sábado, 17 de junho de 2017

Fora Temer 2017 = Lula Lá em 2018

Se para alguns ainda não estava claro o objetivo do movimento de desestabilização do Governo Temer em curso no País desde a divulgação da gravação Joesley Batista há cerca de três semanas atrás, agora, com a entrevista do mesmo Joesley à Época, está cristalino.


O objetivo do que está em curso no País é derrubar o governo Temer e preparar a volta de Lula ao Planalto em 2018. E quem está bancando isso é o Sr. Joesley Batista, um dos maiores empresários do mundo, com empresas que faturam quase 100 bilhões de dólares em 2016.

O último lance desse processo é a “entrevista bomba”, totalmente alinhada e combinada com a Procuradoria Geral da República, de Joesley à Época, na qual ele acusa Temer de ser o chefe de uma organização criminosa, e diz que “Nunca tive conversa não republicana com o Lula. Zero. Eu tinha com o Guido. Conheci o Lula no final de 2013" (veja aqui).

Então o que temos hoje: Lula, “o republicano”, nas palavras de Joesley, liderando todas as pesquisas de opinião para 2018. E os principais líderes anti-PT sendo perseguidos pela PGR ou pelo STF.

Basta lembrar que Aécio Neves está afastado do Senado, sua irmã está presa, e pesa contra Aécio um pedido de prisão a ser julgado esta semana no STF, pela primeira turma do STF, que tem 5 ministros, dos quais 3 indicados pelo PT.

Lembre-se que:
  • O sr. Rodrigo Janot foi indicado ao cargo de Procurador Geral da República pelo PT .
  • O ministro do STF que está julgando esse processo, o sr. Fachin, foi indicado pelo PT e foi um entusiasta defensor da candidatura de Dilma à Presidência da República, conforme pode ser visto no vídeo abaixo.



E o Sr. Joesley pulou de um faturamento de R$ 4 bilhões de reais para R$ 186 bilhões depois de empréstimos bilionários feitos pelo BNDES entre 2006 e 2010, quando o Sr. Lula, o “republicano”, era Presidente da República.

Ocorre que para o plano de colocar Lula no Palácio do Planalto em 2018 a economia brasileira precisa estar ruim. O PIB precisa estar caindo com recessão e desemprego subindo. Só que caso seja mantido o governo Temer, não é isso que irá acontecer, pois a economia brasileira já deixou a recessão para trás. E o desemprego começou a cair.

As taxas de juros estão desabando, e até as mais pessimistas consultorias econômicas apontam que em 2018 o Brasil crescerá em torno de 3%. Só que esse crescimento subirá ao longo do ano, então é provável que a economia brasileira esteja crescendo a mais de 5% três meses antes da eleição de 2018, com o desemprego desabando e o consumo bombando.

Um cenário econômico desse será muito favorável ao candidato do Governo. E é por esse motivo que o PT precisa derrubar o Temer já, pois com o Temer fora da presidência, cria-se um ambiente de incerteza no País, e aborta-se o processo de crescimento em curso. E o país será jogando na recessão novamente.

E um ambiente conturbado, com alto desemprego e a ideia disseminada de que todos os políticos são corruptos que favorece exatamente o Lula, como mostram as pesquisas atuais, onde ele lidera em todos os cenários.

“Ah, mas o Joesley disse que o PT institucionalizou a corrupção”, então ele estaria contra o PT também, poderia pensar os mais desavisados. Isso é apenas para dar uma aura de isenção. Mas observe que ele atira na Dilma – que é carta fora do baralho. E também no PT.

Ocorre que o Lula é mais do que o PT. O PT pode estar queimado, mas o Lula ainda é muito forte, e eles sabem disso, e não precisa de imagem boa do PT para se eleger. Então não se engane: a ideia de que Joesley/Jonot/Fachin é imparcial pois "ataca o PT também" é pura enganação. Quem eles precisam preservar, que é o Lula, está sendo preservado, pois ele que será eleito em 2018, e o PT estará junto com ele.

Conclusão


Se você é um moralista anti-PT que embarcou nesse “Fora Temer” em 2017, saiba que você está sendo manipulado e vai colher um Lula Lá em 2018. Depois não venha dizer que eu não avisei.

6 comentários:

  1. Kassia, como está o Noroeste?

    Já chegou coleta de lixo aí? E iluminação pública? E água encanada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já estou morando aqui faz mais de 3 anos, e está um espetáculo. Trânsito zero. Sim, no começo quando chovia faltava luz, mas faz mais de 2 anos que a CESB ativou a estação de distribuição na 107 e agora nunca mais tivemos quedas de energia. No começo foi difícil achar Internet, mas agora temos GVT de 300 MPS. um show!
      Amei!

      Excluir
    2. Outras perguntas:

      1 - Na época que o Noroeste foi lançado havia o conceito que o sistema de recolhimento de lixo seria por tubulação a vácuo, direto dos apartamentos para as estações de tratamento, conforme é em Barcelona. Isso foi pra frente?

      2 - E a fiação de transmissão de energia aí é aérea ou subterrânea?

      3 - O Parque Burle Marx vai sair? Tem previsão?

      Excluir
    3. Sim, tinha, mas não foi implentada o recolhimento por tubulação.
      Mas já existe o recolhimento seletivo.
      A fiação uma parte é aérea, e outra subterrânea, como todos os bairros que começam em Brasília. Depois eles tornam tudo subterranea. Como foi no Sudoeste.
      O BUrle Marx vai sair, mas não sei quando. O PT usou todo o dinheiro arrecadado no Noroeste, com vendas de projeções e etc, para construir o Mané Garrinha, de 2,5 bilhoes de reais. Que agora não serve para nada.
      Brasilia estava falida. O Rolemberg está gradativamente tirando do buraco, e acelerando algumas obras mais importantes, com o trevo de triagem norte.
      Então tem que esperarr.
      Mas o bairro é óitimo.

      Excluir
  2. Interessante. Sudoeste levou uns 15 anos pra se consolidar. Noroeste deve se consolidar por volta de 2030.

    Qual vai ser o próximo eixo de desenvolvimento em Brasília? Para as classes A ( que hoje ocupam NW, SW, AS, AN, SHIS, SHIN e SMPW) e B (que hoje ocupam Taguatinga, Aguas Claras)?

    Águas Claras tem se tornado o reduto da Classe B. Do google earth dá pra ver que ainda tem bastante terreno livre, mas o adensamento lá já tá gigante. Vai ficar parecido com Copacabana ou Tijuca aqui no Rio. É só a economia voltar a crescer e em 5 anos já vai estar toda ocupada.

    Onde vai ser o vetor de crescimento de Brasília depois desses? Onde vai ser a "Barra da Tijuca" daí?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda tem toda a área do Setor de Oficinas Norte, que pode virar residencial, assim como já estão fazendo com o Setor de Oficinas Sul.
      Mas o vetor mesmo será a área abaixo da antiga rodo ferroviária. Na parte que fica atrás do cruzamento entre a EPIA e o Eixo Monumental. Atrás da antiga rodoferroviária até a cidade do automóvel está prevista uma nova cidade lá.

      Excluir

Observação: comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões) ou conteúdo ofensivo, racista, homofóbico ou de teor neonazista ou fascista (e outras aberrações do tipo) serão apagados sem prévio aviso.