segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Preços dos imóveis valorizaram até 5,4% acima da inflação nos últimos seis meses

A Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas da USP (Universidade de São Paulo) divulgou hoje o indicador de valorização de preços imobiliários relativo à janeiro, com novidades: expansão da coleta para mais nove regiões metropolitanas, compondo o novo índice FIPE-ZAP Ampliado, que contempla as seguintes cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Recife, Fortaleza, Salvador, Porto Alegre, Curitiba, Florianópolis, Vitória, Vila Velha, Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul e Niteroi (as cidades em negrito já faziam parte do FIPE-ZAP Composto, e as grafas em itálico passam a incorporar o indicador agora).


A variação dos dois índices em nível nacional foi de 0,9%, o que significa que os imóveis brasileiros ficaram, em média, 0,9% mais caros em janeiro em relação à dezembro de 2012.



Entretanto, como o índice é uma média, existem regiões que apresentaram maior valorização e outras com menor apreciação - chegando, em dois casos, a apresentar variação negativa, como o caso de Brasília, com queda de 0,1% em janeiro, e Recife, com retração de 0,2%.


O relatório da FIPE também trouxe uma análise da performance dos preços reais (deflacionados pelo IPCA). Nesse caso, Curitiba perdeu -6,1%, Brasília caiu -5,8%, Florianópolis perdeu -4,4% e Vila Velha desvalorizou -3,5% nesse período. Outras cidades que apresentaram desvalorização real no período é Vitória e Belo Horizonte, ambas com queda de 1,1% em termos reais, e com queda real de -0,6%.


Por outro lado, Niterói teve valorização real de +5,4%, Porto Alegre +4,6% de valorização real, São Paulo e Rio de Janeiro registraram nesse mesmo período aumentos reais de 4,2% e 3,5% respectivamente, enquanto o preço médio do conjunto das 16 cidades aumentou 1,9% acima da inflação.

São Paulo


Rio de Janeiro


Brasília


Curitiba e Florianópolis

Fortaleza


Bairros mais caros em cada região


Conclusões

O mercado de Brasília, que tem como principais drivers os salários dos funcionários públicos, observa uma certa acomodação dos preços, enquanto que mercados mais influenciados pelo desempenho do setor privado, como São Paulo, por exemplo, observam valorização mais forte.

Em nível nacional uma variação positiva de 0,9% dos imóveis bate qualquer aplicação de renda fixa da atualidade, evidenciando a força do mercado imobiliário como alternativa de investimento - fenômeno que deve ser reforçado com a consolidação do novo regime da economia brasileira baseado em um patamar de juros reais mais baixos - levando investidores a procurar alternativas mais rentáveis para seus capitais.

Nesse caso, os imóveis despontam como boa opção, mas, sobretudo, para os compradores finais, visto que, como a perspectiva é de valorizações adicionais em 2013, quem adiar a compra de imóveis, pagará mais caro no futuro.

95 comentários:

Anônimo disse...

O índice FIPE-ZAP mede os valores de venda efetiva ou de anúncio?

Anônimo disse...

Para expor a insanidade que tomou conta da Banânia, nada melhor do que mostrar o que voce compra pelo preço de um MCMV na FLORIDA. Na minha opinião, é preciso ser muito, mas muito IDIOTA mesmo para gastar mais do que 325 mil Reais na Banânia pois esse é o valor que compra METADE das residências que existem nos EUA.

$ 178 mil Reais, casa 188 m2, 3 dormitórios, 2 banheiros, terreno 1000 m2
“http://www.zillow.com/homedetails/1146-Edelweiss-St-E-Lehigh-Acres-FL-33974/87647623_zpid/”

$ 167 mil Reais, casa 146 m2, 3 dormitórios, 2 banheiros, terreno 1000 m2
“http://www.zillow.com/homedetails/4103-12th-St-W-Lehigh-Acres-FL-33971/71048055_zpid/”

$ 157 mil Reais, casa 131 m2, 3 dormitórios, 2 banheiros, terreno 1250 m2
“http://www.zillow.com/homedetails/603-Weston-Rd-Lehigh-Acres-FL-33936/45392359_zpid/”

$ 163 mil Reais, casa 146 m2, 3 dormitórios, 1.5 banheiros, terreno 1000 m2
“http://www.zillow.com/homedetails/234-N-I-St-Pensacola-FL-32502/44723950_zpid/”

$ 159 mil Reais, casa 117 m2, 3 dormitórios, 2 banheiros, terreno 1132 m2
“http://www.zillow.com/homedetails/871-Gerlitz-Rd-SW-Palm-Bay-FL-32908/43509528_zpid/”

Anônimo disse...

Observe que o preço medio dessas casas na FLORIDA é igual a 1100 Reais/m2. Somente alguém que não conhece nada além da banânia compra uma residência (casa ou apartamento) pagando 4 VEZES MAIS na Praia da Costa em Vila Velha ou 10 VEZES MAIS em Brasilia. É de dar pena do bananense.

Anônimo disse...

Bom, para um povinho imbecil que tá acostumado a gastar fortunas com carroças, que paga 2x por transporte, saúde, alimentação, etc, tá de ótimo tamanho ficar com 1/3 da renda comprometida por 35 anos com financiamento imobiliário, isso para morar em barracos de cortiços.

É o país do futuro mesmo, sem sombra de dúvida!

Visitante Carioca disse...

Brasília em acomodação?

(sic) Parece mais sensato supor que esse setor passa por um momento de ajuste após a euforia dos últimos anos.

rss

Anônimo disse...

Po, assim é melhor deixar o dinheiro rendendo em qq lugar do que arriscar o futuro. Vai saber se vai cair ou não

Anônimo disse...

Descontando inflação em todas as cidades dão negativos (inclusive Niteroi), no caso de brasilia e curitiba são 12% de desvalorização, isso sem contar pagto de iptu e condonimino (no caso dos investidores isso é gasto, diferente do morador).

Anônimo disse...

Ajuste?

Gostei deste apelido para "queda".

Ajuste para baixo.

O desespero já tomou conta do mercado.

Estes dias quando um corretor me ligou enchendo o saco falando do Noroeste, que o preço estava subindo e etc, questionei: e a bolha imobiliária ?

Ele desligou na minha cara.

Tu.tu.tu.tu.tu............

Não sabe brincar, então não desce pro play.

Anônimo disse...

Valorizou como?

Só se pode dizer que valorizou se foi efetivamente vendido.

Corretores e proprietários iludidos mode on.

Anônimo disse...

Não acredito que já chegamos na fase do desespero. Na curva da bolha estamos passado pela fase da negação e entrado na fase do bull trap. Ou seja, vamos ver os "descontos" aparecendo no mercado. Ainda temos que passar pelo "retorno ao normal" pra aí sim começar o desesperto total. Tudo isso para confirmar se o Brasil vive mesmo uma bolha. Afinal, como todos sabem, uma bolha só é confirmada após ela estourar, o que não aconteceu por aqui. Se eu fosse aposta em uma data, isso seria por volta de 2015.

