terça-feira, 1 de outubro de 2013

FGTS em R$ 750 mil turbina valorização dos imóveis

Ontem o governo federal anunciou uma medida há muito tempo esperada pelo setor imobiliário: elevação do teto para compra de imóveis financiamentos pelo SFH com uso do FGTS para R$ 750 mil reais (o teto era de R$ 500 mil reais até então).
O valor de R$ 750 mil, porém, só é válido para Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro. Demais capitais tiveram elevação do teto para R$ 650 mil reais. A questão que fica é: qual será o impacto dessa medida nos preços dos imóveis?

Um artigo do Infomoney argumenta que a medida terá "efeito positivo na demanda por imóveis na faixa de R$ 500 mil a R$ 750 mil (...)" e que "se não vier acompanhada de medidas para o aumento da oferta de imóveis (...) em breve veremos uma valorização de casas e apartamentos de até R$ 750 mil nos principais Estados do país".

Em outro artigo, do G1, a diretora jurídica da Associação dos Mutuários de São Paulo e Adjacências acredita que "o mercado tem mantido um aquecimento razoável, mas menor do que antes. Então [o aumento de preços] é um risco, porque agora vai aumentar a procura”.

Na mesma matéria, o diretor da Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio), Luiz Paulo Pompéia, considerou que os "preços eventualmente podem subir, mas eu diria que o impacto na valorização dos imóveis será muito pequeno, porque apenas uma fatia do mercado foi atingida e que estava fora e agora vai poder entrar”.

Dessa forma, observa-se que há um certo consenso formado entre os principais atores do mercado imobiliário de que haverá sim um aumento nos preços. Na realidade, os preços já vinham aumentando, e podem sofrer um processo de aceleração nessa valorização.

Estimar esse impacto é um exercício de futurologia, mas a medida do governo afeta três variáveis fundamentais na formação de preços de imóveis:

1. Quantidade de recursos disponíveis, que aumenta pela ampliação da oferta de crédito;
2. Demanda potencial para a mesma quantidade de imóveis, que se eleva em decorrência do aumento da faixa de preço abrangida pelo SFH, provocando uma maior competição de consumidores pelos mesmos imóveis;
3. Ampliação do número de consumidores aptos a comprar imóveis de maior valor, em decorrência do efeito combinado da ampliação do teto e redução dos juros.

É evidente que esses três vetores terão um efeito nos preços ao longos do próximos anos, com uma aceleração na valorização dos imóveis. Lembrando que os preços, que já vinham subindo acima da inflação, tendem subir em um ritmo mais acelerado, porém sem o crescimento exponencial visto entre 2008 e 2011.

Panorama macroeconômico

O economia brasileira vem apresentando um lento, porém consistente, processo de recuperação, com a expansão do PIB em 2013 ficando acima do observado em 2011 e 2012 - em torno de 2.5%. A tendência é que em 2014 a taxa de crescimento fique em torno de 3.5%, ou seja, crescimento do PIB em aceleração.

Com relação aos juros, os sinais que temos é que o ciclo de aperto monetário do BC ainda não se encerrou, com algumas notícias apontando que a SELIC pode atingir até dois dígitos. Entretanto, em algum momento de 2014, a SELIC vai começar a cair - se não respondendo a uma menor inflação (mais provável), a ordens refletindo pressões eleitorais.

Conclusão

Dessa forma, o quadro que temos para o mercado imobiliário nos próximos dois ou três anos é: crédito direcionado em expansão, taxas de juros (básicas e direcionadas em queda), e PIB subindo - renda e empregos em alta. Segundo o modelo de BIS/Yale para os preços dos imóveis, esses três ingredientes (somando a uma Bolsa de Valores em valorização) levam a preços de imóveis mais elevados. Quem não comprar agora, vai pagar [bem] mais caro no futuro.

108 comentários:

Anônimo disse...

Falta pouco.
Quando o teto subir para 1 milhão, eu compro o meu ap tão sonhado de 2 quartos.

Kássia Tavares disse...

No Noroeste já dá para comprar um bom de 2 quartos com R$ 750k.

Visitante Carioca disse...

Em dois anos kássia? Deixa de ser pessimista.

Aqui no Rio de Janeiro todos os imóveis "tomaticamente" já estão custando 250 mil reais a mais. Efeito é instantâneo na olho grandice e "ixperteza" carioca!!!!

Anônimo disse...

Kássia, você deve ter ficado muito feliz com essa notícia, mas esquece de algo:

1. empregos estão caindo

2. concursos públicos estão praticamente zerados, não se compara com a enxurrada de anos atrás = menos funcionários em Brasília

3. qual percentual de pessoas que tem direito a usar FGTS em Brasília que tem condições de financiar um apartamento de 750 mil reais?

Não é o fato de se permitir imóvel alté 750 mil reais que haverá real demanda por imóveis neste valor, sobretudo em Brasília onde com este valor se compra no máximo um 2 quartos no Noroeste.

Quem tem essa renda toda está procurando um de 3 ou 4 quartos e não de 2 quartos.

Trata-se do últimos suspiro.

Kássia Tavares disse...

Impacto em Brasília será menor. No RJ em segundo lugar, e em SP onde vai pegar mais pesado. Região sul, especialmente Curitiba, que já vem experimentando taxas elevadíssimas, deve acelerar ainda mais.
Ah, detalhe: emprego está aumentando.
Detalhe 2: efeito no Plano Piloto ocorre pois valoriza nas demais RA. E o povo vende mais caro nas demais RA e vem comprar no PP. Aumenta procura, aumenta preço.

Kássia Tavares disse...

E não sei se fiquei feliz ou triste, já que vendi em SP. Se tivesse segurado, talvez tivesse lucrado mais...mas agora já era.

Anônimo disse...

Pega esse dinheiro e compra o seu 2 quartos no Noroeste.

Anônimo disse...

Plano Piloto não está valorizando, está abaixando.

