai perder 1 hora no trânsito. Fora que vai ralar para limpar a casa, pois encontrar empregada doméstica hoje é tarefa quase impossível.

      Excluir
    2. Encontrar empregada está difícil para qualquer situação. Antes ter este problema, ter área verde, piscina, pomar, espaço para estacionar vários carros, sala espaçosa, quartos amplos. Muito melhor do que apartamentos cujos quartos sequer cabem uma cama king size e um guarda roupas e banheiros escuros, cozinhas de corredor.

      E ainda pagar mais de 1 milhão nisto.

      Que derrota!

      Excluir
  10. Kássia, eu sou o usuário que teve o post censurado semana passada, e o pior, agora resolveram me bloquear de vez lá.

    Trabalho no BNDES e já fui analista financeiro do setor de construção civil de um grande banco de investimento e é impressionante como os usuários de lá são limitados.

    Primeiro falaram que eu era corretor, depois falaram que por escrever bem era investidor, depois uns disseram que eu era um tal de Cirilo, Rui, André, Peterson e até mesmo você, para eles não pode existir mais de uma pessoa que não acredite nessa baboseira de bolha.

    Traçei uma linha de raciocínio onde PROVO que não existe bolha imobiliária, os bolhistas ficaram loucos, não sabiam nem o que dizer, se limitaram a dizer que já haviam discutido isso e a fazer piadas com meu apelido - Caturra.

    Sinceramente, é triste ver a que ponto chega a condição humana, vivem em mundo de fantasias onde os preços em todo o país irão cair até os níveis de 2002, chega a dar pena, qualquer um que ameaçe o funcionamento desse mundo pararelo deve ser detetizado, segundo o evangelho da bolha.

    Não tem como, enquanto MCMV garantir 190k e os juros estiverem nesses patamares não haverá queda cobsiderável, aí o sujeito me pega um caso isolado, obde o proprietário pede 500k por um barraco e diz:

    "Olha, estava pedindo 500k, agora pede 400k, queda de 20%! HIHIHI"

    Esquecem que vários proprietários estão testando o mercado, na prática, como não houve venda desse imóvel por 500k o preço não caiu nada.Pegar pontos isolados de proprietários "loucos" para justicar que existe uma bolha beira a completa estupidez.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caturra, seu artigo foi excelente. Tanto que quando saiu do ar, eu vi que tinha o link ainda, copiei e publiquei aqui. Agora apagaram até o link.
      Pior de tudo é que eles não conseguiram refutar nada. Aliás, como refutar fatos, né?
      A única coisa que eles fazem naquele site quando alguém chega com opinião contrária é dizer que "isso já foi discutido e derrubado milhares de vezes aqui". Mentira!
      Não foi derrubado nada. O seu artigo não foi derrubado. O fato de o crédito imobiliário ser 6% do PIB no brasil não foi derrubado.
      As comparações de preços de imóveis no Brasil com outros países mostrando que os imóveis no Brasil estão relativamente baratos não foi derrubado.
      O pessoal que comenta no Bolha só sabe falar mal de corretor, construtoras e dos imóveis que eles tanto sonham.
      Não passa de um muro de lamentações virtual.
      Vamos ver até quando vão aguentar o ridículo, afinal, 4 anos que eles dizem:

      "A Bolha já estourou!!" Quatro anos! Seria cômico se não fosse ridículo.

      Enfim, seu artigo que coloca uma pá de cal na hipótese de bolha! E por isso foi censurado lá. Parabéns! Ter um artigo censurado no Bolha é um bom sinal!

      Excluir
    2. Os preços no Brasil são baratos comparados com outros países. E os salários são iguais? E os gastos das famílias com educação e saúde, no Brasil e nestes outros países, são os mesmos?

      Comparar cidades como Nova Iorque com São Paulo é piada! Lá é uma cidade cosmopolita, todo mundo sabe onde fica, todo mundo quer ir morar lá. São Paulo, as pessoas estão é fugindo: engarrafamentos, violência, condomínios construídos em cima de terrenos contaminados. Excelente cidade para morar.

      Excluir
  11. Anônimo e Kássia, esse terrorismo de vocês não vai em nada. Não adianta vocês tentarem desmoralizar quem acredita na bolha.

    Não se trata de uma crença, mas de uma realidade brasileira. os preços subiram muito além do poder de compra das pessoas, quem queria comprar já comprou e quem não comprou já viu que a oferta está muito grande, já sentiu o desespero de corretores de imóveis como vocês, que não conseguem vender imóveis e agora fazem de tudo para pegar mais um.

    Abaixem os preços e conseguirão vender. Do contrário, ficarão batendo o pézinho no chão e sentados no sofá rosa do Fullgencio dizendo que não tem bolha.

    Sejam bem vindos ao mundo real. A bolha imobiliária chegou ao Brasil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido, aqui não é uma questão de terrorimo.
      Neste blog eu coloco fatos. Os fatos estão todos aí.
      Mercado imobiliário em 2013 com perspectiva de crescimento.
      Hoje mesmo vi um editorial da Folha de São Paulo.
      Sabe o que disseram? Que o credito de consumo no brasil já atingiu níveis iguais ao de outros países.
      E que o único espaço para ativar a economia via crédito é o imobiliário, que ainda é muito baixo.
      Este é o ano do mercado imobiliário. Preços vão subir. Podem esperar.
      Aliás, já estão subindo. Em BSB estou vendo um movimento altista nos preçso.

      Excluir
    2. O mercado está bombando mesmo. Em 2012 o Feirão de Imóveis do DF nem aconteceu. Por que será?

      Os preços no Setor Noroeste que chegaram a R$ 11.000, caíram para R$ 8.000. Movimento nos preços sim, para baixo. Afinal de contas, tem que ser muito louco para pagar tudo isto e morar no meio daquele mato. Mas tem um lado bom, é bem ecológico.

      Excluir
    3. Vcs não conseguem nem esconder. É tão primitivo isso.
      Já ouviu falar no batidíssimo ditado: Quem desdenha quer comprar?
      Então é isso. Sonhe com o NW, querido. Fale mão do NW. Que outros estão comprando e se mudando para seus novos aptos.
      Também falavam mal do SUDOESTE. Barroeste, etc.
      Agora ninguém mais fala mal.
      Espere 5 anos e veja como vai ficar o NW.

      Excluir
    4. No Sudoeste as pessoas pagaram preços mais baratos para aguentar os problemas do bairro. Já no Noroeste estão pagando mais caro por algo pior.

      Antes de falar, dê uma volta ali no Noroeste. Só tem mato, não tem comércio nenhum, não tem nada. Muito mato, lama, barro, cheiro de cimento de obra.

      Tem que ser muito insano para pagar tão caro e morar ali no meio do nada.

      E você já viu o tamanho dos quartos dos apartamentos do Noroeste? 2,40 metros de largura. Horrível.

      Apartamentos não vazados, não ventila. Totalmente o contrário do que preconiza um bairro ecológico.

      E você acha que daqui a 5 anos o bairro estará bom? O Sudoeste demorou mais de 10 anos para ficar um bairro decente.

      Excluir
    5. Eu deixei de comprar um apartamento no Noroeste justamente por causa do tamanho dos quartos. Minúsculos. Agora estou muito feliz com um que comprei na Asa Norte, quartos amplos e sala ampla.

      Excluir
    6. Parabéns pela aquisição. O Importante é adquirir o próprio imóvel.

      Excluir
  12. Caturra, se realmente não existe a bolha imobiliária, porque tanto esforço para provar isto? Vá ao mercado imobiliário e venda seus imóveis. Convença as pessoas a comprar pelos preços atuais. Depois me traga o resultado das vendas aqui no blog. Vendas com financiamentos aprovados, por favor.

    ResponderExcluir
  13. Filhos, só respondam uma única coisa:

    "MCMV, subsídio de 25k, juros de 4.5% a.a e limite de 190k para as capitais, com o programa nesse formato COMO um 3 quartos com 100 m2, 2 vagas em un bairro bom, vai sair de 600k para 200k?"

    Simples assim, MCMV expandiu o direito a moradia a todos, se todo mundo agora pode FINANCIAR um imóvel de 200k pelo MCMV, como apartamentos maiores em bairros nobres vão custar isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando voce diz todo mundo, voce tá querendo dizer TODOS os 190 milhoes de brasileiros!? Incluindo 60% das famílias que vivem com menos de um salário per capita? Vc tá somando com os 21,9% dos que ganham até DOIS salários mínimos.
      Voces pensam que estão vivendo onde!? Quanta hipocrisia!

      Excluir
    2. O problema de bolhostas é isso, na cabeça de vocês o Brasil é um país de miseráveis, muitos até dizem: Ah, mas segundo o IBGE estou entre os 1% mais ricos" e se esquecem que 1% são 2 milhões de pessoas!

      DE QUALQUER FORMA, PARA FINANCIAR 190K PELO MCMV É NECESSÁRIO RENDA FAMILIAR DE MENOS DE 2K, PAGANDO UMA PARCELA DE MENOS DE R$600,00!

      Realmente, ninguém pode financiar isso, afinal estamos na terra das bananas, não?

      Excluir
    3. Todo mundo pode realmente financiar...veja nos anúncios o quanto existem POUCOS imóveis de mais de R$ 1.000.000 à venda. Tudo vendido!!!

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      E ainda precisa de vir gente na internet dizer que não tem bolha.

      Tá vendendo tudo, fiquem descansados senhores Caturra, Kássia Tavares, Fullgencio Skycrapercity (fórum bolha imobiliária de Brasília).

      Durmam a vontade. Amanhã vai vender tudo no plantão.

      Todo mundo tem muito dinheiro e vontade de financiar imóveis caros, de qualidade péssima, tamanhos ridículos.

      Excluir
    4. Ok! Vamos fazer um pequeno exercício de reflexão...
      Quando fala-se em MENOS de um salário mínimo por mês, esse valor vai de R$678,00 à R$o,oo...Ora, essas pessoas não tem condição nem de se alimentar, muito menos de comprometer mais de 90% de sua renda com habitação.
      Os outros 21% ganham de R$678 ATÉ R$ 1356. Esquece-se voce de contextualizar esses valores, meu caro. Essa pessoa não vive se alimentando de luz, não está imune a contrair doenças, tem despesas com filhos, com os pais idosos, com sua propria educação, com transporte,seus vícios enfim...suponho que voce entendeu.
      Voce é bom em regra de três!(Conseguiu descobrir que 1% da população brasileira é = a 2 milhoes) Talvez seja bom em soma tb...81,9% da população NÃO consegue comprar imóveis pelo simples fato de os preços estarem descolados da realidade(faz a regra de três aí para saber quanto que isso dá. Sou um bolhota e não consigo...)Bem sobraram 18,1% estou entre esses 18% e por estar aqui tenho discernimento suficiente para enteder a farra que estão tentando fazer com meu dinheiro, tentando me enfiar guela a baixo um imovel de quinta categoria que não vale nem 50 por cento do valor de pedem

      Excluir
    5. Outra coisa...
      O Brasil não é um pais meiserável não. foi erro meu.
      IDH altíssimo, empregos bem remunerados, universidades referencias para todo mundo, saúde 100%, pleno emprego, saneamento básico, mobilidade urbana, expecitativa de vida em 150 anos, violencia zero, forças armadas mais bem equipadas e bem remuneradas do mundo...judiciário, legislativo, executivo ilibados...

      Excluir
    6. Leandro, não sei em que mundo vcs vivem.
      Salário de 1k qualquer um tem no Brasil.
      Sò para dar ume xemplo: minha empregada ganha 1k (fora INSS que eu pago integral dela) por mês para vir 3 vezes por semana na minha casa, 1/2 período. Ela tem outras duas ocupações. È semi-analfabeta, mas ganha seguramente mais de R$ 3k por mês. Fora a renda do marido.
      EM SP, RJ e BSB, salário de 1k limpo para empregada é o piso.