Pra quem não conhece as fases de uma bolha, segue abaixo o link:
http://steveblank.files.wordpress.com/2011/06/bubble-phases.jpg

Nélio Oliveira disse...

Esses dias fui visitar um apartamento de 2 quartos, 80m², a 50m do metrô, em Águas Claras (DF), cidade em que seus iludidos proprietários de imóveis acham que vale 6K o m², mas que na realidade 4K pelo mesmo m² já se configura um absurdo.

O iludido proprietário do imóvel em questão queria 380K no seu apartamento, e eu resolvi trollá-lo fazendo uma daquelas ofertas ofensivas. Disse ao corretor que pagaria 320K, achando que ele me mandaria à merda e desligaria na minha cara.

Para minha surpresa, o cara me liga quase todo dia querendo continuar a negociação... rs...

Besta fui eu: devia ter oferecido 280K.

Anônimo disse...

Antes de oferecer qualquer valor para imóveis na Banânia, veja em POST acima os preços de casas na Florida - em torno de 1100 Reais/m2. Portanto, um apartamento de 80 m2, num local com uma infraestrutura muitas vezes inferior ao que a existe na Florida, valeria no máximo 80 mil reais. Qualquer valor acima disso, é melhor voce começar a pensar seriamente em abandonar a Banânia.

Anônimo disse...

Folha de São Paulo: Construtoras fazem promoção para desovar estoque de imóveis:

http://classificados.folha.uol.com.br/imoveis/1225687-construtoras-fazem-promocao-para-desovar-estoque-de-imoveis.shtml


Xiii, Tia Kássia....

Anônimo disse...

Imagino como estão os "Investidores" que estão tentando repassar apartamentos dos empreendimentos dos quais a reportagem trata.

Galinha morta na mão?

Anônimo disse...

Elefantes brancos?

Anônimo disse...

O jeito vai ser pedir o distrato junto com a construtora, porque não vai achar comprador não. Mas o povo também é muito besta, compra imóvel com saldo devedor de mais de R$ 200.000. Não é qualquer pessoa que pode financiar este valor não.

Agora vai levar do motumbo.

Anônimo disse...

Tia Kássia, cadê o Tio Fullgencio? Ele anda caladinho no fórum.

Anônimo disse...

Ele nem falou da notícia da desvalorização do Noroeste. Caiu de 11 para 8 mil o metro. Se precisar eu tenho um tarja preta aqui para ajudar vocês a dormir.

Leandro Dias disse...

Tia K tá sumida. Não comenta, não contesta, não nos chama de bolhudos...
Acho que o Motumbo a encontrou...

Anônimo disse...

Ela está escrevendo outro artigo, Leandro. Sempre que ela fica caladinha ela faz isto. Mas vai ser complicado, cada dia que passa, mais queda nos preços dos imóveis, mais entregas, mais reclamações contra construtoras, acabamentos, etc. E mais investidores desesperados para vender seus ágios e zero de comprador.

Anônimo disse...

Em Brasília não retornaremos ao normal não. Será uma temporada de descontos bem grande, e depois a queda. Há muitos imóveis novos vazios há mais de 02 anos, cujos proprietários não encontram sequer ofertas, em especial em Aguas Claras.

No Noroeste, apesar de ser o sonho de muitos, os preços, a péssima qualidade do acabamento, e as dimensões de alguns imóveis vão deixar muitos imóveis encalhados.

E agora a lama e o mato kkk

Anônimo disse...

Coloquei a palavra DISTRATO na busca do ReclameAqui ;)

Aproximadamente 2.670 resultados. Seguem alguns casos:

01) ... Há aproximadamente dois meses solicitei o distrato de dois contratos realizados com a Alphaville Urbanismo ... Entrei com o processo judicial nº 0006293-96.2012.8.17.8026, no TJPE para reaver os prejuízos financeiros e morais sofridos ...

02) ... Resolvi fazer o distrato nao tendo outra opcao dos 105.000,00 mil reais que eu paguei a sa cavalcante ate as chaves me devolveram somente 36.000,00 mil reais, eu achei um absurdo ...

03) ... Como assim não há prazo? As parcelas que recebia sempre tinham uma data certa para pagar, agora, o MEU DINHEIRO, essa empresa não devolve e nem fornece alguma satisfação ...

04) ... Hoje, 24/10/2012, liguei para saber o status da solicitação, e me informaram que, conforme cláusulas contratuais, me seria cobrado multa pelo processo, calculada em 18% sobre o valor atualizado da unidade. Desse total seria abatido o que paguei até o momento e então devolvido 60% do saldo restante ... Mas por esse cálculo o saldo é negativo! Ou seja, NÃO VOU RECEBER NADA ...

05) ... A Tecnisa respondeu que em até 45 dias, dariam o retorno ... Até hoje estou aguardando ...

06) ... O distrato demorou mais de 5 meses para ter um resultado. Para que a empresa me atendesse, tive que ir ao PROCON ...

07) ... Fiz todos os pagamentos que me foram solicitados, nas datas informadas pelo corretor ... Ao chegar na Caixa Eco. Federal, para análise do financiamento, descobri que fui orientado erroneamente e o financiamento não foi aprovado ...

08) ... Três meses depois da compra tivemos problemas financeiros e decidimos reconsiderar a compra ... Ou seja tudo o que pagamos e mais um pouco teríamos que deixar para essa empresa maravilhosa ...

09) ... comprei infelizmente uma unidade no mais guarulhos da living em novembro de 2011 e até então fizeram uma analise equivocada e quando fui financiar não fui aprovado pelo banco ...

10) ... por exemplo, meu saldo a financiar incial era 302.000... que virou 308, que virou 310000, que virou 316000, que virou 318000. Eu adiantei prestações, paguei mais de 30 mil reais ...

11) ... Estou a 3 meses solicitando o distrato junto a empresa Brookfield e para minha surpresa entrei com processo judicial e acredite eles não compareceram ao Fórum ...

12) ... Compramos 2 unidades do Miguel Yunes em 2009 na planta através da Lopes com a sinalização de que estávamos fazendo um ótimo negocio ... Passados quase 3 anos o empreendimento é um fracasso e não conseguimos repassar as unidades ...