Aguas Claras abaixou de 6500 para 4800

Park Sul Guará abaixou de 9000 para 7000

Noroeste caiu de 12000 para 7800

Samambaia caiu de 4000 para 3000

Os preços estão caindo e vão cair ainda mais, porque nestes locais a oferta está maior que a procura e vai aumentar mais, porque muitas pessoas estão fazendo distratos, seja por incapacidade de pagamento, seja porque muita gente comprou vários apartamentos para especular e agora não está conseguindo repassar estes ágios com lucros.

Kássia Tavares disse...

Já fiz isso querido. Mas eu acho que SP vai continuar a valorizar mais que BSB. Então seria mais interessante manter SP mais um pouco e pegar BSB depois. Mas já era.

Kássia Tavares disse...

Para cada um que faz essas continhas de português e diz "nao", existem outros 300 dizendo "sim" e ficando felizes da vida.
Então, continue com sua campanha aí, ok? Quanto mais pessoas você convencer, é um a menos para concorrer.
Fala para eles esperarem até chegar a R$ 2k/m2 no Plano, ok? kkk

Kássia Tavares disse...

Noroeste a 7.8k? Tá muito caro ainda! Vai cair para menos de R$ 2k/m2. Basta sentar, rezar, acender uma vela, fazer um "simpatia" todo dia, mentalizar, e afimar o máximo que você puder: R$ 2k/m2! Eu acredito! Querer é poder, não se esqueça!
Preços é apenas uma questão de desejos e de comunicação social! Não tem nada a ver com economia, oferta, demanda, renda, essas baboseiras....basta desejar e falar onde vc quer o preço, que ele vai chegar.
ok? Agora, vamos trollar esse cara aí do NW a 7.8k/m2! Não pode! Me passa o link que eu quero trollá-lo, ok? Não podemos deixar barato.

Anônimo disse...

Noroeste é furada né? Logo você que falava que era tão bom comprar no Noroeste. Mentirosa!

Pelo menos você não me enganou. Meu dinheiro não ganhei no lixo nem em árvore e não vou dar para você nos imóveis que você vende no Noroeste.

Anônimo disse...

Eu acho que vale 20 mil reais no Noroeste, porque o bairro é excelente, é a última coca cola do cerrado candango. Tem que ser muito trouxa para acreditar nestes corretores não é verdade? Pagar caro para morar no meio do mato.

Anônimo disse...

Não é campanha queridinha. Explique os preços então.

Vamos explique.

Já que seu blog é democrático, me explique como chegam a 9 mil o metro quadrado, vamos, vamos....

Kássia Tavares disse...

Realmente é meo do mato. No meio do mato para a 3 minutos de carro do Shopping Iguatemi de BSB no Lago Norte. A 1 minuto de carro do Shopping Bulevard que tem Wall-Mart. 1 minuto de carro do do Extra. Para ir para a Esplanada, saia na W9 sentido sul e já está no Detran no Eixo Monumental.
Quer nadar? Anda a pé até a Água Mineral.
Tem que ser muito trouxa para acreditar em site de profetas e quebrados não?

Anônimo disse...

Tá bom então, vai andar lá agora 1h00 da madrugada, vai ver como o bairro é bom.

Tem alguma padaria boa no bairro Kássia, alguma academia, algum barzinho legal?

Engraçado que somente você e corretores falam bem do Noroeste...porque será?

O meu dinheiro você não leva para lá, nem de muita gente.

Não precisa ficar nervosa, qualquer hora você engana alguém com esse seu papo...

Kássia Tavares disse...

OMGosh! Eles, os bolhotas, são analfabetos! Não entendem nem uma sentença com duas operações. Coitados!
Faz o seguinte: guarde seu dinheiro debaixo do colchão, ok? E fique sentado em cima dele, olhando para todos os lados se não tem um corretor malvado querendo pegá-lo! UUUUU!!!!!!! eles fazem! Seu dinheiro é o último biscoito do pacote, não se esqueça, ok? Cuide bem dele.
E fique longe do Noroeste. QUando cair a R$ 2k/m2 vc volta, tá bom?
Melhor: para vc é melhor esperar cair a R$ 500 reais o metro quadrado. Vc venderá um Gol 1.0 e compra um imóvel no NW! É só acreditar!

Anônimo disse...

Não vou pagar 9 mil no metro quadrado de um apartamento que se gasta nem 5 mil para construir. Dou valor ao meu dinheiro minha senhora!

Anônimo disse...

Não existe explicação para preços tão especulativos como estes cobrados no Noroeste. Por isso o bairro está sendo um fracasso de vendas, será que as empresas acham que as pessoas são burras de pagar tão caro num bairro que oferece tão pouco?

Anônimo disse...

Ela sempre tem que usar da arrogância para desmoralizar quem não concorda com os preços altos cobrados pelas construtoras e por imobiliárias e acha que todos moram de aluguel e todos estão loucos de inveja de quem compra no Noroeste.

Não é nada disso, a questão é simples. Os preços cobrados no Noroeste não tem fundamento plausível senão cobiça extrema e vontade de lucros rápidos, pois os preços estão muito acima dos valores dos terrenos e custos de mão de obra.

Além disso é um bairro sem atrativos atuais, sem contar que para aquilo ali tornar um bairro de verdade vai demorar no mínimo uns 10 anos.

Mas caso você discorde, fique à vontade. Pode continuar acreditando em papo de vendedor.

Vendedores de carros atribuem os preços ao custo Brasil, mas isto já foi desmascarado, sabemos hoje que os preços dos carros brasileiros são altos devido ao LUCRO BRASIL e isto também ocorre com as construtoras.

Anônimo disse...

Qual o custo efetivo no preço de um gol básico?
Será que eh 39.900,00?
Explica aí.
Porque tem gente comprando. E muita gente.

Anônimo disse...

Tudo no Brasil é caro.
Não é só carro e imóvel não.
Tudo é vendido com lucro exorbitante.
Não está satisfeito, mude-se ou não compre nada.

Anônimo disse...

Eu prefiro não comprar. Já adotei minha estratégia, comprei dois lotes e aos poucos vou construir neles. Não vou dar meu dinheiro para construtora sabendo que o custo de construção é menos da metade do preço que eles cobram.

Anônimo disse...