      Excluir
    7. Nossa, ela pode comprar um apartamento na Samambaia por R$ 4.500 o metro quadrado na planta. Falaram no Correio Braziliense que é um ótimo investimento.

      Excluir
    8. É, pois é, vcs ficam desdenhando de Samambaia, né?
      Não se esqueça que Samambaia tem Metro.
      E tem muito prédio de classe média sendo construído lá.
      Agora, uma coisa é certa: vc que está esperando bolha estourar, daqui a pouco nem em Samambaia vai conseguir comprar.
      A opção será Santo Antônio do Descoberto, Padre Bernardo, ou similares.
      Isso que dá acreditar em Bolha: vai ser expulso do DF.kkkkkkkkkk

      Excluir
    9. Samambaia é excelente mesmo. Já que Samambaia é tão bom assim, vai morar lá.

      Os índices de criminalidade são baixíssimos.

      Metrô? Querida, o metrô só anda lotado.

      Eu fico tranquilo, os preços já estagnaram. Daqui a 3 anos eu compro dos investidores que caíram na sua conversa.

      Excluir
    10. A grande pergunta é: EXISTE algum imóvel, minimamente morável por 190k hoje em dia? Moro no interior do SP e até esse valor só se encontra verdadeiros LIXOS. Imagino nas capitais então...

      Para vcs verem um retrato do país , leiam o link abaixo sobre a queda de ontem da BOVESPA:

      http://exame.abril.com.br/mercados/noticias/indice-cai-abaixo-dos-60-mil-pontos-e-zera-alta-do-ano

      Destaque para este trecho:

      “O segundo maior banco privado do país (Bradesco) abriu a temporada de balanços do quarto trimestre anunciando lucro líquido de 2,893 bilhões de reais no período, um pouco abaixo das expectativas.

      O resultado foi pressionado por inadimplência resistente, expansão discreta do crédito e maiores despesas administrativas.”

      Não adianta o salário da população aumentar 50X se os gastos (alim, MORADIA, transporte, educação, saúde, etc) aumentam 70X. Onde fica a tal renda fantástica da população?

      Excluir
    11. 190K é minha casa minha vida. casas geminadas de péssima qualidade. aqui na minha cidade uma casa razoável está na faixa de 400k. casas em condomínio de 500k até 3 milhões. terrenos em condomínio que custavam 30k hj pedem 150k. tem condomínio que tem mais casas a vendas do que morador. os preços recuaram um pouco e o tempo p/ se vender um imóvel aumentou e muito. hj se leva mais de ano para desovar um e com um belo desconto. aptos estão mais fáceis de serem comprados, pois as contrutoras aceitam baixar os preços com mais facilidade. vamos ver até onde vai isso.

      Excluir
    12. TODO MUNDO PODE FINANCIAR UM APTO DE 200 MIL? AFFFF, SEM COMENTÁRIOS

      Excluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leandro e tem mais:

      1. os 1% que tem renda, a grande maioria já tem casa própria
      2. muitos não querem mudar de casa
      3. os que querem, muitos não vão comprar apartamentos, vão mudar para um condomínio fechado, e não comprar apartamentos ruins por 1 milhão de reais.
      4. muitos tem o dinheiro, mas não compram porque sabem que o imóvel não vale o que estão pedindo.
      5. muitos tem o dinheiro, mas não compram porque o acabamento é de péssima qualidade
      6. muitos não tem o dinheiro, e não compram porque terão que ficar escravizados por 35 anos para morar numa gaiola
      7. muitos preferem pagar aluguel, pois sai muito mais barato do que pagar juros aos bancos. os juros cobrados em financiamentos bancários, apesar de terem baixados ainda são os mais altos do mundo.
      8. muitos que entendem de direito não compram porque sabem que financiamentos bancários são grandes ciladas ao comprador, se deixar de pagar 1 prestação, você perde o apartamento por venda extrajudicial, cláusula totalmente desfavorável ao comprador de imóveis.

      Restam os alienados que compram imóveis atualmente e acham que estão fazendo um ótimo negócio, pois estes lêem jornais do tipo globo e acreditam na imparcialidade de especialistas do mercado imobiliário.

      Excluir
  15. E existem poucas reclamações contra as construtoras na internet. Afinal de contas construtoras e corretores são muito honestos. Cláusualas que respeitam o direito do consumidor, acima de tudo.

    Confiram isto nos seguintes sites:

    1. Ministério Público de SP
    2. ABMH
    3. IBEDEC
    4. www.reclameaqui.com.br
    5. sites dos Tribunais de Justiça dos Estados:
    www.tjdft.jus.br
    www.tjsp.jus.br
    www.tjrj.jus.br
    wwww.tjmg.jus.br

    Muito respeito pelo consumidor, mas as reclamações estão subindo. Os compradores são loucos? Ou as construtoras e imobiliárias estão fazendo algo de errado?

    Pessoas normais sabem a resposta correta, já a Tia Kássia...vai falar que os compradores são invejosos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A quantidade de reclamações é proporcional à quantidade de pessoas que estão comprando e usando imóveis novos.
      Antes ninguém comprava imóvel. Era um bem restrito à elite.
      Agora, com a expansão do mercado desde 2008, milhões de novas pessoas começaram a comprar, e, claro, a quantidade absoluta de reclamações também aumenta.
      Isso é um "bom problema" digamos assim.
      È certo também que as construtoras entraram em um ritmo de crescimento, depois dos IPO, alucinante. E isso refletiu nos problemas.
      É um processo normal do crescimento do mercado. E vai se resolver.
      Agora, pergunta para quem comprou se não está satisfeito com a rentabilidade.
      E outra: melhor reclamar de um imóvel que eu tenho e é meu, do que reclamar que o preço tá alto e a maldita bolha não estoura para eu comprar...kkkkkkkkkkk
      sonhem bolhotas!

      Excluir
    2. O imóvel somente será seu quando você QUITAR seu apartamento Kássia. Se você ficar doente, desempregada ou outro problema e deixar de pagar UMA PRESTAÇÃO, o BANCO vende seu apartamento e você fica sem ele.

      Desconhecimento de contratos é demais querida. Frequente uma aula de direito.

      Excluir
    3. Tá bom, e quando vc para de pagar o aluguel acontece o quê?
      Lembre-se que a parcela do financiamento é DECRESCENTE, e a do alguel é CRESCENTE.

      Excluir
    4. Ohhhhhhhhhhh. Que descoberta!

      Antes de vir com este argumento, veja o quanto de juros você paga em um financiamento. Você sabia que mais de 50% do valor da parcela é para pagamento de juros, e somente o resto abate no saldo devedor?

      E tem tanta oferta de imóvel para alugar. Faça algumas simulações:

      Apartamento de 3 quartos no Sudoeste.
      Quanto é o aluguel?
      Quanto é a parcela de um financiamento?

      Faça as contas antes. O que você paga de aluguel é menos do que os juros do financiamento.

      Excluir
    5. Kassia, eu sou estrangeiro e esteve na bolha americana e posso dizer para voce que nao sera preciso 5 anos, pois em menos tempo, a economia brasileira vai receber o resultado dos seus errores

      Excluir
  16. Qual a rentabilidade dos imóveis Kássia?

    A) Comprei em 2010 um apartamento em Águas Claras e paguei R$ 6.500 no metro quadrado, e sobre este valor incide INCC por 30 meses até a entrega. Por quanto você consegue vender este imóvel hoje?

    B) Comprei em 2010 um apartamento no Setor Noroeste por R$ 10.000 o metro quadrado, e sobre este valor incide INCC por 30 meses até a entrega. Quanto está o metro quadrado hoje? Qual o lucro que eu obtive? Qual a rentabilidade?

    Uai, uai, mas o metro quadrado está quanto no mercado? E o meu saldo devedor está mais caro do que apartamentos anunciados hoje.

    Rentabilidade negativa.

    Desculpe Kássia, você fez um péssimo negócio. Você e todos os que acreditaram que a valorização dos imóveis seria de 20% ao ano. Quem chegou por último na pirâmide do mercado imobiliário se deu muito mal.

    São negócios.

    Mas fique tranquila, tente convencer alguém hoje que comprar imóveis é um ótimo negócio e você consegue passar seu ágio (sua bomba) para frente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpe, querido, vc é MENTIROSO.
      Os lançamentos em AC em 2010 não passavam de R$4k/m2.
      E Noroeste em 2010 era R$ 8k/m2.
      Querido, vc quer mentir e inventar histórias da carochinha, vá ao Bolha Imobiliária e conte suas mentiras lá.
      Aqui vc será desmascarado.

      Excluir
    2. Eu tenho emails de corretores, querida Kássia Tavares.

      Ficou assustada com os valores que te passei?

      Pois é Kássia, acabei de provar que QUEM COMPROU IMÓVEL DE 2010 PARA CÁ FEZ UM PÉSSIMO NEGÓCIO, pois hoje o saldo devedor está mais alto do que o valor de um imóvel anunciado.

      Triste isto, né? Muita gente caiu nesta.

      De 2010 para cá, não é mais negócio investir em imóveis.

      Ahhhhhhhhhhhhhhh, agora entendi porque os lançamentos caíram.

      Ahhhhhhhhhhhhhhh, agora entendi porque tem tantos anúncios de investidores revendendo ágios pelo preço que paguei.

      Tudo entendido agora.

      Excluir
    3. Nossa, cara, então vc pagou 6.5k/m2 em AC em 2010?
      O corretor que te vendeu deve estar milionário às suas custas, pois vc pagoui beeeem caro. No NW então 10k/m2? kkkk
      Faz o seguinte: se vc quiser comprar de mim, eu tenho no NW. Vendo a 20k/m2 para vc. Mas só para vc, que é muito ixperto!....kkkkkkkkkkkkk

      Excluir
    4. Kássia, suas ofensas não me atinguem. E tenho como provar tudo o que falo aqui. Você que está em débito com seus leitores, principalmente pela sua arrogância. Corretor de imóveis arrogante não vende. Seja mais humilde que você conquistará mais clientes.

      Excluir
    5. Obrigada querida, mas para o seu azar eu não comprei nestes valores. Nem vou comprar seus apartamentos bolhudos no Noroeste.

      E os seus apartamentos do Noroeste, venda por R$ 20 mil a seus clientes, já que você é muito ixperta! Mas vende logo, porque o saldo devedor está subindo.

      Excluir
    6. KÁSSIA, PQ AS CONSTRUTORAS QUASE NÃO ESTÃO LANÇADOS APTOS?

      Excluir
  17. Me divirto muito nesse blog, os argumentos contra a bolha da digníssima blogueira são risíveis e até infantis, achei que aqui eu teria mais informações sobre se existe ou não uma bolha imobiliária no Brasil, mas lendo os posts, já tenho certeza dessa bolha e que aliás já estourou.
    Hoje sou um "bolhota" com muito orgulho, tenho dinheiro para comprar, mas não vou participar dessa orgia que se transformou o mercado imobiliário, prefiro juntar meu dinheiro e viver no aluguel, que segundo simulamentos na caixa, está bem mais barato do que a parcela do financiamento.
    Mesmo quando os preços caírem, nem sei se vai continuar valendo a pena morar no Brasil, as coisas só pioram por aqui: aumento da violência, trânsito caótico, aumento da favelização, corrupção, impostos altíssimos, preços(de quase tudo) mais elevados que países civilizados(com relação à renda per capta).
    Enfim... cada um sabe de si, mas eu acho que não só a moradia, quase tudo é mais caro e de pior qualidade no Brasil.

    ResponderExcluir
  18. Kássia,

    não entendo praticamente nada do mercado imobiliário, mas gostaria q vc me explicasse uma coisa:

    Um apê 3qts e uma determinada área da Tijuca (no Rio) está com m², na MÉDIA em torno de 5.975/m²
    link: http://www.zap.com.br/imoveis/oferta/Apartamento-Padrao-3-quartos-venda-RIO-DE-JANEIRO-TIJUCA-RUA-BARAO-DE-MESQUITA/ID-4124576

    Recebi um folder de um lançamento, Golden Tijuca. To com ele aqui na frente:
    3qts, 94 m² e em área parecida, próximo ao metrô, saindo por R$ 865.910, ou seja, 9.211/m²

    A maioria da média são usados, ok. Mas pq justificaria comprar este apto (na planta!) por 54% acima do preço?