Anônimo disse...

como o bolha sempre me bloqueia , vou postar aqui meu comentário e espero que os integrantes do bolhaimobiliaria.com , que sei que acessam este site , peçam ao bolha para liberar meus comentários no site , pois não sou desrespeitoso com ninguém , apenas não concordo com a bolha.
trascrevo na integra o que gostaria que fosse ao "ar" no site bolha

KentKome 10:37

é a enésima vez que tento postar aqui e o bolha me bloqueia;
vamos ao meu ponto de vista:
o preço dos imóveis , principalmente no rj , vai continuar subindo , sem que haja base para isso , até a copa e no rj até as olimpiadas; após as olimpiadas , o preço vai estabilizar. não vai cair ; só vai baixar de preço quem preciar vender , e a grande maioria que é dona de 90% dos imoveis brasileiros , gente da grana , rica , não essa nova classe c não vai “baixar de jeito nenhum”; oq ue vai contecer é que o preço vai baixar e muito , apenas dos imoveis ruins feitos para a classe c , que não vai ter como pagar o financiamento em 35 anos e vai vender os apartamentos tenda e mrv e lotes de terreno na zona oeste bem barato, mas na zona sul e bairros mais abastados o preço vai parar de subir e estabilizar, com a inflação crescente , vai ser mais acessivel e mais real o valor dos imoveis em 2017 por exemplo.
Quem comprou para investir só vai se dar bem se o governo confiscar as riquezas da classe média verdadeira e trabalhadora.
Sabe por que bolha não estoura no Brasil? por que aqui é o país do jeitinho , da malandragem , do devo não nego , do depois a gente ve o que dá , do ” me paga 100mil sem recibo que conheço um cara no cartório e na prefeitura”,
do me dá milzim que resolvo pra tu.
Por isso que não acredito em baixa de 80%. Tudo neste país funciona mal , principalmente os orgãos publicos, sendo os serviços particulares os publicos “melhorados e maquiados”
O governo do pt , tão criticado aqui , foi o MELHOR GOVERNO DESTE PAÍS ATÉ HOJE pois hoje em dia só cracudo passa fome e por que quer, pois o salário minimo no brasil sempre foi menos de 100 dolares , lembram disso? na decada de 80-90 era nem 50 dolares , e hoje em dia é 300 dolares! e não me venham com o papo de que o dolar desvalorizou por isso o real valorizou frente ao dolar pois já houve épocas parecidas em outros governos em que o salario minimo frente ao dolar caiu ainda mais de valor, seja na crise de 29 ( que nem minimo existia) ou na crise de 70 , ou na crise das dotcom , etc..
A classe c lembrará de um dia em que andava de carro e celular touch screen,
a classe aa continuará se lixando para tudo e todos.
a classe b será a nova classe c
e eu continuarei vendendo coisas… móveis e imóveis… e as vezes até sonhos.
Enquanto houver ¨666¨ nesta ¨banania¨ nunca passarei fome!
p.s.: não sou corretor
p.s.2: kentkome sou eu
p.s.3: bolha , posta meu raciocinio , não estou sendo desrespeitoso , é apenas uma opinião válida para este espaço de discussão , ok?
p.s.4: rosinha , eu te amo , com todo respeito , é claro.

Nélio Oliveira disse...

Anônimo, você parece aquele cara que calça 38, vai comprar um sapato e reclama com o vendedor que é injusto que o preço do sapato 38 seja o mesmo do 44, porque o 44 usa mais material. O que o vendedor lhe responde: oras, compre o 44 então! o que o impede?

É exatamente a mesma coisa com relação aos imóveis da Flórida. Eu bem que gostaria de morar lá, mas a ida e a volta para o trabalho seriam muito longas e caras. Mas sinta-se à vontade pra ir morar lá.

Visitante Carioca disse...

Faz todo o sentido os preços só continuarem subindo né?

Afinal, imóvel é feito vinho, quanto mais velho, melhor fica, menos problema dá, menos caro ficam as reformas, mais adequado ficam às necessidades contemporâneas (afinal, vagas de garagens brotam do chão, idosos que tem dificuldade de locomoção passam a caber mais e mais nos grandes elevadores com suas cadeiras de rodas, quando não acontece de brotar um elevador no prédio que antes não tinha, o sistema de galerias pluviais do bairro só passa a ficar melhor a cada ano, dá até pra usar de metrô).

Enfim, não há nenhum motivo para o preço do imóvel parar de subir. O imóvel é algo tão transcendental que gera valor só pelo fato de ser o que é, só por existir. É tipo assim: Existo, logo, valho mais e mais a cada segundo de existência.

Imóvel gera muita riqueza, muitooooo produtooo. Ainda mais os usados. Esse ó, são PIB só de respirar. kk

Unknown disse...

Profunda a sua reflexão a respeito dos imóveis.

E você se esqueceu de falar dos imóveis novos, com excelente padrão de acabamento, distribuição excelente dos cômodos, o tamanho então é uma maravilha.

Anônimo disse...

A menos que voce seja de fato milionário, para adquirir uma residência voce gastará grande parte de tudo o que voce ganhará na vida e, além disso, esse problema será enfrentado novamente por cada um dos seus filhos. Se voce pode gastar 1/3 morando na Florida, então está na hora de pensar em trabalhar na Florida e esquecer a Banânia. O que está em jogo é somente o seu futuro e dos seus filhos, nada além disso.

Nélio Oliveira disse...

Eu não sou milionário, e paguei (à vista, em 2004) 107.500 dilmas no meu apartamentinho de 2 quartos na Asa Norte.

Se você tiver um emprego com estabilidade e aposentadoria integral na Flórida que me pague o que paga o meu (trabalhando 6h/dia, pfvr), e que garanta pensão à minha esposa e à minha filhota em caso de eu morrer, me indique, que, assim que eu for contratado, eu me mudo pra lá e compro duas casas de 150K, uma pra mim e outra pra você.

Enquanto isso não acontece, sua cantilena pra mim é puro whiskas sachê...

Anônimo disse...

Considerando a péssima liquidez de um investimento em imóvel, o grau de valorização atual nos diz que outros investimentos são mais atrativos no momento. A poupança rende metade disso, mas é assegurado. A Renda Fixa rende quase isso, e tem alta liquidez. A Bolsa pode até render mais, mas tem um risco maior.

Não vale a pena ter um alto volume de investimento imobilizado e não ter uma liquidez imediata.

Kássia Tavares disse...

Sim, muita pena. Essas casas aí na Flórida são no orifício anal do Judas...kkkk
No meio do nada.
nada menos que 230 Km de Miami.
Que eu vou fazer num buraco desses? kkkk
Isso aí é lugar para velho morar, aqueles velhinhos americanos que moram na Flórida porque é quente.

Ridículo o sujeito querer comparar um lugar desse aí com Plano Piloto de BSB, Zona Sul do Rio e etc...

https://maps.google.com.br/maps?q=1146+Edelweiss+St+E,+Lehigh+Acres,+FL+33974&ie=UTF-8&ei=M4cSUepPpLfSAcyIgfAD&ved=0CAsQ_AUoAA

Kássia Tavares disse...

Interessante esse povo colonizado.
O cara é um cucaracha nos EUA e vem falar que tem dó de quem mora no Brasil.
Coitado. Tenho dó de quem é cucaracha nos EUA.
Deve tá lavando prato e mcdonalds ou limpanho banheiro em hotel americano e vem aqui falar bobagen.
Fora que prefiro 100000 x morar no Brasil a EUA.
E olha que conheço EUA muito bem. E mesmo assim, prefiro Brasil.
Então essa opção de trocar Brasil por EUA, no meu caso, está fora de cogitação.

Visitante Carioca disse...

Claro né, Madame Fumer, nos EUA não existe a taxa de 6% por corretagem de imóvel né?

E lá os imóveis são baratos demais, suas comissões seriam muito baixas.