Gol 2013 é lançado no México com preço inicial de R$ 18.760

Leia mais em: http://temusados.com.br/noticias/gol-2013-e-lancado-no-mexico-com-preco-inicial-de-r-18-760#ixzz2gZ5ZPSlp

Muitas pessoas compram porque QUEREM ter um carro zero., mas muitas ainda acreditam que o problema são os IMPOSTOS (uma mentira que plantaram na mente das pessoas).

Assim como em Brasília plantaram na mente das pessoas que a explicação para o alto preço dos imóveis é o preço do terreno, mas já foi demonstrado que no NOROESTE, constrói-se um apartamento de 2 quartos com 70 metros quadrados por R$ 300.000, não havendo jusitificativa para o preço de venda chegar a mais de R$ 750.000.

Copio a composição de preços:

Terreno - 15 milhões - 96 apartamentos de 2 quartos - R$ 163 mil reais por apartamento

Apartamento de 70 metros quadrados x R$ 1 mil (custo de construção do apartamento) = R$ 70 mil reais

Mais 70 metros quadrados de áreas comuns, garagens (supondo também R$ 1 mil de custo de construção por metro) = R$ 70 mil

Total do apartamento =
R$ 163.000
R$ 70.000
R$ 70.000

Total = R$ 303 mil

Anônimo disse...

Pedir é bom, vamos ver se realmente vende.

Anônimo disse...

Xiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii.
Olha aí mais uma matéria comprada.
Esse povo é foda viu.
kkkkkkkkkkkkkk
http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2013/10/1350470-sao-paulo-ensaia-um-novo-boom-de-venda-de-imoveis.shtml

Anônimo disse...

Bom dia a todos leitores. Vou postar aqui algo que gostaria de ter postado no bolha imobiliaria mas nunca consigo postar comentarios lá, talvez alguma falha no meu pc. Leio algumas materias que sempre falam sobre o mercado aquecido na cidade de S.Paulo, hj ainda saiu uma materia falando em alta de mais 80% em vendas de imóveis novos comparando os meses de agosto 2012 e 2013. Deve ser verdade pois a noticia está aí, mas.....eu trabalho para uma empresa com sede S.Paulo, sou representante dela no interior. Há mais ou menos dois anos o proprietario da empresa na qual trabalho começou a retirar dinheiro dessa empresa até então solida e com invejavel crescimento. O dinheiro retirado (que não foi pouco) foi utilizada na construçao de condominios. A aposta seria lucrar com a venda dos condominios e reaplicar o dinheiro de volta na empresa, claro um valor bem maior. O que ocorreu? Hj a empresa não tem capital de giro, já foi obrigada a demitir grande parte dos funcionários, atrasa salários, vende 20% do valor que vendia antes pq não consegue entregar os produtos, também não tem mais credito, os bancos não querem emprestar, ou seja, literalmente a empresa tá falida. Os condominios construídos? estão lá, esperando os compradores que não aparecem. Já abaixaram os preços pedidos e nem assim vendem. Aí eu queria muito saber onde está esse tal mercado aquecido? O que estou vendo é onde essa maldita especulação imobiliaria pode nos levar.

Anônimo disse...

corrigindo item acima: a retirada do dinheiro começou a +/- 04 anos quando o mercado estava em expansão. Há dois anos o que começou foram os problemas devido aos recursos desviados para aplicar no mercado imobiliario

Visitante Carioca disse...

Bom, na Barra da Tijuca passaram-se 30 anos e o bairro ainda não é lá uma Brastemp de serviços e atrativos. Agora que está começando a ficar civilizado.

Anônimo disse...

Pessoal, olha que eu vi na net...vista de cima do Noroeste...já tem muitooss blocos construidos e muitos a serem entregues hein...obairro tá melhorando......não tá ainda 100%, claro, mas 10 anos pra ta bom..acho q nao.....acho q em 4 anos, la estará muitooooo bom...vamos ver no que dá...
https://setornw-df.googlegroups.com/attach/954551b210e08709/brasilia_aerea_noroeste-7741.jpg?part=4&view=1&vt=ANaJVrETKIms8u3Zx2QODGRo8hGAM4H4BVuJshG1ZVwMuC7Ljjntbl16pdeXyvAgTqHx1_o3IoEWWPJp3gbz_R4QQFCaBhlP1K9zkW2ckmi0IwK3QDX07usZSOGe-m5YPBObjyoSA6JJ&gda=S5D_li4AAAAsrRs1H7ZTZKXPsNkUtqYSkb0Xa5Rb_QWfpIE5Ao32LCEYiuPaIJkJUqr_WBuN2m0

Anônimo disse...

O Noroeste está uma triteza, ainda não tem iluminação públiica noturna, nem coleta de lixo à vácuo, comprei apartamento e estou muito decepcionada, acho que vou vender e comprar um na Asa Norte. Me sinto enganada por pessoas que falaram que o bairro seria uma maravilha, e ainda paguei o olho da cara neste apartamento. Ah,que raiva!

Anônimo disse...

Bom dia......o pai de um colega é dono de duas redes do pão dourado e ele comprou loja no noroeste....prentede abrir ano q vem já....ele comentou tb que a rede do mercado pão de açucar tb comprou.....vamos ver......abç galera...

Anônimo disse...

Pelo que soube, a instalção da iluminação será finalizada até final desse mês....já estão fazendo a instação de postes..............quanto a coleta de lixo a vacuo, pode ser q demore mais, mas acho q isso não é tão importante.......Fique tranquilo, ficara bom, eu acho....tem muitos conhecidos meus que compraram lá....muitos do Senado e TCU por 7.800 o metro, na planta .....eles vão receber ano q vem, final de 2014..............espere mais um pouco, que ficará bom.....tudo no inicio é assim......a localização já diz tudo...não tem com não ser bom.....a renda lá é alta....tudo vai se acertar.........
Mesmo com esses problemas pretendo comprar lá....bairro novinho, quando estiver mais urbanizado, com certeza será maravilhoso......só basta ter paciencia, porque nesse pais tudo é assim...lentidão....abç e espere..acho q vc não vai se arrepender....

Anônimo disse...