    Você poderia me explicar? Pois, para mim, não faz sentido algum pagar 1,5 aptos pelo valor de 1,0, por mais mequetrefes que o novo tenha.

    sds,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, também não entendo nada do mercado imobiliário mas comparar um imovél novo (com toda infraestrutura) com um "simples bem conservado" (velho), "próximo à Rua Uruguai" (provavelmente na comunidade),"Vaga de garagem na frente do prédio" (essa foi a melhor, na rua) é brincadeira a diferença é gritante! Me diga então porque meu carro velho (new civic) tem uma diferença tão grande de um novo?

      Excluir
    2. A comparação foi referente ao nivel do texto!

      "Apartamento na planta deveria ser mais barato para que se valorize na entrega das chaves"
      Não é por essa razão que deveria ser mais barato!

      Apartamento é investimento? Tem certeza? Será que pode ser tanto ativo quanto passivo?

      Excluir
    3. Amigo, meu exemplo não foi do apartamento, foi pra olhar o gráfico lá embaixo e verificar que o m² está 5.975

      Inclusive, o do anúncio está valendo 3.765/m².....

      Excluir
    4. Segundo os especuladores, que são a grande maioria no mercado, imóvel é investimento sim, compram para revender depois com ágio. Eu entendo que não deveria ser assim, mas esse é o mercado.
      Agora imagina... você compra um apartamento na planta sem garantia de entrega, sem garantia de valorização, sem garantia de materiais de qualidade, paga a diferença do INCC na entrega das chaves, paga ITBI, etc, etc. E mesmo com tudo isso é mais caro do que um apartamento pronto, além disso, em muitas ocasiões, um apartamento antigo tem mais qualidade do que um novo. Reflita sobre isso meu caro.

      Excluir
    5. Visite os dois e verá:

      O imóvel antigo não é tudo aquilo que vc imagina. (não vale isso)

      Quanto ao novo vá ao stand de vendas para conhecer o empreendimento. (também não vale isso)

      Minha opinião, mas posso estar enganado... ahah!

      O que quis dizer com isso é que vale o quanto alguém pode pagar! Se mesmo caro tiver fila de espera para se comprar eu compraria e revenderia, obviamente sem gastar um centavo mas isso é outra história...

      Obs.: Com esse mesmo valor vai encontrar outros imóveis em locais melhores.

      Excluir
    6. Bom, também não entendo nada do mercado imobiliário mas comparar um imovél novo (com toda infraestrutura) com um "simples bem conservado" (velho), "próximo à Rua Uruguai" (provavelmente na comunidade),"Vaga de garagem na frente do prédio" (essa foi a melhor, na rua) é brincadeira a diferença é gritante!

      Detalhe: não tem elevador também...kkk

      Excluir
    7. Kássia,

      creio que vc cometeu o mesmo erro do anônimo acima. Eu envie o link não do apartamento, mas do gráfico com a média de valor da área, que vc pode conferir ao final da página.

      De fato, o apto em questão está tão abaixo da média, que está sendo anunciado por 3.765/m², quando a média da área é de 5.975/m²

      Gostaria que você me explicasse o pq desta diferença, entre o apto na planta (9.211/m²) e a médica local (5.975/m²).

      De fato, os melhores localizados atingem valores de ~6.400/m².

      Ou seja, este lançamento comparado com a média está 54% mais caro. E comparado com os melhores e mais bem localizados, está saindo 44% mais caro.

      Gostaria de uma explicação técnica acerca do assunto.

      Excluir
    8. dimarcinho, primeiro: aptos na planta não podem ser comparados a aptos prontos. Aptos prontos são imóveis. Aptos na planta são papéis - espécie de opção de compra futura. Então não são produtos concorrentes. Logo aí se vê que não seus preços não podem ser comparados.
      Segundo: como tudo que se compra financiado, o que vale é "se cabe no bolso". Então se vende um fluxo de caixa. Se vc antecipar esse fluxo de caixa para valor presente, muito provavelmente chegará nos valores atuais do mercado (desconto de 25% para pagamento à vista).
      terceiro: apto novo sempre vale mais que usado.
      quarto: preços dos terrenos no RJ e SP, sobretudo perto de metrô, estão subindo exponencialmente, e isso se reflete nos preços de lançamento.

      Excluir
    9. Hm, entendi sua explicação "técnica".

      Mas então não podemos fazer NENHUM tipo de comparação? É justamente sobre isso q quero saber.

      É normal então um apto na planta valer 50% a mais que o da área, em qq lugar q seja ou, como vc comentou aki os terrenos estão mto caros e este estaria um pouco exagerado?

      Qual seria um valor razoável então? 30% acima? 20%?

      Esto perguntando pois realmente não conheço nada do assunto. Se eu estiver procurando algo para morar (minha intenção em alguns anos) quero saber se os da planta estarão mto mais valorizados ou não.

      Não conheço muito do assunto. Um amigo meu q entende melhor está chamando este Golden Tijuca de "A Furada". Mas aí é uma opinião só. Queria saber de outras pessoas ligadas ao setor.

      Excluir
    10. Sinceramente não conheço o mercado do Rio, mas 50% sobre os valores dos usados similares é exagerado. Em BSB pedem de 10% a 20% a mais nos aptos em relação aos prontos. E em SP é nessa linha também, de 10 a 15% mais caros na planta.
      Mas é claro que se for pagar à vista, o valor cai bastante, chegando a ser inferior ao pronto.

      Excluir
    11. Hm, vlw!

      Acho então q "A Furada" foi realmente um bom nome q meu amigo deu! rsrsrs

      []s!

      Excluir
    12. Tem que ser muito "inteligente" para comprar apartamento na planta mais caro que apartamento pronto.

      A compra de imóveis na planta tem vários riscos, dentre eles:

      1. riscos da obra não ficar pronta
      2. riscos da obra atrasar
      3. reajustes do INCC
      4. pagamento da corretagem (confira reportagens em sites da internet e youtube sobre o assunto)
      5. pagamento da taxa SATI (pérola da imobiliária LOPES)
      6. risco do acabamento entregue ser muito pior do que o oferecido nas propagandas (apartamentos decorados)
      7. problemas com vagas de garagens apertadas
      8. demais problemas só visíveis quando o imóvel está pronto.

      Enfim, porque pagar mais caro na planta se há muitos imóveis novos e recém entregues mais baratos?

      Só quem é muito "inteligente" mesmo.

      Excluir
    13. Por favor, alguém poderia me explicar o papel encenado nos ultimos comentarios pelo tal Dimarcinho?

      Primeiro ele se apresenta como um noviço no mercado imobiliário falando:

      "Kássia,não entendo praticamente nada do mercado imobiliário, mas gostaria q vc me explicasse uma coisa:"

      Depois já cheio de grau lança:

      "Kássia, creio que vc cometeu o mesmo erro do anônimo acima."

      E ainda por cima finge maturidade quando primeiro pondera que a simples opinião de um amigo pessoal é só uma opinião; mas depois que recebe a atenção da Kassia, retorna rindo e afirma que a opinião do tal amigo pro condominio na Tijuca é um bom nome.

      Brincadeira... Até aqui nesse espaço sério já estão surgindo esses trolls?

      Afinal de contas ele entende ou não entende do mercado imobiliário? Ou veio aqui só pra alimentar polêmica fazendo pose com argumentos mal construidos pescados no google?

      Abs a todos

      Excluir
  19. Kassia, a sra ainda acredita na valorização de dos dígitos no noroeste, para o primeiro semestre de 2013?
    A hora eh boa para investir lá?
    Estou perguntando educadamente e sim ironias, para que fique claro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu repito o que disse no outro post: na minha opinião o NW em particular e o marcado em geral não está mais bom para investimento desde o fim de 2010 e começo de 2011. Quem pensa em comprar para investir, não acho que vale a pena comprar na planta, pois os custos de transação são muito elevados, e anulam a baixa rentabilidade.

      Mas acho que vale a pena para quem quer comprar para morar. Vc escolhe o andar, apto que vc quer. Tem um espaço maior para pagar e etc. E, cair de preço não vai cair. Então acho que só vale para morar. E mesmo assim, comprando no "mercado secundário" pode ser mais vantajoso.

      Excluir
    2. Kássia, você é muito engraçada. Antes falavam que era hora de investir, que quem não comprava no Setor Noroeste era invejoso, que a valorização era enorme, agora mudou de idéia, que não é mais bom investimento. Porque mudou tão rápido de idéia?

      Ao menos é bom saber que você finalmente assume que não é hora de comprar imóveis. Descobriu o óbvio que todos já sabiam.

      Excluir
    3. Acho que você "não é muito boa com cálculos". A valorização não está sendo tão grande quanto você viu na sua bola de cristal.

      Excluir
    4. Não Kassia,

      Você nunca disse que imóvel não era mais bom investimento desde 2010.

      Pelo contrário, você sempre disse que ia "valorizar X% 3X%, é muito bom lucrar, investir em imóveis é o máximo etc etc"

      Se você tá dizendo o contrário agora é porque mudou de idéia, o Alfredo subiu no telhado, e outras coisas que não vale a pena comentar.

      Aliás você sempre fez questão de ofender aqueles que estão "vendidos" no mercado.

      Os tempos estão mudando...

      Excluir
    5. Bolhotas vem aqui inventar mentiras, colocar palavras na minha boca. O Bom de tudo é que peço para eles indicarem no meu blog onde que recomendei investimento em imóveis e eles somem. É claro! Não vão achar, pois eu nunca fiz isso neste blog.

      O que eu venho falando desde 2012 é o que os preços vão subir (como têm subido) e que quem não comprar agora, vai pagar mais caro no futuro.

      Portanto, quem pensa em comprar para morar, não vejo problemas.

      Agora, quem pensa em comprar imóveis na planta para investir, não é bom momento, pois a valorização futura será pequena e provavelmente não compensará nem os custos de transação.

      Mas isso não é novidade.

      Agora, continuo a afirmar que os preços vão subir em 2013, e quem não comprar agora, vai pagar mais caro no futuro.

      O fato é que os financiamentos estão com juros muito baixos, com parcelas decrescentes, então escolher bem e comprar um ótimo imóvel na planta, antecipar parcelas antes das chaves é uma ótima opção para quem quer sair do péssimo negócio e a teia de insegurança que é o aluguel - coisa que não recomendo a ninguém, e, principalmente, quem tem família.

      Excluir
    6. Kassia, você que colocou palavras na minha boca.

      Posso não parecer, mas não sou idiota. Já percebi que você JAMAIS se comprometeu com o investimento em imóveis, ou seja, jamais o recomendou.
      Você, muito esperta e escorregadiamente, como uma boa comunicadora social, festejou a sua lucratividade e magnanimidade como investidora em imóveis, propagandeou a lucratividade do investimento, mas jamais o recomendou, assim, literalmente. Sim, eu percebi o seu calculismo e cuidado, mesmo quando tentei extrair isto de você. Só não consegui entender o porque não o recomenda logo diretamente, e fica fazendo este joguinho. Está com medo de ser processada? Não se preocupe comigo, não farei isto.

      Mas eu também medi minhas palavras, e em nenhum momento disse que você recomendou o investimento. Leia mais atentamente o post anterior e você vai perceber que colocou palavras na minha boca. Leia com atenção, eu sei que você é capaz.

      Então, você está me acusando de algo que você fez, e faz costumeiramente. Você já ouviu falar em projeção, na psicologia? Convém você estudar isto um pouco, vai acrescentar na sua formação profissional e no seu autoconhecimento.