Anônimo disse...

como meus comentarios estao constantemente sendo moderados no site bolhaimobiliaria.com ( site que respeito), postarei aqui mais uma opinião:
kentmorde 16:41

kntkome = kentmorde(mudei o nick por respeito ao site)
É exatamente issso que estou tentando fazer , mas meus comentários passam por uma severa moderação do bolha...
eu me apoio na tese de que o povo brasileiro , culturalmente sabe se fazer de leis aonde não existe , e acredito que qualquer governo brasileiro , como é e sempre foi extremamente assistencialista , não resolvendo a origem dos problemas de nosso paóis , mas sim dando soluções a la cotas em universidades e bolsas familia etc. , não duvido nada qualquer governo brasileiro perdoar a divida dos "666" classe c deste país , pois isso dá voto , e vários e muitos votos!
só isso! cientificamente falando , economicamente e socio-antropologicamente falando , há a formação de uma bolha gigante no país , mas , como este país é uma banania nunca os governantes permitirão que a maioria do povo se ferre. Não sei se foi a grande maioria do povo que financiou os bolhudinhos , mas foi a parte manipulável e influenciável da população brasileira, e esta é maioria!
abram s olhos! todos aqui tem excelentes argumentos científicos para justificar a bolha , o que é louvável e interessantíssimo de se ler!
tem participantes deste blog que com certeza conseguirão cumprir seus objetivos pessoais e profissionais pois tem inteligencia e discernimento , são economicos e dificeis de se enrolar , MAS neste país nada funciona direito e a ilegalidade é enorme neste país!
todos daqui são trabalhadores e já viram quantas irregularidades há na banania , no nosso dia a dia? tem a banquinha do bicheiro em frente a cabine da pm , e o povo jogando! tem garotas de programa em cada esquina , e morrendo num din din pro guarda ou pros "quebradores" da área , tá tudo certo..
tem flanelinha em cada parada e vaga de carro
tem ambulantes em toda a parte
tem a barraquinha de doce na porta da escola
tem creche irregular que é casa de cuidadora de crianças
tem asilos ilegais a la menguele
tem pedágio dentro da propria cidade em via construida com dinheiro publico.
é tudo irregular na banania!!!!!não deveria ser , mas é!
A questão vai ser a seguinte: se até quem mora em áreas irregulares conseguiu invadir terreno de rico e criar as favelas e tem documento "de posse" e ninguém tira eles de llá , não vai ser num mcmv , ou num tenda gafiza ou mrv que vão conseguir tirar os moradores de lá! uma lei é criada e BUM! o governo conseguirá recompensar quem não merece! será que isso é novidade neste país?
não é meu desejo , mas são os fatos !

Anônimo disse...

sou eu , kentkome=kentmorde
não digo que faz sentido os preços continuarem subindo , assim como nada neste país faz sentido! tudo é manipulado;1 tudo é torto e ilegal e irregular!
realmente , os preços estão absurdos , mas o povo brasileiro é ignorante , mas não é burro , e acima de tudo orgulhoso! quem tem um imovel não baixa de jeito nenhum! não é isso que nós ouvimos?
claro que os preços estão absurdamente altos e irreais , mas isso é um reflexo da liberação desenfreada de crédito pelos bancos a população!
a bolha para de crescer quando a inadimplencia aumentar muito , mas os preços nao vai cair pois qual governo vai ter a coragem de mandar uma família classe media expulsa de sua casa se ao lado de sua casa tem uma favela completamente irregulkar em que o governo nunca expulsou ninguém?
o governo vai comprar a divida da classe c pois ela e maioria e tem poder de voto.
infelizmente é isso que vai acontecer daqui a 7-8 anos, se tanto...
ou o governo vai refinanciar , ou vai existir uma lei para quem for desempregado não precisar pagar , e assim por diante!
esse governo é e sempre foi assistencialista em troca de voto
e para desapropriar um imovel leva tempo e nosso judiciario não funciona , pelo menos não como deveria .

Leandro Dias disse...

Oh my.... You're back! I missed so much! I still want to buy your apartments

Anônimo disse...

Nos Estados Unidos, empresário e corretor de imóveis que engana comprador de imóveis vai preso.

Limpar banheiro e lavar pratos são profissões dignas.

Prefiro morar nos EUA: lá as cidades são mais seguras, mais servidas de transportes públicos, sem contar que são mais baratos.

BobageN: nossa, deve ter faltado à aula de portugueis! kkkkk

Anônimo disse...

No meio do nada está o Noroeste...mato...mato...mato.

Anônimo disse...

Coloque a palavra corretagem no reclameaqui.

http://www.reclameaqui.com.br/busca/?cx=008144464031947637647%3A7airzwxfigw&cof=FORID%3A10&ie=UTF-8&q=corretagem&id=&BuscaTipo=E&x=69&y=15&BuscaTipo=G

Anônimo disse...

Vou ter que conconcordar. Também ando pensando nisso, não vejo ordens de despejo em massa mas sim uma grande farsa do governo para perdoar os coitados enganbelados pela frieza do capitalismo.

Se vier a acontecer mesmo, nao sera nenhuma novidade, já vimos fato semelhante acontecer com o BNH nos anos 70 e 80.

O próprio governo já dá sinais de suas intenções ao absorver indivíduos com maior chance de inadimplência nos bancos privados para os bancos públicos.

E esperar para ver.

Anônimo disse...

A inadimplência é coisa que virá em 5 ou 10 anos. Mas mais cedo com o Minha Casa Minha Dívida. Ou pobre no Brasil ficou rico?

A classe média já está consciente que ficou pobre, por isso parou de comprar imóvel.

Anônimo disse...

Meu caro, aqui no Brasil não é como você vê nos filmes americanos. Pra você despejar uma família de um imóvel é quase impossível, principalmente se tiverem filhos pequenos. Isso serve tanto para o aluguel quanto para o financiamento. O que vai acontecer é o que aconteceu no final dos anos 90: leilões de imóveis da Caixa. A Caixa, que é o maior financiador de imóveis desse país, não entra com ações de despejos para mutuários inadimplentes. Ela simplismente realiza um leilão do imóvel e de brinde vem toda a família dentro. Quem compra o imóvel no leilão é que fica responsável pelo despejo dos moradores.

Anônimo disse...

No Rio de janeiro, de cada 4 pessoas, 1 mora na favela e as outras 3 moram tão perto de favelas que ocasionalmente uma delas orre em decorrência de bala perdida. Em Brasilia, temos o plano piloto cercado de favelas, como por exemplo Ceilândia. Atualmente, é uma cidade onde politicos condenados pela mais alta corte da Banânia, estão redigindo Leis.

Voce reparou que nas casas que mostrei na FLORIDA, além de custar MENOS do que um Minha Casa Minha Vida bananense, não possuem muros ou cerca elétrica? Por que será que é desse jeito?

Então, onde é que é mesmo THE MIDDLE OF NOWHERE?