Para corrigir, coloquei por 7.8 o metro...foi por 8.8, por ai...menos de 9 mil...falo sempre com eles, porque pretendo comprar lá tb....abç

Anônimo disse...

E tem tantos servidores do Senado e do TCU querendo morar no Noroeste? Os que eu conheço já tem belas mansões no Lago Sul, não querem trocar uma mansão com 6 vagas na garagem e casa com 700 metros quadrados por um apartamentinho de 250 metros quadrados e ainda ter vizinhos, síndico, pagar condomínio.

Anônimo disse...

Boa tarde Sra. Kássia Tavares, moro a pouco tempo em Brasília, menos de cinco anos, mas acho que chegou o momento de comprar um apartamento para morar por aqui. Fiquei entre o Noroeste e Sudoeste, embora o Noroeste tenda a valorizar, afinal, a infraestrutura melhora dia a dia, como me mudarei agora para o imóvel, o Sudoeste seria bem mais cômodo a curto prazo. Mas, pensando no Noroeste, sabe quais construtoras são mais confiáveis ou trabalham com melhor material? Agradeço sua atenção e ótima tarde!

Anônimo disse...

Soma aí custos com o pessoal do RH, contabilidade, marketing, enfim todo o pessoal administrativo, todos os custos relacionados a esse pessoal administrativo (aluguel de imóvel, luz, água, contribuições previdenciárias, etc), Pis, Cofins, IR, CSLL.

Nélio Oliveira disse...

É sempre assim: quando a matéria é favorável ao pensamento (?) dos bolhotas, é VERDADE INCONTESTÁVEL, SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER. Quando é desfavorável, É MATÉRIA PAGA, SÓ ACREDITA QUEM É OTÁRIO.

Ah, bolhotas... rs...

Kássia Tavares disse...

Na minha opinião: melhores acabamentos: Vilella e Carvalho, Brasal e VIA.
A Attos está com um empreendimento bem acabado também (INFINITE), mas mal localizado e com cozinha pequena.
A Rossi não gostei do que vi: porcelanato fosco é horrível, e precisa ser trocado. Externamente tb não gostei dos Rossi/Paulo Octavio.
Até a Soltec, que não é lá essas coisas, parece ter um empreendimento bem feito (Riviera), porém sem luxo.
A João Fortes tem boas plantas e acabamento mediano.
EMPLAVI também tem acabamento bom, porém a arquitetura está muito espalhafatosa e o preço muito elevado.

Anônimo disse...

E pesquise o nome da empresa que deseja comprar com os termos mais procurados:

nome da empresa + reclamações + acabamento + justiça + etc.

Faça várias pesquisas no google, existem muitas associações de compradores prejudicados que vão te auxiliar a evitar entrar numa fria.

Kássia Tavares disse...

Só complementando: o Brasal da 109 está com uma equipe de proprietários solicitando muitas alterações e melhorias de acabamento. Algumas coisas achei corretas, mas outras é muita frescura (como trocar a cor da madeira dos halls dos andares, para ficar na mesma cor do do pilotis).

Anônimo disse...

Anônimo2 de outubro de 2013 12:56, mesmo somando todos estes custos acima, a conta não fecha:

R$ 303 mil com preço do terreno + construção

R$ 450 mil com pessoal de RH, contabilidade, marketing, pessoal administrativo e impostos????

Anônimo disse...

Muito obrigado, Kássia, ajudou bastante. Nada como falar com alguém que entende do assunto =)

Anônimo disse...

Ah, e obrigado aos outros dois anônimos também! Não queria correr o risco de pagar o preço de um apartamento no Noroeste por um valor que conseguiria algo de de melhor qualidade.

Anônimo disse...

Anônimo 12:14, por incrível que possa parecer, tem.
E também servidores da SRFB, CGU e Bacen
Na CGU, em 2009, teve uma galera que comprou de uma corretora que passou por lá.
Vc tem que ver que a maioria dos servidores novos não tem imóvel ainda.
Esses que tem mansões no Lago sul são servidores antigos.
Até parece que servidor novato tem condição de comprar mansão no Lago.

Anônimo disse...

Anônimo 12:14, os que conheço são servidores novos, na faixa dos seus 33 anos..então, não são ricos.....ganham bem, mas não ganham salarios exorbitantes como as pessoas falam..na faixa dos 15 mil liquido...eles estão vendendo os seus menores e comprando lá maiores, de 150, nessa faixa de metragem......Acho que esses seus conhecidos do lago sul ja devem ser mais velhos..final de carreira e vida ja estabelecida.....esses são colegas jovens, que entraram no ultimo concurso do Senado e TCU.....é isso...abç....

Anônimo disse...

Prezado anônimo 13:10, quanto se paga de tributo ao comprar um brinquedo para um filho? 1%? E eletrodomésticos, bebidas ou carros? A tributação é igualmente ridícula?
Por cada real de salário pago por uma empresa, até o ano passado, antes da desoneração da folha de alguns setores, a PJ pagava somente de contribuições previdenciárias módicos 20% de cota patronal, 1%, 2% ou 3% de SAT, 5,8% às Outras Entidades (FNDE, Senáculo, etc). Fora os 8% de FGTS. Tem ainda a patada do leão de 8%, 9% ou 11% sobre o salário, mas não vem ao caso, pois este é um "presente" suportado pelo funcionário.
Só falei das contribuições da previdência, mas conforme mensagem anterior tem ainda muitos outros tributos.
Enfim, se você realmente acha que a carga tributária que incide sobre qualquer empresa no Brasil é parte irrelevante nos custos, não tem problema, cada um com sua convicção.
Se você essa farra toda, não teríamos empresas ( mal administradas) deste setor tendo prejuízo. Há muitas outras bem administradas tendo lucro e é saudável que tenham.
Lucro fácil e exorbitante? Na minha opinião, somente as empresas do setor bancário.

Anônimo disse...

Retificando: senac.

Anônimo disse...

Anônimo2 de outubro de 2013 16:53,

Certo que há incidência de tributos sobre a construção, mas você se esquece de um detalhe: os imóveis subiram de preços mais de 100% em 4 anos, e nestes 4 anos os impostos permaneceram com os mesmos percentuais. Como o imposto é o mesmo, o que sobra para dobrar de preço? Qual fator sobra para justificar a alta de 100% no preço de um imóvel? Aguardo respostas convincentes, números por favor.