      Pra finalizar, não tente agora, depois que a situação já ficou bem clara, dizer que você já tinha dito que imóvel não era mais bom investimento desde 2010. Você nunca disse isto, no começo porque não acreditava e, posteriormente, porque não era do seu interesse defender tal posição. A primeira vez que você deixou escapar sem querer foi quando disse que O PICO DE PREÇOS SERÁ EM 2013, QUANDO ENTÃO IREI VENDER. Mas logo depois desconversou, porque não queria manter tal posição.

      Você sempre defendeu o contrário e, somente agora, que caiu na real e calculou bem, é que veio com esta história maluca de EU JÁ SABIA.

      Coerência, por favor, coerência. E não ponha palavras na minha boca.

      PS: vai publicar este?

      Excluir
    7. Perfeita a sua argumentação anônimo.

      Agora que ela começou a perceber que seus argumentos se esgotaram, que os pretensos especialistas esvaíram-se de suas posições, ela decidiu assumir essa faceta de investidora que já se deu bem e agora esta apenas rindo da situação.

      Fazer isso com quem não acompanha esse blog vá lá, mas e os outros que tem o trabalho de ler suas opiniões estapafúrdias e seus comentários ignóbeis, como é que faz? Até 3 meses seu discurso era completamente diverso, queria ajudar quem quisesse comprar a casa própria, não ser enganado por mentirosos e sonhadores e ficar a ver navios, agora mudou tudo, na verdade era apenas uma investidora que queria ganhar dinheiro. Estranho essa sua atitude hein?

      Nunca, em nenhum comentário deste blog, você se comprometeu a estimular a aquisição de um imóvel, pelo contrário, inúmeras vezes desestimulou, a não ser na história de sua famigerada professora.

      Sinceramente, não acredito que sua intenção era enganar os leitores para comprar imóveis, eu penso que sua intenção sempre foi atrair a atenção para o blog e viu na provocação contra quem acredita na Bolha um caminho, foi mudando seus argumentos ao sabor dos fatos e transformou-se no que é hoje.

      Como eu já comentei antes, da forma como está este blog não tem mais seriedade, lógica e muito menos coerência.

      PS: por favor não me censure, dá trabalho comentar e não há nada pior que ser censurado quando você quer discutir algo.

      Excluir
    8. Querido bolhota, acho que vcs têm problemas de interpretação de textos. Eu não mudei em nada minha opinião.

      Eu digo isso há 2 anos: não há bolha imobiliária no Brasil. E os preços não vai cair. Vão subir ainda mais.

      Nunca recomendei nem compra nem venda de imóveis neste espaço. Nunca.

      Quando me perguntaram o que achava de investir no NW, falei de minha experiência, que comprei em 2011 e estou atualmente perdendo dinheiro lá (mas estou lucrando em outros mercados), e concluo que não vale a pena comprar como investimento, hoje, imóvel na planta.

      Isso não significa que eu ache que tem bolha. Não tem. Minha opinião, inclusive, é a de que os preços vão continuar a subir, porém em um ritmo que não é suficiente para cobrir os riscos e os custos de transação nesse tipo de investimento.

      Em BSB o mercado está assim desde 2009, foi quando decidi não comprar mais nada em BSB, e optei por investir em SP.

      Aí vc me pergunta: mas vc comprou NW em 2011! Sim, comprei, mas não foi como "investimento". Comprei para morar, e para fazer uma espécie de "hedge" contra variações futuras de m2 em BSB, pois quero trocar meu apto atual por um maior. Então não estou preocupada com esse "preju" no NW (eu assumi esse risco), até mesmo pois estou lucrando muito mais em outros mercados.

      Ou seja, minha opinião continua a mesma: não há bolha imobiliária, os preços vão subir, e quem não comprar agora, vai pagar mais caro no futuro.

      Em linhas gerais, vale a pena comprar apto na planta para investir? Minha opinião, é que, neste momento, não.

      Vale a pena comprar apto na planta para sair do aluguel?

      SIM, porque o financiamento está atrativo, e as parcelas são decrescentes, enquanto alguel é crescente, fora os benefícios psicológicos advindos de ter seu próprio imóvel.

      Agora, gostaria que vc deixasse de mentir, pois não adianta vc falar que "até 3 meses seu discurso era completamente diverso, queria ajudar quem quisesse comprar a casa própria".

      MENTIRA. Eu nunca me propus a ajudar ninguém neste blog. Eu não dou conselhos e nem dicas de investimento. Eu apenas emito minhas opiniões, como a de que não há bolha imobiliária e que os preços vão subir. Ponto. Então pare de mentir, oK? quem mente o nariz espicha.

      Excluir
  20. Kássia, onde você viu que estão vendendo quitinete na Asa Norte por R$ 250.000?

    Tenho visto vários anúncios em excelentes condomínios por R$ 200.000, e ainda negociam o valor.

    Se você conseguir vender por R$ 250.000 você é sim, muito, hiper, mega, ubber inteligente: conseguiu uma rentabilidade acima da média do mercado.

    Só uma mente muito privilegiada, muito acima da mediana, para conseguir tal façanha!

    ResponderExcluir
  21. Sempre as discussões é sobre o preços de imovéis... Que é dono de imóvel coloca o preço que quiser do seu bem... Pode ser 500k e o seu vizinho que tem um similar pode colocar 1000k,. O detalhe é se o brasileiro tem caixa pra pagar esses valores e as valorizações futuras. Acho que não .
    Eu confio na lei da procura e oferta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo, vários corretores de imóveis e donos de imóveis subestimam a lei da oferta e da procura. Acreditam papainoelmente que encontrarão o valor que quiserem nos imóveis que estão vendendo. Esquecem da lei básica da oferta e da procura. E quando se fala em procura, não me refiro somente a quem quer morar em determinado lugar, mas a quem realmente tem dinheiro ou crédito aprovado para uma certa quantia.

      Como existeme vários bairros no Brasil - SP, RJ, BH e BSB - com metros quadrados acima de R$ 10.000, facilmente apartamentos extrapolam R$ 1.000.0000. E não precisa ser nenhum gênio que, em virtude do valor altíssimo destes imóveis, a procura para imóveis neste valor reduziu e muito.

      O resultado desta orgia imobiliária já conhecemos: mercado estagnado, vendas paradas, proprietários angustiados, corretores desesperados, donos de construtoras com vendas abaixo do pretendido e compradores mudando suas opções de moradia.

      Excluir
    2. tenho um Palio 2011 completo....vou colocar uma placa de vende-se nele com preço de R$ 80.000,00...se um otario quiser comprar tudo bem, senão eu fico usando ele com a plaquinha pela cidade. Quando tem credito fácil o cara compra o que vem na frente.
      Se parar de pedalar essa bolha de credito a vaca vai para o brejo... enquanto estiver pedalando tudo vai muito bem!!!!
      A bolha de credito existe, se vai estourar vai depender do folego pra continuar pedalando!!! Espero que isso não aconteça, pois todos vamos sentir a pancada!!!

      Excluir
    3. É isso que está acontecendo, tenho um imóvel próprio quitado coloco uma plaquinha vende-se peço R$ 950.000 continuo morando nele se vender beleza se não não fez a menor diferença.

      Excluir
    4. mas ninguém vende...

      Excluir
  22. Kássia, a década de 90 está voltando. Acumule suas reservas. rsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente esse governo tá fazendo uma meleca atrás da outra. É inacreditável o amadorismo.

      Primeiro cederam à pressão dos empresários para desvalorizar o real. E foram lá e desvalorizaram.

      Aí depois descobriram que o Brasil precisa aumentar a taxa de investimento agregado para poder continuar a crescer, e que o dólar elevado inibe o investimento. E descobriram também que o dólar mais elevado tem impacto na inflação.

      Então, o que os gênios começam a fazer: intervir no câmbio, agora, para valorizar o real! Justo no momento que estão fazendo expansionismo fiscal para tentar aumentar o PIB e isso está se revertendo em déficit comercial.

      Enfim, o governo vai ficando cada dia pior. Uma medida mais destrambelhada que a outra.

      A sorte deles é que existem mais de 300 bilhões de reservas, então eles podem fazer muitas coisas erradas ainda antes de o país quebrar de novo.

      Excluir
    2. Quem fez uma grande meleca foram os donos de construtoras e donos de imobiliárias com o mercado. Construíram um grande CASTELO DE AREIA DE PREÇOS e agora chegou a realidade. Quem comprou comprou, quem não comprou não consegue comprar mais. E tem vários que NÃO QUEREM mais comprar, pois os preços estão muito além do que os imóveis valem: localização e acabamento a desejar.

      E os gênios do mercado ainda tentam afirmar que não existe bolha.

      A sorte deles é que muitas pessoas caíram na pegadinha da valorização de 20% ao ano. E agora estão com dívidas enormes impagáveis.

      Excluir
  23. Ah, o câmbio nem me assusta. Se tem algo em economia que funciona muito bem sob as pressões de mercado é o câmbio.

    Supondo reservas zero, o mercado se ajusta muito bem e muito fácil ao câmbio de equilíbrio. Lembre-se, nós não temos amarras monetárias e fiscais como os países do Euro.

    O que me preocupa é: déficit fiscal (abandono das metas de superávit primário), abandono das metas de inflação, baixa taxa de investimento produtivo, baixa qualificação técnica do brasileiro (embora a taxa de escolarização tenha explodido nos últimos anos, as áreas de exatas e tecnológicas não saem do mesmo nível de 20 anos atrás) e por fim a BAIXÍSSIMA PRODUTIVIDADE DO TRABALHO EM QUALQUER ÁREA, o ganho de salário real dos últimos anos não se justifica dado o retorno que os brasileiros dão em termos de produção.

    Eu tiro por mim, sou mão de obra qualificadíssima, sou bem sagaz para surgir com soluções para problemas do cotidiano e profissionais, mas estou gastando parte da minha produtividade aqui no blog do prejuízo de R$75.000, rss.

    Imagine a base da economia o que não deve fazer? A copeira acabou de entrar na minha sala reclamando que a balconista só sabe ficar se maquiando e brincando no tablet. rss

    ResponderExcluir
  24. Mais um texto para quem acredita no espetáculo do aumento de renda e do aumento da classe média. Reflitam...

    A Classe Média Realmente Aumentou?

    Um considerável número de analistas tem comentado sobre o incrível aumento de pessoas vivendo na classe média. Respeitosamente eu discordo deles.

    Do ponto de vista estatístico, os estudos que relatam o aumento de pessoas vivendo na classe média estão corretos. A metodologia deles é simples: primeiros, verifica-se a distribuição de renda na população, depois divide-se a mesma em faixas de renda, e por fim pega-se a população que não é considerada nem rica e nem pobre. Esta é a classe média. Dada a renda brasileira, considera-se classe média famílias com renda per capita entre 200 e 1100 reais por mês. Isto é, uma família com pai, mãe e um filho que receba 1 salário mínimo por mês pode ser considerada de classe média.

    Do ponto de vista estatístico o procedimento descrito acima está correto. Minha crítica é outra. Classe média NÃO É um conceito estatístico. Classe média é um conceito moral. Quando dizemos que alguém pertence a classe média estamos nos referindo a um padrão de vida, e não a uma renda relativa ao resto da população. No Brasil, família de classe média é aquela onde os filhos estudam em escolas privadas, e fazem cursos de idiomas, os pais possuem carros na garagem e plano de saúde privado e, além disso, a família sai de férias no final do ano.

    Pode parecer bobagem, mas essa diferença entre o conceito estatístico de classe média e o conceito moral é extremamente importante. Quando se divulga na imprensa que a classe média cresceu, dá-se a impressão de que isso se refere ao conceito moral de classe média. Mas tais estudos se referem ao conceito estatísticos. Para pesquisadores treinados essa diferença é evidente. Mas, para a grande imprensa, e o público em geral, ocorre uma confusão. Assume-se erradamente que tal resultado refere-se a definição moral de classe média. Ou seja, explora-se politicamente um avanço que efetivamente não ocorreu.