Anônimo disse...

com a nova lei do inquilinato os despejos estao bem mais rapidos. mas de qualquer forma nao compensa mais imovel para alugar. inquilinos destroem os apartamentos e depois nao fazem os reparos. uma m... imovel para aluguel.

Anônimo disse...

brasilia esta parada total. um amigo que e corretor me confessou que os precos estao altos que nem funcionario do tcu e camara conseguem mais comprar nada. e onde da para comprar que e aguas claras e uma fria. muita gente comprou para investir mas nao acha comprador.

Anônimo disse...

recado do kentmorde
aviso para o bolha: mesmo que meus comentários não sejam inteligentes , e assim como um colega postou que eu sou uma diarreia de sopa de letrinhas em meus comentarios ...

poxa bolha! deixa meus comentários irem ao ar no seu site! eu não sou ofensivo! sou apenas uma opinião que engrandece o seu site e o transforma em algo mais democrático! se todos torcerem a favor de um time , o futebol não tem graça certo? o que seria do vasco sem o flamengo? do corintians sem o são paulo?
abraços do seu amigo kentmorde!

Anônimo disse...

bolha , libera meus comentarios plz! não precisa me moderar , me libera! deixa eu seu mais um comentarista do seu grande site! eu gosto pracaramba daquela turma de lá e não sou insider , pode confiar!
o assunto era sobre a empregada que botou silicone nos petcho , aqui vai meus comentários que estao aguardando moderação no site bolhaimobiliaria:


kentmorde:
viu o preconceito? por que uma pessoa pobre , de familia humilde não pode ter direito a um implante de silicone? a raiva da classe a e aa é ter os serviços piorados por causa de pessoas igual a esta senhora que com certeza deve ter parcelado no cartão a cirurgia , ou pago a vista via empréstimo bancárfio , pelo mesmo serviço que a madame.
o que a madame faz? vai num mais chique , mas mesmo lá a atençao é direcionada para quem pode pagar , quem tem poder de compra , ou seja , a classe c! daí as madame pira e vão procurar um médico de renome , que lhe cobra bolhudamente os olhos da cara!
a antiga classe média está desesperada , e sinto este sentimento de perda de poder aquisitivo por alguns integrantes deste blog!
eu sou a favor de que todos tenham acesso a todo tipo de serviço! não do jeito que está , com pessima qualidade , mas mesmo assim é muito bonito ver uma empregada domestica , vitima dos preconceitos hist´oricos de classe social e cor , ter acesso a um implante de silicone , se é este seu sonho!
sou a favor de empregados , talvez até um pouco inconsequentes terem direito a comprar um carro , um apartamento , mesmo este sendo bolhudinho , mas é um sonho para quem vive na favela ter uma casa no asfalto!
conheço gente aqui da area que mora na favela e aluga o barraco da favela e com este dinheiro aluga uma casa no asfalto!
quando a conta chegar , muita gente vai se arrepender , ficar estressado , endividado , mas isso servirá para o engrandecimento destas pessoas , que passarão a dar mais valor as coisas !
no pain no gain!
sem sofrimento , a vitoria não tem graça!
a grande raiva da antiga classe média , que se acomodou no ap do papai até os 35 anos é agora ter que competir com os filhos de sua empregada doméstica , com o filho do pedreiro , do eletricista , do porteiro , etc…
abram os olhos! as coisas evoluiram , e como toda evolução , não volta mais atrás! quem ficou para trás , fica obsoleto!

seia mais sensato supor que este setor (classe média antiga empobrecida) passa por um periodo de ajustes apos a euforia dos ultimos anos!

0 likes

Responder


kentmorde disse:Your comment is awaiting moderation.
fevereiro 7th, 2013 at 12:44

recado do kentmorde
aviso para o bolha: mesmo que meus comentários não sejam inteligentes , e assim como um colega postou que eu sou uma diarreia de sopa de letrinhas em meus comentarios …
não precisa ser tão severo com meus comentários!
sou um anti-bolha do bem , e talvez até vire a casaca!
poxa bolha! deixa meus comentários irem ao ar no seu site! eu não sou ofensivo! sou apenas uma opinião que engrandece o seu site e o transforma em algo mais democrático! se todos torcerem a favor de um time , o futebol não tem graça certo? o que seria do vasco sem o flamengo? do corintians sem o são paulo?
abraços do seu amigo kentmorde!

0 likes

Responder


Anônimo disse...

e tem mais um pouquinho ainda:
poxa bolha , me libera!
galera do site , visitante carioca , rosinha , quiumento , pede pro bolha me liberar , plz!!!1

kentmorde disse:Your comment is awaiting moderation.
fevereiro 7th, 2013 at 12:46

e sinceramente , não gosto de ficar postando no site da tia kássia para ser lido! pode me liberar que eu não mordo¹ para de me moderar , pode confiar…

0 likes

Responder


kentmorde disse:Your comment is awaiting moderation.
fevereiro 7th, 2013 at 13:14

vou dar um exemplo: meu pai era criança e pobre ainda , mas precisou fazer uma delicada cirurgia cardíaca aos 7 anos de idade… não achou quem fizesse em hospital publico no brasil , então , meu avo correu para os bancos , mas estes negaram-lhe um emprestimo para pagar a cirurgia , cara , na epoca.
em virtude de meu pai ser filho unico , meu avo vendeu o unico imovel que tinha , pagou a cirurgia e migrou para uma comunidade , casa em que vivo até hoje…
agora eu pergunto aos amigos do site: se houvesse a possibilidade de uma financeira financiar em 15 anos , parcelinhas que cabem no bolso , vocÊs acham que meu avo tinha vendido a casa?
é isso que acontece hoje no brasil! pessoas que nunca tiveram oportunidade de juntar dinheiro durante a vida , seja por vicios ou pelo dia a dia , hoje podem ter acesso aos serviços!
muita gente reclama que a classe c está andando de carro financiado , mas….
alguem aqui já pegou o trem ramal santa cruz em horario de rush?
alguém já veio em pé no onibus lotado , levando dedada na bunda(desculpa bolha) e sarrada e suvaco na cara durante 3 horas no verão carioca? chegando em casa todo suado e relado e cansado?
duvido! talvez akguns comentaristas aqui já passaram por isso , mas mais de 50% não!
pensem nisso gente! deixem o preconceito de lado!
a tal empregada tinha vontade e teve direito a fazer e realizar seu sonho .

Anônimo disse...

Você nunca parou para pensar no que essa mesma classe média, que segundo você mesmo, são "pessoas que nunca tiveram oportunidade de juntar dinheiro durante a vida", passarão anos e anos tendo que se apertar ainda mais do que antes de contrair a dívida para ter que pagar as parcelas que contém juros que ainda são o 3o. maior do mundo?

E mais, o que vai ser dessa economia baseada em crédito, quando a massa estiver economizando para servir suas dívidas + juros?