Anônimo disse...

Coitados destes servidores públicos, vão ficar anos pagando prestação de apartamento e arrotando para os amigos que fizeram bom negócio. Ainda bem que tem gente que não sabe fazer negócio....assim eu deixaria de ganhar minha comissão de corretagem.

Anônimo disse...

Bom mesmo eh ser pobre e não ter dinheiro para comprar.
kkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Quer alguns exemplos? Vamos lá.
A base de cálculo do Pis e Cofins é sobre o faturamento. Se antes um imóvel era vendido por 100 e anos depois um imóvel é vendido por 200, teremos um aumento destes tributos.
No período que tivemos a escalada de preços no mercado imobiliário, não só os terrenos, mas todos os insumos relacionados à construção civil tiveram aumentos superiores à inflação. Lembro de reportagens na época mencionando a dificuldade das empresas em encontrar mão de obra qualificada, o que resultou em ganhos salariais acima da inflação para as categorias deste setor. Não sei de quanto foi esse ganho, não chegou a 100%, mas não há como negar que houve aumento real nos custos. Se o salário é maior, maior será a contribuição a ser paga.

Anônimo disse...

A BOLHA IMOBILIÁRIA.COM e seus seguidores: agora, falando em PADARIAS!

Anônimo disse...

Xiiiiiiiiiiiiiii.
Venda de imóveis em SP registra alta de 45,8% no período de janeiro a agosto de 2013 comparado com o mesmo período de 2012.
kkkkkkkkkkkkk
Cadê a crise?
Vai ver que a matéria é comprada.
kkkkkkkkkkk
http://economia.ig.com.br/financas/casapropria/2013-10-02/venda-de-imoveis-novos-em-sao-paulo-registra-alta-de-458-de-janeiro-a-agosto.html

Anônimo disse...

Prefiro apto.
Hoje não vale a pena morar em casa mais.
Pelo menos nos grandes centros.

Anônimo disse...

Como assim?
Segundo o pessoal do BI não está vendendo nada.

Anônimo disse...

E em Setor Noroeste, aquele bairro Chaparral, tá vendendo algo? Já estão anunciando há mais de três anos e até hoje estão vendendo. Isso é que é eficiência nas vendas.

Anônimo disse...

Eu também moraria bem em apartamento se não fossem os preços absurdos que as construtoras cobram. Sem contar que os apartamentos novos estão vindo muito pequenos, com acabamento muito ruim, problemas em condomínio, vagas de garagem apertadas, é tanto problema que prefiro morar em casa mesmo. Casa você tem seu jardim, você tem vagas de garagem à vontade, um quintal para fazer churrascos, uma piscina.

Anônimo disse...

Pois é neste Noroeste que falam que é um bairro maravilhoso nem padaria tem. E todo bairro chique que se preze tem uma padaria de luxo. No Noroeste tem alguma? Me conte qual padaria tem? Não tem. Então cale-se anônimo das 20h26.

Anônimo disse...

Noroeste fica em SP?
Olha o nível de ameba do argumento de um bolhota.

Kássia Tavares disse...

O povo que faz as continhas de português aí e conclui que o lucro tá muito elevado, no lugar de fazer continhas de português, deveria montar uma construtora e fazer aptos e casas com menos lucro e vender mais barato!
Tão esperando o quê?

Anônimo disse...

kkkkkkkkkkk.
Só faltava isso. Bairro chique tem padaria de luxo.
Que requisito eh esse?
De onde essa ameba tirou isso?

Kássia Tavares disse...

E em Setor Noroeste, aquele bairro Chaparral, tá vendendo algo?

Vendeu muito. Quase tudo. No meu prédio não tem nenhum para vender.

Kássia Tavares disse...

O melhor apto até 130m2 no Noroeste, na minha opinião, é o Reserva Especial. Acabamento top, planta top.
Aliás, todos os Brasal do Noroeste tem um ótimo acabamento.

Kássia Tavares disse...

A única área comercial do Noroeste pronta é a 111. Não faz nem 1 mês. E já estão preparando as lojas. E quem quer pagaria, vai no Extra, a 1 minuto de carro.

Kássia Tavares disse...

Jardim, quintal e piscina é tudo muito bonitinho, mas dá um trabalho insano para manter. Fora que obriga contratar mais de uma empregada, coisa que hoje, além de caro, tá cada vez mais impossível de achar.
Apartamento é infinitamente melhor que casa. Não tem comparação.

Anônimo disse...

“http://www.youtube.com/watch?v=2XimZBpUfTc

Anônimo disse...

whitecross77 1 hora atrás
Lamento a sinceridade, mas o vídeo traz a tona o estereótipo da profissão. Tanto que é considerada pelo umas das profissões menos confiáveis. Quantos de nós já ouvimos muitas destas famosas conversas? Vou listar mais algumas: "imóvel nunca desvaloriza", "vai valorizar 30% aa", "imóvel é investimento seguro", "quem compra terra não erra", "compre, porque amanhã estará mais caro", dentre outras. Parabéns ao autor do vídeo.
Responder ·

Funhanhado San
Funhanhado San 1 mês atrás
No video os corretores são mostrados como mentirosos, enganadores, estrelionatários, ou então como débeis mentais.
Essa empresa deve ser processada pelo Creci, ou pelo Ministério Público por calúnia e difamação de uma categoria profissional.

Anônimo disse...

Não tem nenhuma Belini no Noroeste não?

Ou uma boa pizzaria italiana?

Anônimo disse...

Eu sou de SP e estou sem entender, como um bairro onde o metro quadrado está mais de 8 mil reais não tem sequer uma padaria? Por acaso em Brasília as pessoas são mais burras e se sujeitam a pagar este preço todo num bairro que não tem comércio de rua? Pelo que vocês falam é um bairro deserto, é isso? Favor mandem fotos dos comércios deste bairro para eu ter uma noção melhor. Obrigado.

Anônimo disse...