    Na próxima vez que você ler na grande imprensa sobre o crescimento da classe média, ou de maneira equivalente que existem mais ricos no Brasil, pergunte-se qual a faixa de renda que determina quem é classe média. Você verá que, infelizmente, nem tudo são flores.

    Fonte: blog do Adolfo Sachsida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a classe media esta muito preparada. veja o quanto.a renda aumentou. qualquer pessoas hoje consegue comprar um apartamento.de um milhao. pechicha total. esse povo e besta. nao compra agora e vai pagar dois milhoes em 2014. valorizacao de 20% ao ano entre 2009 e 2014. quem nao comprar agora vai pagar mais caro no futuro.

      Excluir
  25. Duvido voce publicar isso:

    Kassia disse:
    outubro 6th, 2011 at 13:46
    Olá, comprei imóvel na planta em 2010, e até agora os preços na região que comprei só subiram. Então estou bastante satisfeita com minha aquisição e não me arrependo nem um pouco. A obra está subindo rápido e as chaves devem ser entregues ou no fim de 2012 ou começo de 2013.
    Comprei para investimento mesmo, da Lopes, e mesmo assim considero que fiz ótimo negócio.

    MrK disse:
    outubro 6th, 2011 at 14:06
    Kassia por favor, quando da entrega das chaves volte aqui pra dizer se continua muito satisfeita…
    hahahaha

    Responder
    Veigalex disse:
    outubro 6th, 2011 at 14:18
    O spreços ao redor podem ate estar subindo, mas veja se algum esta sendo vendido.
    Ta todo mundo esperando . As Vendas estão paralisadas. O que mais me chateia é que a mídia finge que nada esta errado, e o pior fazem comparação com a catastrofe que acontenceu nos EUA.
    Tente vender esse apartamento hoje.. e veja se vai vender rapido.
    Responder

    Kassia disse:
    outubro 6th, 2011 at 14:56
    Na realidade eu comprei dois imóveis no mesmo prédio. O momento certo de venda é nas chaves, quando pretendo vender um deles com um bom lucro, e, com esse lucro, quitar o outro, que iriei alugar.

    MrK disse:
    outubro 6th, 2011 at 15:19
    sonho meu…sonho meu…
    posso tudo que eu sonhaaar…

    Kassia disse:
    outubro 8th, 2011 at 1:51
    Mas aí que está o interessante do investimento em imóveis: você compra e fica só olhando durante a obra toda. Vendo os imóveis se valorizarem, e os seus lucros aumentarem. Não tem que ficar naquela loucura do Bolsa de Valores, olhando todo dia, vendo cotações, nada. É só sentar e esperar, tranquilamente, que os lucros virão.
    Então, quem investe em imóveis tem tempo livre para ficar jogando conversa fora na Internet.

    Duda disse:
    outubro 8th, 2011 at 9:51
    A surpresa chegara quando tente vender…

    *******

    Pouco mais de um ano depois…

    Kássia Tavares 22 de janeiro de 2013 18:15
    Querido troll, se vc comprar na planta hoje corre o risco de perder dinheiro no Noroeste, visto que quando ficar pronto, o saldo devedor deve estar maior que o valor do Apto.
    Eu comprei no NW e estou perdendo dinheiro. E quem comprar agora vai perder também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bolhotas malditos!

      Excluir
    2. o MrK tem poderes paranormais e premonitórios, o cara é tenso!

      Excluir
    3. Daqui a alguns meses ela deixa o lado negro da força e adere ao lado luminoso...rsrsrsr

      Excluir
    4. Ué Kássia, você mudou de idéia tão rápido. Antes o investimento era excelente, agora você fala que perde dinheiro.

      Bom saber a realidade. Se bem que eu nunca acreditei nas propagandas que o Correio Braziliense faz sobre imóveis.

      Excluir
    5. Bom pelo menos agora temos uma explicação porque ela defende de forma tão veemente, cega e ilógica o mercado imobiliário.

      Eu estou até com um pouco de pena dela. Imagina ter dois bolhudos na mão, a prestação chegando todo mês, a entrega das chaves para acontecer, ai vem o condomínio, enxoval do condomínio e mais o caramba a quatro. E o pior é que se fizer um destrato agora vai perder tudo para Lopez, isso se não ficar devendo algum, para o Banco e para o advogado.

      É Kassia, não tem como refutar, se eu fosse você nem tentava, o cara deve ter tido um trabalho para organizar estes posts, mas ele te destruiu, aniquilou.


      Excluir
    6. Queridos, eu comprei imóveis em 2010 e estou satisfeitíssima com a rentabilodiade deles como investimento. De 2010 para cá os preços subiram muito, então não vale mais a pena comprar como investimento, apenas como moradia. Isso é o que eu venho falando. Quem comprou antes, surfou nessa valorização. Agora não mais. Mas isso não significa que eu ache que os preços vão cair. Ao contrário, vão continuar a subir, entretanto, para imóvel na planta valer a pena, ou se compra abaixo do preço dos similares pronto, ou há uma perspectiva muito forte de valorização no curto prazo, para superar INCC e custos de transação. Isso não está mais presente no mercado, então imóvel na planta vale, hoje, para comprar para morar e sair do aluguel.
      Eu já aproveitei muito o mercado de imóveis na planta, portanto estou bem tranquila, ao contrário dos bolhotas que precisam sonhar com bolhas imaginárias para comprar imóveis...rs..rs..

      Excluir
    7. Malditos bolhotas, desempregados, invejosos, miseraveis com seus salarios medios de 10K...

      Pobretoes...hahaha

      Voce é a tal...

      Excluir
    8. Ja pensou Kassia se eu tivesse seguido os seus conselhos, estaria MAIS POBRE AGORA!

      Excluir
    9. Pois é Kássia, agora vende o que comprou, somente assim para dizer que teve rentabilidade. Tenta vender aí o que comprou no maior mico da história de Brasília.

      Excluir
    10. Querido Carlos Wagner Flore, você está equivocado sobre meus investimentos.

      Quando eu falo que "comprei imóvel na planta em 2010, e até agora os preços na região que comprei só subiram. , isso se refere a unidades que comprei em São Paulo, mercado que, entre 2010 a 2012, teve uma valorização muito superior a BSB, especialmente em determinados bairros - como o que eu comprei.

      Eu estou "perdendo" (entre aspas pois não realizei o preju) dinheiro no Noroeste, em um apto que eu comprei em 2011. Mas não estou nem um pouco preocupada pois o lucro que estou tendo em SP é umas cinco vezes maior do que o preju no NW.

      Além disso, em 2012 comprei outro imóvel em SP, este pronto, reformei inteiro, vendi com um ótimo lucro e o dinheiro já está inclusive na minha conta (dinheiro este que será usado para quitar um dos aptos que comprei em SP em 2010). O outro, se não vender no preço elevado (bem bolhudo mesmo) que eu estipulei antes das chaves, vou fazer um financiamento.

      Inclusive já obtive propostas no preço (bolhudo - para vcs entenderem..rs.rs) que eu estava pedindo, e acabei recusando e estou neste momento subido ainda mais o nível de bolhudez nos preços dos meus imóveis em SP. Não tenho pressa de vender, estou tranquila, e vou esperar para lucrar o máximo possível.

      Evidentemente que vou vender meus aptos para um bolhota que ficou esperando bolha estourar 4 anos, desistiu, e vai vir até mim, cabisbaixo, com o rabo entre as pernas, vai pegar um financiamento na CEF de 35 anos, e vai me fazer super-feliz com o lucro. Quem sabe pode até ser você, afinal, acho que vc mora em SP, está louquinho por um imóvel, e quem sabe, né? Rs..rs..

      Excluir
    11. Seu ultimo paragrafo deixa explicito seu carater. É exatamente disso que venho falando deste que conheci este espaço esquizofrenico...

      Sem mais.

      Excluir
    12. Uai, o que tem demais isso? Vc é contra o lucro? Eu comprei um papel há anos atrás, agora ele está se transformando em um imóvel. Assumi riscos, ajudei a financiar com meus recursos a contrução de uma moradia. Então eu mereço o meu lucro. Nada mais justo que isso!

      Excluir
    13. Voce tem uma personalidade interessante... Todos os dias ensino a meu filho para ser diametralmente contra o que voce representa para a sociedade. Se é que me entende!

      Excluir
    14. Mais uma invenção, toda hora é uma nova, agora são apartamentos em São Paulo, muito doida veio, esses apartamentos você tirou da cartola heim?

      Quem me dera fosse tão fácil conseguir um apartamento. Vamos ver se dá certo.

      Eu tenho um apartamento 1 por andar na Vila Nova Conceição, com vista para o Ibirapuera, que se valorizou 8x.

      Não, na minha cabeça não funciona não, mas cada loco na sua. Só toma cuidado que as outras pessoas podem achar estranho.

      Excluir
    15. comprar imovel realmente nao e facil. e fica mais dificil ainda se vc acredits em um site wue fala ha 4 anos que os precos vao cair e ficar baratinhos. quanto mais vc acredita nesse tipo de site, mais diatante seu imovel fica. ao so resta chorar e sentar.

      Excluir
    16. Pois é Kássia, eu acreditei e estou me dando bem. O apartamento que era anunciado antes por R$ 700 mil agora está R$ 600 mil e enquanto isso meu dinheiro no Tesouro já rendeu 30% de juros em dois anos. Eu sento e choro de rir sim, do seu desespero infantil.

      Excluir
  26. O blog desta senhora é o único onde a maioria dos comentários é contrário à opinião da dona rsrs Fracasso total. Bisonho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este blog trata do mercado imobiliário como ele é na realidade, e não nos sonhos e delírios dos bolhotas. Então como os bolhotas gostam de sonhar que preços estão caindo, que vão comprar de 3 quartos aptos no Leblon ou no Plano Piloto de BSB por preços de 2008...kkkkkkkk, e eu trago a realidade dos fatos, eles ficam bravinhos...rs..rs..

      Excluir
  27. Kássia, o seu blog trata do mercado imobiliário aos olhos de quem sonha em lucrar sempre. E como você mesma falou, o momento bom de comprar imóveis passou, seja qual for o motivo: morar ou investir.

    Atualmente, os preços estão altos, as vendas a zero, os estoques altíssimos e crescendo a cada dia mais, pois há muita coisa vendida em 2009, 2010 e 2011 que ainda não foi entregue. E como os investidores (na faixa de 40% dos imóveis) irão devolver eles ao mercado ou às construtoras, os estuqoes irão aumentar ainda mais.

    Mas..................faltam compradores.

    E como já temos visto em 212, as construtoras estão sendo obrigadas a dar descontos: é o famoso "dá ou desce". Ou dá desconto ou sai do mercado, senão ninguém compra.

    E uma bolhota como você está morrendo de raiva por dois motivos:

    = comprou apartamento na planta para revender, e não acha comprador

    = não consegue vender nenhum imóvel da sua imobiliária faz meses, porque os compradores pararam de comprar, as pessoas enxergaram finalmente que estamos vivendo uma bolha de preços. Preços artificialmente levantados que não se sustentam mais.

    Te dou algumas sugestões:

    = alugue o imóvel que você vai ficar com ele, afinal de contas a rentabilidade é altíssima (no Noroeste será por volta de 0.3% ao mês)

    = o outro devolva para a construtora e depois entre na justiça para reaver um percentual maior do distrato (a justiça vem considerando que o máximo que as construtoras podem reter em torno de 10% sobre o valor pago).

    = peça a devolução dos valores das taxas SATI e taxa de corretagem (há vários escritórios de advocacia entrando com estas ações). Entre no site do TJDFT www.tjdft.jus.br e procure pelo nome das empresas que você comprou. Há vários processos em andamento e já julgados em segunda instância dando ganho de causa aos compradores, o que dá em média uns R$ 10.000 de indenização. Mas alguns juízes estão dando indenização em dobro, pois entenderam que as imobiliárias agiram de má-fé.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso se a construtora ou banco tiver caixa para restituir, ao pé que estão as coisas eu duvido muito. Mas ela pode entrar na justiça, quem sabe dentro de uns 5 a 10 anos ela consiga reaver uma parcela do valor, claro que o advogado vai cobrar de 15 a 20% do valor, boa parte vai ser engolido pela inflação e isso se ela ganhar a causa e se existir ainda para quem cobrar.