Eu te respondo: Contrair empréstimo só é interessante se você projeta um futuro maior do que o presente. Por exemplo, um produtor rural pode tomar empréstimos para aumentar sua produção e ganhar mais dinheiro. O dinheiro a mais que entrará servirá a dívida e depois de quitar tudo, o lucro começará a vir. Por outro lado, quando a massa de pessoas contrai dívidas para consumir (veículos, serviços, etc...), terão que retrair seus gastos a um nível inferior do nível de gasto de antes de contrair dívida até que suas dívidas sejam quitadas. Bem, os imóveis geram dívidas de até 35 anos, e os carros dívidas de até 6 anos. Durante esse longo período teremos problemas para conseguir fazer a economia crescer, pois o povão estará saturado de crédito, ralando para tentar servir suas dívidas.

Anônimo disse...

Em resumo, a menos que os empréstimos sejam usados para fins realmente produtivos (industria, agricultura, etc...), deve-se evitar!

Pegar empréstimo para consumir significia tomar mais gastos que você poderia fazer no futuro para adquirir bens agora, porém em quantidade menor. Isso ocorre devido aos juros. Este tipo de empréstimo interessa únicamente aos bancos.

Anônimo disse...

comentário total escroto do kentmorde....

ah, é difícil andar no metro apertado (que eu ando) então vamos fiananciar um camaro amarelo!

é isso que o pessoal no site do bolha diz. não tem dinheiro pra bancar um uno usado, mas financia um civic zero!?!?! como?!?!?

dúvido que vc encontre alguém lá que diga: é pobre não pode ter carro!
mas dirão: não tem condições de ter um civic zero? compra um uno.

você dirá: preconceito! - claro, claro... radicalismos políticos a parte se a pessoa vai se comprometer com uma parcela de um civic ao invés de um uno sem ter renda o que ele fará é pagar a parcela do carro ao invés de comprar comida.

Anônimo disse...

Vamos ver se assim você não me censura

Respondendo ao Senso Cri-crítico:

Todos sabemos que não só imóveis, bem como diversos outros bens de consumo, tem preços completamente diversos do Brasil e não só nos EUA mas como em vários países desenvolvidos. Por muito tempo tentou-se atribuir isso ao chamado custo Brasil, composto por exemplo pela carga tributária, transportes, leis trabalhista e etc. Atitude que já não convence boa parte da população, pois todos sabemos que existe entre o empresariado brasileiro e estrangeiro o chamado lucro Brasil, este sim é um dos maiores do mundo.

Até por isso vemos atualmente uma fuga de divisas de brasileiros para o exterior, nunca vista antes. Grande parte associado a compra de bens de consumo no exterior. Por que isso? pois o custo de se comprar no exterior mais a viagem de férias compensam mais do que comprar no Brasil. É uma verdadeira anomalia, péssimo para nossa economia, mas acontece e o que o governo faz para impedir? nada, muito porque a própria sociedade não faz nada a não ser aceitar bovinamente o que é cobrado aqui.

Agora diante desta situação temos 2 opções, a primeira é aceitar de forma resignada e tratar com sarcasmo e soberba que não compactua desta opinião, como fez o Senso Cri-crítico. A segunda é não aceitar este tipo de imposição, não estou defendendo que não se compre mais nada enquanto não tenhamos valores mais justos, mas pelo menso que se mostre indignação, avalie outras possibilidades de compra e não aceite a cantilena imposta pelo empresariado brasileiro.

Última coisa, lamentável a atitude do senhor Senso Cri-crítico, fazer esse tipo de propaganda do funcionalismo público é ridículo, ultrajante. Talvez seja por isso que pouco lhe importa se paga caro ou barato o que consome. Um indivíduo que se regozija com o fato de trabalhar pouco, da aposentadoria integral e etc, não pode fazer por merecer o salário que recebe, talvez por isso não de valor ao dinheiro que ganha.

Eu fico pensando como alguém pode se tornar tão acomodado, a vida dele é seu carguinho e apenas isso, o que acontece se ele deixar de existir? o indivíduo também deixará? me lembrou um conto de Machado de Assis, "O Espelho", no qual o personagem principal torna-se alferes e passa a não se identificar mais sem sua farda, "O alferes eliminou o homem".


Kássia Tavares disse...

Eu mesma já critiquei várias vezes o Senso-Crítico, pois ele tem claramente uma posição (legítima, por sinal, de esquerda), e já criticou bastante meus artigos sobre o Noroeste - ele é, inclusive, totalmente contra o NW e a favor dos pseudo-índios que estão lá. Ponto.

Entretanto, se ele é funcionário público, trabalha x horas, e está feliz da vida com a vida que leva, NINGUÉM TEM NADA A VER COM ISSO, penso eu.

Afinal, os empregos públicos estão aí, são de entrada democrática, quem quer entrar, basta fazer o concurso, ser aprovado e pronto.

Assim, o que eu acho mesmo "lamentável" é querer se intrometer na vida alheia, dando palpites de como os outros devem ou não levar suas respectivas vidas. Para ficar bem claro: cada um que leve a vida do jeito que vem entenda, trabalhando, 2, 1, 0, 6 horas por dia, em empregos "light", ou pesados, cheios de desafios e de competição como na AMBEV, por exemplo.

Tem lugar para todos os gostos, e quem opta por um, não deve criticar a escolha do outro. Ou seja, quem opta por trabalhar na inciativa privada não deveria criticar quem opta por trabalhar no setor público, e vice-versa, já que em ambos os casos as pessoas trabalham onde querem, então é realmente lamentável criticar a escolha alheia.

Anônimo disse...

sou eu , kentmorde:
metrÔ é avião de luxo perto de trem.
vocÊs acham que classe c financia honda civic? camaro amarelo? claro que não! conheço muitos que financiam unos 97 por exemplo! mas antes nem isso era possível! tem os burros que dão um passo além da perna , caem em tentação de gastar e ostentar o que não são , mas não são a maioria; a maioria dos que fazem isso é a tchurma da antiga classe média .

Anônimo disse...

Primeiro, quem colocou com sarcasmo o fato de trabalhar poucas horas por dia e ainda ter aposentadoria integral foi o senhor Senso Crítico e não eu, portanto se ele colocou seu emprego como argumento na discussão, eu bem como todos os leitores do post, temos o direito de contra-argumentar e nos sentir ofendidos por tal atitude.

Segundo, se ele esta satisfeito e considera justo o número de horas que ele trabalha então não precisava ficar fazendo propagando disso, fez porque sabia que isso iria provocar algumas pessoas, por favor sem falsa ingenuidade, todo nós sabemos ler nas entrelinhas.

Terceiro, é um funcionário público, pago pelo dinheiro de todos os contribuintes, e todos nos temos o direito sim de nos intrometer caso o indivíduo não esteja exercendo sua função corretamente.O fato de o indivíduo ter passado em concurso público, se é que o fez mesmo, não é passaporte para incompetência e acomodação, o que você deve saber muito bem é o almejado por muitos funcionários públicos.

Quarto, justificar ser melhor morar no Brasil e aceitar todo e qualquer tipo de injustiça pelo fato de ter um empreguinho público é ridículo e lamentável, é uma total falta de empatia com quem é desfavorecido e tem que pagar tudo 3 a 4x mais caro, com quem trabalha para pagar caro por tudo e ainda sustentar este tipo de atitude, com o fato de que somos um país injusto e com péssima qualidade de vida.