Concordo com você, os apartamentos novos tem acabamento muito ruim, sem contar o tamanho que é muito reduzido. As cozinhas agora não tem espaço sequer para circular e nos quartos não se consegue mais passar do lado de uma cama. Minha opinião ainda é diferente da sua, prefiro um apartamento, mas um apartamento antigo que tem espaços maiores, muito maiores.

Anônimo disse...

Fala sério ne Kassia! O ibiza da VIA tem um acabamento e planta muuuuito superior!

Anônimo disse...

e quando um corretor omite informacoes pa o comprador eu posso processar? o corretor falou que o.contrato estava tudo ok mas quando fui falar com unsa amigos advogados que eu comprei apartamento e eles foram ver o contrato tinha varias clausulas ilegais. posso processar esse corretor que mentiu? vou devolver o apartamento quanto eles tem que me devolver ja paguei 53,670 reais ate agora.adeus meu sonhado apartamento de 1 quarto no setor noroeste. que outro direito eu tenho alguem pode me ajudar? grata.

Kássia Tavares disse...

Sei não, heim? A Via tem um acabamento bom, sim, mas a parte externa é textura em muitas partes, enquanto os reservas da Brasal são todos em granito. Fora que o VIA IBIZA vai perder a vista e o Reserva Especial terá vista permanente para o Burle Marx.

Anônimo disse...

Concordo Kassia, a parte externa da Brasal tá muuuito lindo. São os prédios mais bonitos do Noroeste sem dúvida. Mas visitei os dois, o Reserva Noroeste (que será idêntico ao Reserva Especial) e o Ibiza. Achei o acabamento do Ibiza (porcelanatos 80x80, cozinha em porcelanato (no Reserva é cerâmica), louças como torneiras,... muuuito superiores ao Reserva. Não gostei nem um pouco do acabamento da Brasal mas realmente a parte externa e localização são melhores

Kássia Tavares disse...

Acho que entre o IBIZA e o Reserva da 311, eu ficaria com o IBIZA, pois esse da Brasal tem o problema de a sala estar virada para o desnível do terreno, fazendo com que o 1º andar pareça um térreo e o terceiro um 1º. Ali tem que pegar do 4º andar para cima. Enquanto o IBIZA tem um posicionamento bem mais favorável em relação ao da 311.

Agora, se for para comparar com o Reserva Especial da Brasal, eu fico com o Reserva Especial sem pensar duas vezes, pois o acabamento interno dele eu tenho como resolver, mas a vista dele não tem como ser transportada para o IBIZA. Fora que por fora ele é bem mais lindo.

Mas, de certa forma, acho que nossas opiniões convergem.

Anônimo disse...

Localização.
Em Brasília o que manda é localização.
Lá os bairros são criados do nada.
Foi assim com o Sudoeste e Águas Claras, por exemplo.
O noroeste é caro porque tem algo que todo brasiliense quer: localização.
Infelizmente, é a realidade.

Anônimo disse...

Tá vendo Kassia, tivemos uma discussão em alto nível! Por que os bolhotas não conseguem fazer isso???

Anônimo disse...

Olha, o corretor tem o dever ético de dar todas informações para o comprador, segundo o Código de ética dos corretores, e perante o Código de Defesa do Consumidor também, sob pena de cometer propaganda enganosa. Quanto a estas cláusulas ilegais isto infelizmente se tornou uma prática disseminada no mercado, não sei se todas, mas várias empresas fazem isto nos contratos. Portanto sugiro a você a não comprar um imóvel de construtora, compre algo já pronto de um particular, onde você já sabe o que está comprando. Mas caso já tenha feito negócio com construtora, deve procurar seu advogado ou então a Promotoria de Defesa do Consumidor, onde podem entrar com ações para punir as empresas que fazem contratos assim, e também anular cláusulas abusivas. Reuna com seus vizinhos, entre em contato com a construtora, e caso não haja diálogo, busque seus direitos.

Anônimo disse...

Mas dizem que tem lugares bem melhor localizados que este Noroeste como Asa Sul Asa Norte e Sudoeste, são bairros mais consolidados né?

Anônimo disse...

Senso crítico, os negócios vão bem?

Não entendo porque está tão incomodado com os bolhotas, quem está incomodado demais é você, eles estão nem aí para você.

Anônimo disse...

Sudoeste demorou mais de 15 anos para ficar um bairro bom, demorou muito foram muitos problemas, o mesmo vai acontecer com Noroeste, mas Sudoeste o apartamento era metade do preço de um apartamento antigo da Asa Sul, hoje seria uns 500 mil um de 3 quartos, mas cobram 1 milhão, muito caro, não compensa o preço. Melhor comprar um usado mesmo, que tem área muito maior.

Anônimo disse...

Sim, Asa Norte e Asa Sul são excelentes bairros para se morar, e se paga 8.500 no metro quadrado e se compra apartamentos com cômodos amplos e bem localizados. Veja este exemplo:

http://www.wimoveis.com.br/imovel/venda-apartamento-brasilia-df-3-quartos-sqs-302-862264

Apartamento na quadra mais central de Brasília, apartamento de 3 quartos com 115 metros quadrados.

Kássia Tavares disse...

Sudoeste não é melhor localizado que o Noroeste. O Noroeste fica praticamente dentro da Asa Norte, enquanto o Sudoeste fica mais distante da Asa Sul. Acho que o Noroeste será o segundo melhor bairro em termos de localização de Brasília. O primeiro sempre será a Asa Sul, depois ficará o Nororeste, despois a Asa Norte, depois Sudoeste e Cruzeiro.

Kássia Tavares disse...

Veja este exemplo:

http://www.wimoveis.com.br/imovel/venda-apartamento-brasilia-df-3-quartos-sqs-302-862264

Apartamento na quadra mais central de Brasília, apartamento de 3 quartos com 115 metros quadrados.


A localização é bom sim. Mas só tem 1 vaga de garagem (enquanto os 3 quartos do NW tem pelo menos 2). Fora que tem apto no NW de 108m2 novíssimo, com 2 vagas, por esse preço aí. Da Brasal na SQNW 109.
E mais: esse apto aí para ficar habitável precisa gastar uns R$ 200 mil reais de reforma.
Ou seja, o NW é BEM MAIS VANTAJOSO que esse apto.