      Além de tudo, se eu fosse ela eu correria, pois você sabe como são esses processos, geralmente os que entram com a causa primeiro conseguem receber uma boa parte de volta, o problema são aqueles que esperam até ver que alguém conseguiu restituir o valor.

      É melhor você correr Kassia se não você vai ter que pagar o condomínio do seu vizinho.

      Excluir
  28. Tenho uma excelente casa , num excelente bairro do Rio de Janeiro. Já tive outros imóveis, vendi todos.
    Já os tive, mas nunca convivi bem com a ideia de viver de alugueis. E tambem não pretendo levar um montão de escrituras no meu caixão.
    Prefiro viajar com minha mulher, beber bos vinhos e comer queijos, que eu adoro. E enquanto posso....rsrs.
    Meus filhos cada qual já tem seu imóvel,estão criados e tocam bem suas vidas.
    A proposito de que vem esta dissertação? . Para me tornar o mais insuspeito possível.

    E agora lhe digo. A BOLHA VIRÁ. Não por uma questão de senho, delírio, ou por força da vontade. MAS POR UMA DETERMINAÇÃO MATEMÁTICA.

    A FGV tem um estudo que calcula a quantidade de pessoas por distribuição de renda. No BRasil.
    Há APENAS 3 milhoes de pessoas com renda mensal acima de 10 mil reais. Vamos admitir, que 2 milhoes dessas pessoas estão satisfeitas onde moram, e desconsideram aventuras.

    Sobram 1 milhão com renda superior a 10 mil mês querendo mudar.
    Acontece, que com essa renda, o que o Sr Mercado atualmente diz , considerando prestações de 3 mil (30% da renda) , é que voce só terá acesso a financiamento de 300 mil para um imóvel novo no valor de 420 mil.

    Ou seja, a FGV e a Caixa, dizem CLARAMENTE que o ADEQUADO para pessoas que ganham 10 mil/mes ( 1,5% da população) , são imóveis de até 450 mil reais.

    Casos especialíssimos de imóveis de 2 milhões , 3 milhões, são pontos fora da curva. A macroeconomia , como o nome diz, se faz para o macro.......E O "MACRO" NO BRASIL É POBRE............
    O que assistimos entre 2008 e 2012 foi atípico. E exatamente por ser atípico, não é a regra geral.
    O ESTOURO DA BOLHA VIRÁ......ou explodindo ou desinflando...vai depender......MAS VIRÁ.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse é ixperrto: vende imóvel para comer queijo!!!
      Queijo caro heim? Rs..rs..

      Excluir
    2. Uai, ele é mineiro!! rssssss

      Alias, pra quem acredita em valorização sempre, seria melhor investir em vinho nao? Estes ficam mais caros com o tempo, certo?

      Vinhos, instrumentos de madeira... a lista é grande!

      Se vc decidir 'investir' em vinho, nois vende o quejo proce!
      kkkkkkk

      Excluir
    3. Excelentes respostas..sinceramente não espérava nada melhor que isso.
      Com esse raciocínio, certamente vão ser os defuntos mais ricos do cemitério....kkkkkk..e vão levar uma vidinha de MMMM.
      Há outrsa maneiras de se ter dinheiro e patrimonio sem ser com imóveis residenciais.
      Vão construir suas "vilas" pra explorar velhimhas aposentadas....e botas no pescoço delas quando elas não pagarem em dia....rsrs

      Excluir
    4. Investir em vinho e em instrumentos de madeira têm prazo de maturação longos e não permitem alavancagem. O grande lance dos imóveis na planta até 200..2010 foi a alavancagem, que multiplica a rentabilidade por 3 ou 4 x, com resultados de 400% ou 500% de lucro.
      Infelizmente isso acabou. Por enquanto, mas acho que no futuro voltará.

      Excluir

    5. Se é pra guardar patrimônio, que tal um simples quadro de um pintor famoso.
      É dinheiro portátil e vale em qualquer lugar do mundo..E valoriza imensamente mais que imóvel.
      E quanto mais o tempo passa , mais valioso fica.
      Para ganhar dinheiro, que tal ser comerciante. Compra por X , vende por 1,5X....
      Está vendo , como existem coisas longe da imaginação do senso comum?

      Excluir
    6. Obra de arte tb não admite alavancagem.
      Acho que vc ainda não entendeu o processo de alavancagem com imóveis na planta.
      Se o imóvel valoriza 50% em 30 meses, um imóvel na planta dava um retorno de 200% nos 30 meses. Não existia nada mais rentável que isso, com esse nível de segurança.
      E quanto a ser comerciante, dá muito trabalho. Estou fora. Quero lucrar sem trabalhar. Apenas investindo.

      Excluir
    7. É que nem bolsa .ganha quem entrou na baixa e ganhou na alta
      E a vaixa do imóvel já era.
      Imóvel na planta agora, vai dar é prejuízo e dor de cabeça.
      ENCOL que o diga.

      Excluir
    8. Algumas inconsistências (agora é assim que se chama)de "teclagem".Desculpem

      Excluir

    9. " E quanto a ser comerciante, dá muito trabalho. Estou fora. Quero lucrar sem trabalhar. Apenas investindo."

      Depende do comercio. Se você vender quinquilharias da China, dá um trabalho desgraçado.

      Mas se você for importador de queijos e vinhos no atacado, não dá trabalho nenhum.
      Basta ter dinheiro e contatos E ainda resta o consolo de apreciar parte do estoque.
      É melhor que comer tijolo ...kkkk

      Excluir
    10. Kkkassia,

      A alavancagem é justamente o maior risco deste tipo de investimento. Mas voce pode fazer alavancagem em outros investimentos, basta comprar meio q 'a descoberto' nao? Voce compra sem ter todo o dinheiro pra pagar, contando que vai vender antes.

      O cara compra N imoveis, contando com um fluxo de caixa X que nao acontece.

      Ai acaba perdendo dinheiro!

      Pode funcionar, mas dependendo do momento é que nem fazer corta-luz no transito! Vai tentando, ja ja vc consegue o que esta procurando!! :DDD

      Alias, a alavancagem (sua ou alheia) provavelmente vai fazer a alegria de algum comprador no futuro (talvez um destes que vc chama de bolhota)!

      Excluir
    11. A minha não. Pois meu fluxo de caixa está equalizado.
      Agora, mesmo quem tenha problema com excesso de alavacagem e não consiga repassar o imóvel antes das chaves, ela sempre tem a opção do distrato. E a construtora não vai vender barato.
      Então, o bolhota nunca vai se dar bem. Pode, no máximo, comprar um pouco abaixo do valor da construtora, adquirindo de um "investidor" que esteja desesperado. Mas o limite do desespero é o valor do distrato, que , em geral é 75% do que foi pago. Se o mercado estiver pofertando menos que isso, opta-se pelo distrato e pronto.

      Excluir
    12. Hehehehe

      'Esta equalizado'! O problema da alavacagem é a capacidade de
      gestao do risco envolvido, nao? Alem disso, tem fatores que
      fogem ao teu controle (entrega do imovel, condição do mercado, etc)!

      75% já seria um bom desconto! Só que cada caso é um caso, as vezes
      é melhor pro cara vender pra terceiros do que o distrato! Ai quem
      compra pode ser dar bem (o 'bolhota' aqui ja).

      Bolhota ou nao, ja ganhei algum com imoveis, apenas acho que ja deu...
      Risco maior, retorno menor... é procurar outra praia e aguardar a proxima
      onda! :D


      Excluir
  29. Voltando.....

    A Barra da Tijuca, é um bairro nobre do Rio de Janeiro com aprox. 300 mil habitantes.
    Considerando a ocupação média de 4 pessoas / un , chegamos a um total de 75 mil unidades habitacionais ocupadas.

    APENAS a corretora ZAP, oferece 14 mil unidades para venda....

    Ou seja, num bairro com uma das maiores procuras do Rio de Janeiro, praticamente sede das Olimpíadas de 2016 ( que dizem ser o grande motor de vendas) , HÁ 14 mil aptos à venda, num universo de 75 mil ocupados.
    O QUE ISTO SIGNIFICA ??????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paraaaaaaa com isso... a Barra da Tijuca é quase do tamanho da Zona Sul toda, só olhar no mapa... quantos imóveis para venda tem na Zona Sul? Segundo o ZAP são 14.796 imóveis o mesmo que na Zona Sul.

      Essa conta que tem aproximadamente 300 mil habitantes esta defasada isso segundo o IBGE tinha isso em 2010 ... e ainda afirmar que tem 75 mil unidades com 4 pessoas não faz sentido... segundo o IBGE são 86.263 isso em 2010...

      O QUE ISTO SIGNIFICA ??????

      Que estamos em 2013 e seus dados estão ultrapassados... em dois anos muita coisa mudou... só colocar no Google Earth e voltar no tempo, isso sem contar que a Barra é um dos bairros que mais crescem no Rio de Janeiro, tanto em imóveis quanto em população, claro que não podia dixar de falar do trânsito para entrar e sair do bairro mas isso é outro coisa...

      Excluir

    2. OK vamos refazer as contas segundo SUA informação.

      Eu tinha dito anteriormente que a taxa desocupados/ocupados era de 18,6%
      Mas vamos usar seus números:

      14.796 / 86263 = 17,15% ( apenas na ZAP,sem considerar outras corretoras)

      A pergunta ainda se põe: O QUE ISTO SIGNIFICA??......rsrs

      Excluir
    3. Não significa nada. A pessoa quer vender um apto, então ele entrega para 30 imobiliárias. As 30 imobiliárias vão anunciar. Aí vc vai achar que tem 30 imóveis sendo vendidos, quando tem apenas 1.

      Excluir
    4. Senhora Kassia, esta informação que você postou corrobora com a minha tese de que o índice FIPE-ZAP não é confiável para estimar a valorização imobiliária. Não tem como excluir duplicidades. Além de não se basear em valores reais, e sim em valores anunciados.

      Excluir
    5. Como não tem como excluir? Basta o imovel ter o mesmo endereço e mesma descrição que a duplicidade está caracterizada. O FIPE-ZAP deixa claro que retira os anúncios duplicados na metodologia.

      Agora, interessante ver os bolhotas molhadinhos quando o FIPE-ZAP dá negativo. Gozado! Quando dá positivo não vale, mas quando dá negativo, eles ficam excitadinhos...

      Excluir
    6. Janeiro de 2013 ZIP/ZAP/ZUM dará ZERO ou NEGATIVO......kkkkk......Melhor vender enquanto é tempo.......Depois será a debacle..Igual a aos EUA, Irlanda, Japão, Espanha, Portugal...cansei......kkkk

      Excluir
    7. Mais uma vez não faz sentido, niguem sabe ao certo quantos imóveis estão realmente vazios. Tem muita gente que esta vendendo mas continua morando.

      Excluir
  30. É simples! Se já especula a possibilidade de bolha é porque ela existe. É simples assim.

    A Kássia é uma coitada que levou fumo como se diz aqui na região.

    Cabe a você Kássia, dizer que estava errada e ponto final. Assumir isso é indolor e vai tirar um peso das suas costas e mostrará humildade.

    O problema é que para pessoas orgulhosas, assumi o erro é pior.

    Pessoas erram e você estava errada.

    ResponderExcluir
  31. Mas o que é isso? Tem um enxame de bolhotas aqui hoje!
    Atenção senhoras e senhores com mentes pouco aquinhoadas no quesito inteligência. Favor se dirigirem ao bolhaimobiliária: o melhor site para besteirol sobre mercado imobiliario. Segue o link : www.bolhaimobiliaria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bolhotas unidos jamais serão vencidos !!!