Sua visão do que que é um emprego público é completamente distorcida, apesar de verdadeira, colocar o emprego na iniciativa privada como produtivo e o público como "light", isso sim é lamentáve. Sinceramente, você se deu conta do que falou? você acha normal assumir que o funcionalismo público é light, sem desafios, sem competição e ainda faze apologia a isso?.

Finalizando, eu não me intrometi em nada, quem se expôs aqui foi o senhor Senso Cri-crítico e lamentável é sua capacidade de interpretação e argumentação.

Anônimo disse...

Kent, você fumou?

Anônimo disse...

Kent, você é o lado crasse C da Kássia. Aposto que é você mesma para acabar com os comentários aqui no seu blog.

Anônimo disse...

Aposto que é da iniciativa privada e está com inveja de quem passou em concurso público. O serviço público hoje é bem diferente de 20 anos atrás, dê uma olhada antes de falar bobagem. E se está vendo coisa errada, porque realmente tem, denuncie. Exerça seu direito de fiscalização.

Anônimo disse...

Ouvir ou ler que o governo do molusco foi como NUNCA ANTES NESSE PAIZ O MELHOR MELHOR DO MUNDO é no mínimo estar mal informado, sem internet em casa.
É começo da ressaca da festa do NUNCA ANTES NESSE PAIZ.
Nesta quarta-feira (27/01/2013), a Ecopetrol valia US$ 114,6 bilhões, e a Petrobras, US$ 113,9 bilhões, porque a petrobras está vendendo gasolina e diesel por menos do que compra lá fora, isto porque NÃO consegue extrair O PETRÓLEO QUE POSSUI.
O empresario Áique ja perdeu US$24.000.000.000,00 ( dólares) de março de 2012 até hoje. Passou do 10º mais rico do mundo mundial para la do 100º
Imagina se acontecer esta desvalorização nos BOLHUDOS?

Anônimo disse...

Muito bom este artigo do Professor Samy Dana, que é Ph.D em Business, professor da FGV e escreve no caderno Mercado e foi escrito em parceria com Eros Nascimento, Mestrando e Graduado em Administração Pública pela EAESP-FGV, tendo cursado Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo e Administração pela Marriot School of Management na Brigham Young University – EUA .

http://carodinheiro.blogfolha.uol.com.br/2013/02/06/o-mercado-imobiliario-no-brasil-e-estado-de-natureza/#comments

Anônimo disse...

Argumentação pífia e baseada em empáfia.

Tenho realmente muitas ressalvas com o serviço público mas tenho certeza também que muitos profissionais que estão nesta área são competentes até pelo fato de terem passado por uma seleção. Quem se vangloriou das facilidades do funcionalismo público e ainda justificou o Brasil ser um bom país pelo fato de ter um emprego público foram os citados acima e não eu.

Veja bem, independente do emprego ou status que venhamos a ter temos que ter o discernimento do que é o nosso país, a nossa sociedade.

Tenho certeza que muitos funcionarios públicos não estão satisfeitos com o país só por que tem um carguinho.

Se você é um defensor tão veemente do funcionalismo público e refere que este mudou nos últimos 20 anos, deveria ter se revoltado com a opinião do senhor Senso Cri-crítico e não a minha, quem aqui esta fazendo propaganda negativa da sua área de atuação é ele e não eu.

O que acontece é que eu citei uma realidade do serviço público que pode até estar ultrapassada, não me parece pelos exemplos que tenho, que ouço ou leio. Contudo, se você possui outra experiência, compartilhe ela conosco, não venha falar que é bobagem e mandar dar uma olhada, fica muito vago e subjetivo, nos mostre algo (matéria, pesquisa ou estudo) que demonstra a produtividade e competência no serviço público.

Anônimo disse...

então vc entende o que o pessoal diz mas quer causar, tentar distorcer as palavras dos outros... bom saber...

Anônimo disse...

Se a Tia Kassia está quietinha, isso significa que a bolha está para estourar em pouquíssimo tempo....

Anônimo disse...

ela deve estar deprimida, que nem a demanda

Kássia Tavares disse...

Queridos, vcs estão sentindo minha falta, né?
Infelizmente estou muito ocupada negócios imobiliários (acreditem, o mercado está bem melhor que em 2012), e não estou tendo tempo para escrever meus artigos.
Quando estiver mais tranquila eu volto a postar.
Bolha? Rá..Rá..Rá...podem esquecer. A demanda em 2013 está animadora mesmo. Podem acreditar.
E tem mais: PIB tá crescendo mais de 4% anualizado. Mercado de carros está BOMBANDO. E o de imóveis também está bem melhor que em 2012.

O único e GRANDE problema, hoje, se chama INFLAÇÃO. Veio muito forte em janeiro, e se continuar assim o BC vai ter que subir os juros..e aí dá uma esfriada geral. Mas, mesmo nesse cenário, não acredito em quedas nominais.
Mas, de qualquer forma, parece mesmo que 2013 está se pronunciando como o pico de preços reais dos imóveis, após o qual observaremos, na minha opinião, estabilidade de preços em termos reais (acompanhando a inflação - o que, no atual cenário, não é pouco, já que a RF tá perdendo feio da inflação, né?).

Anônimo disse...

Tia Káaaaaaaaaaaaassia, tudo bem com a senhora?
Em qual stand de vendas a senhora está hoje, o de Samambaia ou do Gama?
A inflação parece que vem alta este ano né? INCC crescendo, preços subindo. Mas o salário continua o mesmo, e você já sabe, né? A conta não fecha.
Não se iluda nem tente iludir seus leitores.
Mas caso esteja realmente vendendo, compartilhe conosco as informações.
Diga-nos a localização do imóvel e o preço. Sabendo que tem outras pessoas corajosas comprando, quem sabe eu animo a comprar um de você também.
Aproveite e passe o telefone da sua imobiliária. Com o seu anonimato, a senhora perde muitos possíveis clientes.

Nélio Oliveira disse...

Amiguinho, eu não emiti opinião nenhuma. Eu apenas descrevi fatos. Como me censurar por descrever fatos? Tudo o que eu escrevi é verdade (ficou com invejinha também por eu ter pago pouco mais de 100K no meu humilde dois quartos?).

Como pode alguém ser tão sensível assim ao ponto de se ofender por alguém criticar fatos? Quando você pede um café pra copeira do seu trabalho e ela diz que ainda não está pronto o que você faz? Se ofende? Não, ela está descrevendo um fato.

Agora se você se ofendeu pelo que eu escrevi, eu te aconselho a pular da Torre Digital. Ou arrancar a cueca pela cabeça. Ou segurar a respiração até não aguentar mais. Ou ainda a representar contra a minha pessoa, afinal é seu DIREITO.

Só não esqueça de voltar aqui pra contar o resultado... rs...

Anônimo disse...

Realmente o mercado está melhor este ano.