Anônimo disse...

Esqueceram do grande detalhe da história! Servidores registrados pelo RJU (Regime Jurídico Único) não tem conta do FGTS. Isso quer dizer que muitos funcionários públicos não poderão utilizar desse "benefício" para financiar os seus bolhudin... digo "investimentos". rsrsrsrsrsrs

dimarcinho disse...

Concordo que isso deverá impulsionar as vendas. É óbvio, pois está injetando mais dinheiro.

Mas, Kássia, me responda, se o mercado está bombando tanto, pq o governo precisou abrir a torneira??

Anônimo disse...

O mercado pode até não estar bombando, mas não estou vendo ninguém desesperado vendendo com 80% de desconto.
Aliás, as pessoas que conheço que compraram imóveis para revender, todos revenderam com lucro.
Sem desespero algum.
Mas, se eu disser isso no BI, vão dizer que é mentira, conversa de corretor etc.
Eu era de Brasília.
Agora estou em BH e aqui também não estou vendo ninguém "dando" apartamento pros outros. kkkk.
Muito pelo contrário. Onde procurei imóvel para comprar continua vendendo que nem água no deserto. Estou falando de imóvel novo bem localizado.
Citei o exemplo da patrimar que lançou um prédio com preço de 13 mil o m2 e foi todo vendido em menos de mês. Fica no Lourdes.
Mas, logicamente, para o pessoal do BI é mentira. É golpe.
kkkkkkkkkkk.

Kássia Tavares disse...

Essa medida dos R$ 750k é mais uma adequação do SFH aos preços praticados no mercado.
Acho que "bombando" não é o termo correto. Não se vende mais prédios inteiros em 1 final de semana como aconteceu em 2010 e 2011. Mas os negócios estão acontecendo sim.
No meu prédio no NW não tem mais nada para vender.
Outro dia estava vendo um Reserva Brasal na SQNW 311, apto de 1.3 milhão na mão de proprietário. Ficou 1 semana anunciado e já vendeu, inclusive tem gente morando.
Em SP eu tinha 2 aptos, vendi os dois. Bastou o prédio ficar pronto e colocar 10% acima do FIPE-ZAP e Zupt! vendeu...
agora até meio que me arrependi, pois acho vai dar uma esticada nos preços em SP.
E aviso aos navegantes: a iluminação pública no Noroeste está na iminência de ser ligada. Os postes estão instalados.
A Infraestruturua está avançando e o GDF está acelerando.
Vai ficar o melhor bairro de Brasília em questão de 5 anos no máximo.
Quem não comprar, chorará. O preço agora esta ótimo. Noroeste está no melhor pontod e compra da história.

Anônimo disse...

Em Brasília qual a porcentagem recebe FGTS?

Anônimo disse...

Mas na Asa Sul você tem tudo perto, e não precisa esperar nada.

quanto a reforma, estes apartamentos novos tem acabamento tão ruim que é neceessário reforma. Já viu a qualidade dos pisos que porcaria, as torneiras, umas pias pequenininhas, tudo muito ruim, sem contar que são apartamentos bem apertados.

Unknown disse...

Tenho interesse em comprar um imóvel de 400K. Tenho todo este dinheiro pra fazer a transação a vista.

Você considera uma boa estratégia manter esta grana em LFT 2017, rendendo 9%aa brutos (e em viés de alta), e financiar o imóvel no máximo de tempo permitido dando a menor entrada possível?

Tenho 32 anos.

Minha ideia é não me descapitalizar e obter rentabilidade do dinheiro maior do que eu pagaria de juros para o banco. Consigo financiamento de cerca de 9,3%aa + TR.

Ganho cerca de 16K brutos, e consigo juntar aproximadamente 6K/mês, pois moro sozinho e não tenho família. Então poderia aumentar ainda mais o montante em LFT e com o tempo a pequena diferença entre a arbitragem de juros me faria ganhar mais do que desembolo pra pagar o imóvel.

Unknown disse...

Nesta economia mensal já estão contabilizadas despesas com o imóvel (prestação + condomínio). Estou pensando em financiar via PRICE, será que é possível?

Kássia Tavares disse...

Algumas considerações:
1. No BB e na CEF vc consegue 7.9% a.a + TR no SFH;
2. Melhor é o SAC (parcela maior)
3. Imóvel este ano já subiu 10%, equanto LFT vai dar 10.7% no máximo até 2017.
4. Vc respondeu a pergunta: é óbvio que é melhor pegar o financiamento (do BB ou CEF) e manter a aplicação. Até mesmo pq vc vai ganhar com a alavancagem em cima do valor total do imóvel, que estará se valorizando acima do que vc está pagando pelo dinheiro empresatado.
5. E fica cada vez mais vantajoso dependendo de onde vc mora. Em Curitiba a valorizaçaõ está impressionante (3.8% só em setembro), mas tem outras cidades assim tb.
6. Se for em BSB, eu compraria no NW.

Nélio Oliveira disse...

Da mesma maneira que o mercado de ações não está bombando mas se o governo aumentasse o limite de isenção do IR nas vendas não-day trade seria muito benvindo, porque os 20K estão defasadíssimos...

Unknown disse...

Kássia,

Quando eu disse 9,3%aa, quis dizer efetivos. Esta taxa da CEF é efetiva? Se for fica uma vantagem melhor ainda.

Eu, como servidor, conseguiria algo menor que 8 nominal caso fizesse aquele esquema de relacionamento, mas fiz umas continhas e descobri que o custo do meu "relacionamento" subiria em 1%aa a minha taxa de juros, o que pra mim não é vantagem.

Quanto à valorização pelo fipe-zap, acho bastante questionável e prefiro não contar com ela.

Moro no Rio de Janeiro e a compra será na Zona Norte.

A questão pra mim pe que históricamente nunca tivemos taxas efetivas menores que 11%aa, e eu acredito que elas voltem a ser de 2 dígitos em pouco tempo devido às condições econômicas do país. Os petralhas estão quebrando isso aqui.