      Excluir

    2. Quer dizer que se alguém postar uma opinião PRÓPRIA que seja diferente da sua,e que tenha uma argumentação plausível ou não, em vez de ser rebatido com outro argumento, é desclassificado e recebe a alcunha de Bolota...
      Interessante.

      Excluir
    3. Se alguém faz isso lá, por outro lado, é taxado de corvo, petroboy, entre outras coisas.

      Gosto do blog lá, acompanho os tópicos, tem muita coisa boa, mas, nesse ponto, não são muito diferentes.

      Excluir
  32. Bolhota com muito orgulho tia.

    ResponderExcluir
  33. Kássia, dei uma lida rapidamente em alguns comentários e tenho algumas opiniões a apresentar.

    O site bolhaimobiliária.com na verdade se iniciou certamente com várias pessoas que não entendiam como um sonho que estava tão próximo ficou tão distante. Estavam como estão certos. Tem alguma coisa errada.

    O mercado imobiliário travou, os preços estão ou talvez estavam exagerados, pois já começam a ver grandes descontos na surdina. Compro o jornal todo domingo desde junho de 2011. Quem ganhou ganhou, agora resta saber o resultado disso tudo.

    Certamente o Noroeste tem tudo para dar certo, mas não agora. Quem sabe daqui a 10 anos. Só tem uma coisa, em 10 anos muita coisa pode mudar. Pensei em comprar lá, mas imaginei que poderia ser um tiro muito no escuro para um investimento daqui 10 anos. Prefiro procurar um retorno mais próximo e mais certo, até mesmo porque esses últimos imóveis estão tendo grandes problemas com estrutura e entrega.

    Ah...os preços quando caem, caem em efeito dominó. Não existe lugar que escape. Podem existir diferenças, mas tenho certeza que seu imóvel tiver valendo 600 mil e você puder vendê-lo para comprar 30 em planaltina com um retorno aluguel bem maior, vc fará, salvo se você não for investidora.

    Só para concluir, não foi a classe média que aumentou em número, na verdade foi a classe média que abaixou e a classe baixa cresceu. Podemos dizer que tentaram extinguir a classe média e criar uma classe baixa mais alta e isso vai ser percebido agora com a inflação.

    Agora estão começando os reajustes do IPTU de acordo com a valorização dos imóveis, condomínio mais caro e o aluguel em vez de aumentar terá que diminuir, para acompanhar o poder financeiro da população. Aí vem aqueles velhos problemas, lembra? Inadimplência, tirar locatário, cobranças judiciais, discussões sobre os juros da caixa na justiça. É cíclico....Quem toma grapete repete...

    ResponderExcluir
  34. Tia k!

    Quero te ajudar com os dois apartamentos que estao encalhados.
    Quanto estao valendo, vende para mim, vende!?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela comprou esses dois apartamentos para aguardar a visita do MOTUMBO!!!! kkkkkkk

      Excluir
    2. A dívida deve estar altíssima. Sai de perto que a mulher vai pirar.

      Excluir
  35. Por falar em Motumbo, teve um diálogo no Bolha esses dias que foi IMPAGÁVEL (infelizmente censurado). Eu rachei o bico de dar risada, mas como eu tenho os prints, vou reproduzir. Trata-se de uma discussão entre o F.Paes e o Andre Luiz ZS/RJ, segue abaixo:

    André Luis ZS/RJ disse:

    janeiro 29th, 2013 at 13:53
    Curto e grosso, Vai tomar no C* seu babaca, rala peito, sai fora, queima o chão, some, sarta de banda, vai para a PQP, não enche.
    Tá achando que vai ficar aqui flodando o blog igual no outro dia?
    Vai procurar a tua mãe na zona corretorzinho de titica.
    E sim, sou muito mal educado, mesmo tendo argumentos de sobra para derrubar qualquer comentário seu, mas eles não valem a pena serem debatidos.
    Porque gente pra te rebater aqui tem aos montes, mas basta um pra te colocar no seu lugar, que é bem longe daqui.



    F. Paes disse:
    janeiro 29th, 2013 at 14:24

    kkkkkkkkkkkk. André vc me diverte, cara!!!! To há um tempo pra falar isso aqui, mas achei o momento oportuno.

    Esse seu jeito babaca de ser, xingando as pessoas, machão atrás do teclado só o torna hoje a chacota do blog.

    E essa macheza toda… hum sei não!!

    Pensa que eu não reparo que vc sempre se refere ao Motumbo com um certo respeito, sempre idolatrando a figura do “principe africano” (sic).
    Mesmo sendo um bolhudo xiita, tu deve é gostar de levar umas motumbadas…

    Já mora em Copacabana, nacionalmente conhecido como o bairro das bichas-velhas. Sei não....


    André Luis ZS/RJ disse:
    janeiro 29th, 2013 at 15:15

    Oh deus sou a chacota do Blog! Ninguém me cita! O babaca do F. paes está tentando me desacreditar!
    Oh meu deus o que faço, ele me chamou de bicha velha!!! OMG!!!

    A única chacota aqui é vc, que nunca teve coragem de debater comigo, marca a hora e o lugar, porque certamente vou ter o prazer de quebrar os seus dois joelhos.



    ramone disse:
    janeiro 29th, 2013 at 15:18

    Hahaha, o Paes tem razão. Você é muito babaca, cara. Dá vegonha alheia

    André Luis ZS/RJ disse:
    janeiro 29th, 2013 at 13:55

    Tua tá te esperando lá na zona cara, sai fora que você está atrasado já.


    F. Paes disse:
    janeiro 29th, 2013 at 14:17

    kkkkkkkkkkkkkk André vc me diverte, cara!!!!!


    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Rachei o bico...eu amo o bolha...o melhor site de humor besteirol (involuntário...kkk) da Internet no momento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kássia, você não sai do www.bolhaimobiliaria.com, não é?

      Participe do fórum à vontade, assim como você participa do fórum skycrapercity com a alcunha Fullgencio.

      Excluir
    2. Logo logo veremos o nick Tia Kassia por lá - rsrsrsrsrs

      Excluir
    3. Ela não tem coragem de usar o nick Kássia Tavares no bolhaimobiliaria, pois o poder argumentativo da Kássia é muito fraco. Ela facilmente apela quando começa a perder.

      O Fullgencio no Skycrapercity quando começa a perder na argumentação começa a usar termos pejorativos:

      http://www.skyscrapercity.com/showpost.php?p=99700157&postcount=4521

      Olha só o que o Fullgencio disse:

      Oi colega, então você “ganhou dinheiro nisso tudo”, “se aproveitando da situação”, vendendo, no segundo semestre de 2011 “imóvel comprado em 2008 por mais do que o dobro, coisa do tipo 2,4 vezes o valor de compra”. Uau!

      Realmente você deve ser de uma inteligência fenomenal para conseguir tal rentabilidade, visto que não existe imóvel que valorizou 140% entre 2008 e o “segundo semestre de 2011”.

      Nesse período a valorização foi de 70%, e eu sei disso pois acompanhei vários negócios no período. Um apto de 4qtos como este aqui, por exemplo, foi comprado no segundo semestre de 2007 por R$ 1 milhão, e vendido no segundo semestre de 2011 por R$ 1.75 milhão – valorização de 75%.

      Acompanhei também aptos de 2 quatros na SQN 311 comprados por R$ 390k em 2007 e vendidos por R$ 690K em 2012 – valorização de 76%.

      Como se não bastasse, vi quitinetes na asa norte (green park) e asa sul (grand ville) vendidas em 2008 por R$ 150k, e que hoje valem R$ 250k – valorização de 66%.

      E para não ficar só no Plano Piloto, eu acompanhei a negociação de apto em Águas Claras, andar alto, nascente, vendido em 2008 por R$ 220k, e que hoje vale 350k – valorização de 59%.

      Portanto, eu sei que alguém poderia ter pensando assim: “como o FIPE-ZAP subiu 140% de 2008 para 2012, então seria de se esperar 140% de valorização entre 2008 e 2011, sendo possível dizer que "vendi [no segundo semestre de 2011] "por coisa do tipo” 2.4 vezes o valor". O problema é que esses dados não valem para Brasília.

      Então, eu só faço esse alerta para que você reveja seus cálculos, pois mesmo alguém com uma ultra-inteligência como a sua, “muito acima da mediana” , pode ter se equivocado nos cálculos de rentabilidade, já que os números que vc coloca não batem com os fatos.

      Excluir
  36. Kássia, vc poderia melhorar o nível de seu site evitando colocar essas baixarias. Não agrega nada!
    Tenho acompanhado seus escritos, porém o nível daqui tem caído muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este fórum aqui é muito ruim, as matérias são de baixa qualidade, fica parecendo blog de corretor de imóveis que não está conseguindo atingir a meta de vendas, e depois cria um blog para estimular as vendas.

      O problema está nos preços e no acabamento. Apartamentos que não valem o que pedem e acabamentos ruins. Péssima hora de investir em imóveis o momento atual.

      Excluir
    2. Se ela tirar os comentários ninguém mais acessa o site. É muito hilário ler tudo isso.

      Excluir
    3. Anônimo 1 de fevereiro de 2013 09:55

      O nível deste blog sempre foi muito ruim, mas eu sempre acompanho pois gosto de ver o poder argumentativo de quem está em desespero.

      Os corretores riram muito da cara dos compradores durantes estes anos, achavam que nós eramos pobres, burros, derrotados, fracassados, como a própria Kássia falou em certo artigo que QUEM NÃO COMPRA IMÓVEIS É INCOMPETENTE.

      Cansei de ouvir pressão de corretor para fechar logo a compra de imóvel, de tentar forçar a venda, o pagamento da entrada sem sequer eu ver a planta do imóvel, e tantos exemplos mais, com mentiras, forçações de barra, desrespeito, seja no nível intelectual seja no nível contratual.

      E hoje fico feliz, porque a festa deles acabou. O leilão imobiliário acabou. Hoje eles tem imóveis em estoque, e nós compradores temos o dinheiro.

      E quanto mais eles tentam negar a bolha, mais eu me convenço de que ela existe e está mais forte.

      E cada dia que passa me surpreendo, com faixas maiores nas ruas, com corretores nos lugares mais inesperados, fazendo propaganda de imóveis, usando de espaços usados antes por vendedores de AVON.

      A venda de imóveis virou uma coisa banal, como se qualquer um a qualquer momento fosse comprar um, sem pensar, sem fazer as contas, sem analisar.

      Senhores corretores de imóveis, espero que com tudo isto aprendam a respeitar os compradores de imóveis.

      Excluir
  37. Tia Kassia, em blogs anteriores a Sra. disse que o pico de preço de imóveis seria em 2013. E agora, o que pretende fazer ? Irá vender todos eles? Vai manter um ou vai para o aluguel ?

    ResponderExcluir
  38. Eita, bolha dos comentários.

    Parabéns,Kássia. Conseguiu o que queria, atrair todas as atenções.

    Mas note os fatos:

    - As empresas só produzem mais do que conseguem vender quando elas possuem um nítido interesse de formar estoques. Mas faz sentido formar estoques no mercado imobiliário?

    - Faz sentido o estoque no mercado imobiliário aumentar e os preços permanecerem aumentando? Qual a lógica por detrás disso?

    Eu acredito fortemente que a SELIC não cai mais esse ano, ou seja, o modelo BIS/YALE não poderá mais responder ao estímulo de crédito via variação de taxa de juros.

    Acredito que a economia vai crescer mais que em 2012, embora não muito, mas a produtividade do trabalho não, o que significa que os salários não aumentarão muito. O modelo BIS/YAle não responderá à varição do PIB.

    A bolsa de valores está andando de lado, e no Brasil, como todo o demais, as lógicas são diferentes. Mercado imobiliário e bolsa de valores são mercados de poupança CONCORRENTES e não COMPLEMENTARES, sabe por quê? Pois o nível de poupança das famílias no Brasil é pífio. Se a bolsa subir, o mercado de imóveis cai. No entanto, suponhamos que permaneça do jeito que está, andando de lado. Mais uma vez a componente do modelo de BIS/YALE não vai impactar na variação positiva do preço dos imóveis.

    Se, mesmo assim os preços continuarem subindo, a explicação estará somente no erro idiossincrático já que todas as componentes explicativas são nulas. Se algo sobe "sem explicação" é por quê?

    Eu acredito que NÃO EXISTE bolha no Brasil. Bolha de CRÉDITO, ponto final. Mas existe sim uma bolha de expectativas, que muito em breve será frustrada, pois as expectativas estão todas depositadas no preço dos imóveis.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que existe no Brasil é uma bolha de preços, que não sofreu as consequências em virtude de dois fatores:

      a) crédito fácil
      b) compra de imóveis por investidores

      O problema atual é que o crédito mais fácil não supre mais às necessidades do mercado, já que raríssimas pessoas tem a renda suficiente para comprar os imóveis que estão hoje em estoque.
      Ex. veja em Brasília quantos imóveis temos acima de R$ 500.000 para venda. Quantas pessoas tem renda para comprar estes imóveis?

      Investidores já sumiram, quem vai comprar para alugar não vai mais, restam os compradores para moradia.

      E por fim, o sucesso de vendas começa a mostrar sua cara. Uma grande parte destes imóveis foi vendido para investidores que venderam ou irão vender estes imóveis (na verdade ágios), e voltam ao mercado.

      O resultado disto tudo é um estoque altíssimo sem o correspondente mercado comprador.

      Teremos por 5 ou 10 anos muitos imóveis novos desta leva atual de construções.



      Excluir
    2. O pior é que mesmo quando os preços caírem, ainda assim não vai compensar a compra pois a imensa maioria dos imóveis estão sendo construídos "nas coxas"... materiais de qualidade bem duvidosa...

      Excluir
    3. Parabéns,Kássia. Conseguiu o que queria, atrair todas as atenções.

      Eu não estou preocupada com acesso ou atrair atenções. Este espaço é apenas para eu emitir opiniões. Não estou preocupada se 0 pessoas as lerem ou 100. Meu objetivo não é ter acesso no blog.

      Faz sentido o estoque no mercado imobiliário aumentar e os preços permanecerem aumentando? Qual a lógica por detrás disso?

      Por isso que os lançamentos diminuíram em 2012. Para reduzir os estoques.

      Eu acredito fortemente que a SELIC não cai mais esse ano, ou seja, o modelo BIS/YALE não poderá mais responder ao estímulo de crédito via variação de taxa de juros.

      Concordo que a SELIC não cai mais, mas o modelo de BIS/YALE prevê que o efeito das reduções de juros básicos é observado nos preços dos imóveis nos quatro a seis semestres subsequentes ao processo. Portanto, o efeito de reução da SELIC para 7,25% vai produzir efeitos nos preços dos imóveis nos próximos 2 ou 3 anos.

      Acredito que a economia vai crescer mais que em 2012, embora não muito, mas a produtividade do trabalho não, o que significa que os salários não aumentarão muito. O modelo BIS/YAle não responderá à varição do PIB.

      Responderá sim. O modelo fala em variação do PIB. E só. O PIB sobe, tem reflexos nos preços em 3 ou 4 semestres subsequentes. Ou seja, o PIB mais robusto de 2013 terá efeito sim nos preços - que vão subir.

      A bolsa de valores está andando de lado, e no Brasil, como todo o demais, as lógicas são diferentes. Mercado imobiliário e bolsa de valores são mercados de poupança CONCORRENTES e não COMPLEMENTARES, sabe por quê? Pois o nível de poupança das famílias no Brasil é pífio. Se a bolsa subir, o mercado de imóveis cai. No entanto, suponhamos que permaneça do jeito que está, andando de lado. Mais uma vez a componente do modelo de BIS/YALE não vai impactar na variação positiva do preço dos imóveis.

      O modelo de BIS/YALE mostra que bolsa em elevação leva a preços de imóveis em elevação nos semestres subsequentes. Portanto, se a Bolsa ficar estável, a contribuição será neutra. Se subir, mais um componente a acelerar os preços.

      Se, mesmo assim os preços continuarem subindo, a explicação estará somente no erro idiossincrático já que todas as componentes explicativas são nulas. Se algo sobe "sem explicação" é por quê?

      Vou contar um segredo para você. Os preços já estão subindo em 2013 em ritmo mais acelerado que 2012. A procura por imóveis está crescendo absurdamente neste final de janeiro. ABSURDAMENTE. Não sei se todas as ligações que estou recebendo se tornarão negócios, mas a procura está muito elevada. Muito mesmo.

      Quem estiver esperando preços estáveis em 2013 ou acompanhando a inflação vai se dar mal. 2013 TERÁ VALORIZAÇÃO REAL DOS IMÓVEIS NO Brasil.


      Eu acredito que NÃO EXISTE bolha no Brasil. Bolha de CRÉDITO, ponto final. Mas existe sim uma bolha de expectativas, que muito em breve será frustrada, pois as expectativas estão todas depositadas no preço dos imóveis.

      Excluir
    4. Kássia, não estou vendo preços subindo, ao contrário. Recentemente fui olhar um apartamento que estava por R$ 9.000 o metro quadrado, mas já me ligaram oferecendo R$ 7.500.

      Excluir
  39. Kássia, aproveite a popularidade do blog que coloque uns anúncios do Adsense! Vai aparecer um monte de anunciante do setor imobiliário no seu blog. Você vai faturar horrores!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Queridos, vocês têm uma percepção equivocada da realidade. Este blog não tem muito acesso, principalmente comparado em termos de Internet. O acesso aqui é pífio. Este artigo aqui mesmo, nem chegou a 1000 pageviews ainda. Isso é ridículo em termos de Internet. O assunto bolha imobiliária é uma questão pequena atrai apenas algumas poucas pessoas que estão interessadas no assunto e mais nada. A imensa maioria das pessoas nem quer saber de bolha.

      Excluir
    2. Não pense somente em quantidade de acessos. Pense também em qualidade de acessos. O camarada que acessa seu blog vai ficar encantado com o mundo maravilhoso dos imóveis e não vai pensar duas vezes antes de sair clicando em tudo que é anúncio! Eu clicaria! Tá deixando uma oportunidade passar entre seus dedos.

      Excluir
    3. Aí que você se engana Kássia Tavares,

      Está todo mundo falando em bolha imobiliária.

      Ainda mais agora depois do fiasco do Setor Noroeste publicado no site do uol.

      Excluir
    4. Não precisa desse ranço todo com o Setor Noroeste. Sabe aquele ditado: quem desdenha quer comprar? Então, se aplica à você. Ao invés de ficar dando demonstrações públicas de inveja de quem comprou no NW, vc deveria juntar dinheiro para poder comprar um imóvel lá e parar com esse complexo seu.

      Excluir
  40. I don't need to fight, to prove i'm right. (The Who)

    ResponderExcluir
  41. Enquanto isso, na Bahia:

    Brumado: Bolha imobiliária continua se expandindo, mas projeção é de inevitável explosão

    http://www.97news.com.br/noticias_abrir.php?ct=10&id=11616

    ResponderExcluir
  42. A falácia do crédito imobiliário em relação ao PIB

    Nos EUA, a bolha imobiliária estourou quando o crédito imobiliário em relação ao PIB atingiu 79%. Para estimar um valor aplicável à Banânia, podemos supor que um valor crítico (C) de crédito em relação ao PIB dependa dos seguintes parâmetros: P1 – parcela da população que pode finaciar alguma coisa, P2 - poder de paridade de compra dessa população. O valor crítico será tanto maior quanto maior forem esses dois parâmetros.

    P1: Parcela da população que paga imposto de renda
    BR: 12.5%
    US: 53.0%

    P2: GDP per capita (Purchase Power Parity)
    BR: $ 11,800 USD
    US: $ 48,300 USD

    C = alfa * p1 * p2

    C(BR) = alfa * 12.5 * 11.8
    C(US) = alfa * 53.0 * 48.3 = 79 –> alfa = 0.03086058

    C(BR) = 0.03086058 * 12.5 * 11.8 = 4.6%

    CONCLUSÃO: Como o valor do crédito imobiliário em relação ao PIB está em cerca de 6%, significa que JÁ ULTRAPASSAMOS O PONTO CRÍTICO PARA O ESTOURO DA BOLHA IMOBILIÁRIA BANANENSE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho uma leve impressão que esse comentário não será respondido.

      Excluir
  43. Kássia, acho que vou começar a bater em você também...
    Tá ficando sozinha no meio de tanta informação, inclusive com notícias vindas da GLOBO, tudo ao contrário do que vc diz.
    Já caiu em descrédito...
    Tá parecendo o Titanic, só falta afundar a popa, o resto já foi pro fundo.
    Heheheheheheh...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Notícia vinda de O Globo? Qual, aquela que foi falsificada no Bolha Imobiliária?

      http://www.politicaeconomia.com/2013/02/blog-bolha-imobiliaria-falsifica.html

      Na boa, será que o editor lá acha que os leitores do blog são uns idiotas? Não é possível! O sujeito me faz uma falsificação grotesca dessa/ será que ele imagina que isso não será confrontado com os fatos?
      Talvez eles tenham imaginado que por ter saído no jornal impresso, e não na Internet, iria ficar o dito pelo não dito.
      Não ficou! Ou seja: segunda notícia falsa publicada pelo blog bolha imobiliária!

      Excluir
  44. Anonimo,

    Eu também tenho essa curiosidade!

    Queria ver uma foto da Kassia, a gente fica imaginando a pessoa pelo que le, pela personalidade que ela demonstra!!

    Alem disso, to quase pedindo ajuda dela pra vender um bolhudinho, ja 'em 2013 teremos o auge dos preços'! Me responda se tiver interesse!! ;-)

    ResponderExcluir
  45. Prezados,

    Pode haver diversos argumentos de que nao exista bolha no mercado de imoveis das principais cidades brasileiras, porem o fato de a proporcao de credito imobiliario sobre o PIB no Brasil ser muito baixa nao tem qualquer relacao com a eventual existencia, ou nao, de bolha imobiliaria.
    O que ocorreu nos EUA foi que, como a proporcao de credito imobiliario era enorme, o estouro dos precos dos imoveis contaminou o mercado de credito como um todo e provocou a quebradeira dos bancos.
    No Brasil, a bolha imobiliaria, caso exista e caso estoure, nao provocarah, obviamente, o dano que provocou nos EUA. Porem, usar o argumento de que a relacao credito imobiliario sobre o PIB eh muito baixa no Brasil e, portanto, nao haveria bolha imobiliaria eh um complento nonsense.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vai haver quebradeira, mas vai haver queda de preços, e é isso que o povo gosta! Ninguém torce pro país quebrar. Torcemos pra especulação nonsense acabe.

      Excluir
  46. Infelizmente a bolha já chegou, morei em um estado do Brasil em que os imóveis de 350 mil e os de 250 mil já estão ha 160 mil e 135 mil, olha os valores são com toda a mobilia, já em SP, voltei tem uns 6 meses, estou vendo imóveis com PLACA VENDE/ALUGO, nunca em minha vida tinha visto em SP tantos imóveis com este tipo de anuncio ou era um ou outro, as pessoas não estão conseguindo vender. Fico triste pois as coisas vão ficar ruins para o Brasil, e o povo não percebeu ainda a situação do Brasil.

    ResponderExcluir
  47. A bolha imobiliária é um fato, só não ver quem não quer. Estas notícias de jornais são todas fantasiosas, tudo para iludir comprador.

    ResponderExcluir

Observação: comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões) ou conteúdo ofensivo, racista, homofóbico ou de teor neonazista ou fascista (e outras aberrações do tipo) serão apagados sem prévio aviso.