Daí seria uma boa aproveitar a taxa atual pra fazer um negócio mais "barato", apesar dos preços estarem altíssimos.

abs

dimarcinho disse...

Pois é, Kássia. Mas essa adequação apenas cria inflação no mercado. É péssima para os investidores, especuladores e etc.

São medidas como essa que prejudicam o país... os imóveis já subiram a preços muito acima do IGP-M em RJ, DF, BH e SP e os caras liberam mais e mais dinheiro para sustentar o sistema.

Da mesma maneira que pagamos absurdos por carros. Quando os estoques ficam altos, o governo remove o IPI. Deveria deixar o mesmo e deixar o mercado se acertar.

Em mercados aquecidos não há necessidade alguma de injetar liquidez.

Então ou o mercado não está aquecido ou o governo está criando inflação, pois em qq mercado equilibrado, a entrada de mais dinheiro apenas desloca os preços...

Eu tb acho que vai subir mais. Só não sei até quando isso vai.

E não sou bolhota. Acreditar em quedas de 50-80% é bem irreal. Mas que em muitos lugares os preços estão, no mínimo, estranhos, bom, eles estão.

A verdade é que não há fundamento algum para esta alta de preços atual, visto que o país está numa merda sem tamanho, economia e indústria patinando, dívida aumentando, inflação alta, etc.

O único motivo aí que ajuda é a inflação. De resto......

HiperCorvo Corvo disse...

Visitei vários prédios no Noroeste e gostaria, se possível, opinião sobre o VIA POSITANO e Reserva Parque da BRASAL. Obrigado

Sabrina Silva disse...

Pessoal, para quem quiser acompanhar o desenvolvimento do Noroeste, pesquise o grupo "Setor Noroeste" no Google e peçam para entrar. Já conseguimos muitas conquistas.

Kássia Tavares disse...

O Via Positano está com um excelente preço, que é em torno de R$ 1.3 milhão para um apto de mais de 152 metros quadrados e três vagas.
Eu acho que pelo preço está excelente.
Ouvi alguns aspectos negativos dele:
1.o revestimento externo não é de granito, e já está, inclusive, sujando.
2. Me falaram que a divisória entre as unidades também é em Dry-Wall. Não sei se é verdade, mas também acho que a Via não colocaria esse tipo parede se não tivesse certeza que haverá isolação acústica adequada.
3. Vai perder a vista, pois será feito outro do lado dele, e outro na perperdincular dianteira.

Mas, enfim, relação custo x benefício excelente. Se eu precisasse de um apto de 4 quartos, ele seria uma de minhas opções, sem dúvida.

Quanto ao Reverva Parque (aquele da 311?). Acabamento top, fachada top, e etc, mas é menor que o via positano, e está sendo vendido no mesmo preço. E tem menos vagas de garagem (2, contra no mínimo 4 do via positano).

E mais: apesar do via positano vir perder a vista, o Reserva Parque da Brasil tem problemas no 1º e 2º andar por conta do desnível. Esses aptos estão como se fosse em um térreo. e o 3º está no nível do 1º normal.

Entre os dois, se for o mesmo preço, ou diferença pequena, eu ficaria com o Via Positano.

Fábio Portela disse...

O Noroeste é tão bom que o preço é equiparável a morar em Cambridge, perto de Harvard e do MIT. Só que o Noroeste ficaVA do ladinho da falida Alvorada e do Ceub.

http://www.trulia.com/for_sale/Cambridge,MA/3p_beds/0-700000_price/

Unknown disse...

Olá Kassia........eu estava vendo no site wimoveis...o via Positano tá saindo na faixa de 1.5 a 1.6...pela metragem de 155..com 3 vagas de garagem......carinho né?

Kássia Tavares disse...

Oi Sabrina, eu soube que um no 2º andar estava sendo negociado a 1.3 milhão. Pedida da WImoveis é uma coisa, o valor para fechar é outra. Recomendo você dar um pulo na Lopes Royal, pois apesar deles não serem a imobiliária oficial, eles vendem em parceria o Via Positano.
E tem mais. Poe 1.6 milhão tem o Luana Gonçalves que é da mesma metragem e tem vista permanente para o Burle Marx. Pelo mesmo preço, fico com o Luana.

Unknown disse...

Deus me livre Lopes Royal, essa empresa responde a mais de 200 processos judiciais, porque faz cobrança ilegal de taxa de corretagem, juntamente com grandes construtoras da cidade. Não caia nessa furada.

Kássia Tavares disse...

Os melhores negócios imobiliários que eu fiz foram na Lopes Royal ou na Lopes (em SP).
É importante saber o seguinte: é uma empresa, e as pessoas estão lá para ganhar dinheiro.
Mas eles sabem negociar, e, como trabalham com muitas construtoras, eles sabem quais são as mais flexíveis e quais não são.
Eu recomendo a Lopes e a Lopes Royal, mas a pessoa tem que estar disposta a negociar.
Pegue o empreendimento que vc quer, chegue no corretor e estipule o preço que quer pagar (evidentemente que dentro da realidade). Em muitos casos os corretores conseguem dobrar a empresa para chegar no preço que vc quer. É o negócio deles, negociar.
A Lopes Royal tem empreendimentos de tudo quanto é empresa em Brasília, e, em geral, os preços deles são mais baixos até mesmo porque os próprios corretores e gerentes acabam reduzindo a comissão para não perder negócio.
Eu já fiz muitos negócios com eles e recomendo.

Unknown disse...

Acesse os grandes portal de imóveis

Bruno Cormack disse...

http://oglobo.globo.com/economia/com-vendas-em-baixa-setor-imobiliario-sofre-com-queda-de-precos-15535022

Michel disse...

Meu cunhado comprou no primeiro andar do Reserva Especial. Bom apartamento e prédio. Ótima localização.

Postar um comentário

Observação: comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões) ou conteúdo ofensivo, racista, homofóbico ou de teor neonazista ou fascista (e outras aberrações do tipo) serão apagados sem prévio aviso.

alert('Olá prazer em conhecê-lo!'); alert('Olá ' + comment.authorUrl + ', prazer em conhecê-lo!');