Ano passado havia um monte de imóveis que NÃO estavam sendo vendidos por um milhão e neste anos estão todos NÃO sendo vendidos por 1,3 milhão

Kássia Tavares disse...

Eu não estou vendendo imóveis em Brasília, apenas em SP.
Fiz até um videozinho aterrissando em Congonhas.
http://www.youtube.com/watch?v=mGGbXkdbE_g
Mercado está muito bom, pelo menos em SP, está ótimo.
BSB, quem sabe, vou colocar um ágio no Noroeste para vender, vamos ver o que dá...vou colocar um preço bem bolhudo..

Anônimo disse...

Preço bem bolhudo??? Opa, cuidado com os termos, logo logo estará falando a linguagem do bolhaimobiliaria.com - motumbo, bolhudo, Dilmas, Molusco, etc....

Ah, e depois nos avise se vendeu ou não, tá?

dimarcinho disse...

Renda Fixa tá perdendo pra inflação ?!?!?!?!!?!?!

Visitante Carioca disse...

Acredito que a inflação pode influenciar ainda mais o preço dos imóveis.

Na década de 80 e 90 as pessoas corriam da inflação investindo em imóveis. No entanto, o que creio ser engraçado é que mesmo comprando diversos imóveis os preços ficaram estagnadíssimos por um longo período.

Estou doido para saber como vai ficar isso nesta versão Anos 2010.

Ah, compartilho com vocês:

Edição 1344, 15 de junho de 1994, página 106 e 107

http://veja.abril.com.br/acervodigital/home.aspx

Sabe como é né? É que nunca na história desse país o imóvel caiu de preço.


Kássia Tavares disse...

É verdade. A poupança está perdendo feio da inflação, já que dá 70% da SELIC, que está em 7,25%, então a poupança dá 5,04% ao ano. Este mês a poupança deu 0,41% e o IPCA 0,86%.

Agora, quem já está no Tesouro Direto ok, pode estar ganhando mais que a inflação, mas quem comprar agora, tem que ficar bem esperto, pois se os juros subirem, o valor de face dos títulos vão cair. E aí, queda nominal de valor. Preju certo. E os juros vão ter que subir, mais cedo ou mais tarde.

Visitante Carioca disse...

Então, quem é esperto, compra LFTs, e não LTNs ou NTNs.

Anônimo disse...

Errado. Quem é esperto compra apartamento da Kássia (que não é corretora de imóveis) no Setor Chaparral.

Visitante Carioca disse...

Tu tens toda a razão!!!!

Desculpe-me, deixa eu me recolher à minha ignorância. rssss

Anônimo disse...

Tudo bem, pode ser que tenha valorizado 5,4% nos últimos seis meses, mas você tem que descontar o reajuste do saldo devedor, que ocorre pelo INCC, e no último ano deu mais de 7,5%. No fim das contas sai tudo empatado.

Sem contar que o reajuste do INCC é certo, sua dívida vai subir, porque está lastreada em um valor. Já a valorização depende de alguém pagar efetivamente o valor que você acha que seu apartamento vale.

Anônimo disse...

Tia Kássia,

Aparentemente você também não entende de investimentos que não sejam imóveis. Os títulos que perdem valor em caso de aumento da SELIC são os títulos pré-fixados. Neste caso bastaria comprar títulos pós-fixados, que acompanhariam o aumento da SELIC.

Outro ponto intrigante é ver a senhora reconhecer que a SELIC terá que subir. Já pensou o que acontecerá com a demanda por financiamentos quando os juros estiverem maiores? Mais nuvens negras para seu querido mercado imobiliário, hein?

Anônimo disse...

como morei na favela claro que já dei um tapa na macaca , mas não gosto não. fazem 13 anos que não boto mato jamaicano na boca.

Anônimo disse...

eu - kentmorde
eu não sou a tia kássia não.
Acredite.

Anônimo disse...

e , sinceramente não acredito em 80% do que ela escrev(ou seria marco aurelio , sei lá , voces que falam isso no bolha), mas admiro a coragem da moça! pegou o dinheiro e investiu! mal , mas investiu!

Anônimo disse...

só estou botando comentários tipicos de classe c num blog de pedigree!
caraio! por que os ricos tem tanto medo dos pobres?nós não mpordemos :)

Anônimo disse...

Sou eu - kentmorde---- pedido ao bolha , leiam na integra plz!

olha gente! eu acho que a kassia tavares é mais um investidor de familia rica , mas eu admiro sua coragem de investir , mesmo que tenha errado em imoveis na planta , e admiro este espaço ser democrático e não ficar esperando moderação.
ô bolha! já falei que não precisa moderar meus copmentários! eu fico perdendo o rumo das discussões pois meus comentários entram sempre atrasados!
a respeito da rosinha , ela se ofendeu comigo pois dei a entender que ela era preconceituosa!mas não a xinguei nem fui desrespeitoso e torço para que ela volte a postar no bolha! na verdade , acredito que ela tenha viajado de férias e dado um tempo no site , igual ela fez no ano novo.
nenhum comentário meu foi xingamento! pode ter sido ignorancia e burrice , mas desrespeito não foi! os debates sobre economia - brilhantes - em seu site continuam sendo brilhantes , e podes perceber que não me meto nestes assuntos...
peço , imploro , bolha! deixe meus comentários em directo , sem moderação! quero discutir em tempo real com os colegas do site!
obrigado pela atenção , bolha!
e tia kássia , obrigado por ceder o espaço.

Anônimo disse...

A Kássia é corretora de imóveis, ou você ainda não percebeu?

Kent-mord, sugiro a você escrever também seus comentários no blog skycrapercity, um espaço muito democrático, e terá o prazer de conversar com pessoas muito finas, educadas, como o Fullgencio, o marido da Kássia Tavares.

Quando você escrever lá neste site, avisa a gente aqui.

Kássia Tavares disse...

De fato, segundo o modelo de BIS/Yale, quando os juros sobem, há uma pressão por baixa nos preços dos imóveis em trimestres subsquentes. Mas estes têm outros drivers também. As elevações recentes dos juros provocaram uma redução no ritmo de valorização.
Então o impacto vai depender do nível de elevação dos juros.

Anônimo disse...

A renda das pessoas subiu muuuuuuuuuito Kássia. Por isso as vendas no Noroeste está um sucesso. Pechincha pagar R$ 10.000 no metro quadrado e morar na lama.

Kássia Tavares disse...

Ué, mas não estava R$ 8.000 reais o metro quadrado? Agora fiquei animada com meu bolhudinho no NW!!! R$ 10.000 até que não é ruim...

Anônimo disse...

Sou eu - kentmorde.
não vou escrever lá não , mas obrigado pela sugestão.
recebi esta postagem do bolha:
Bolha Imobiliária disse:
9 de fevereiro de 2013 às 9:53
Aos senhores que pediram dedetização, o pedido foi aceito.
Não vou aceitar novos usuários durante o feriado
Vou pegar a estrada, até a noite

poxa... fiquei chateado pois tinha feito varios comentários nesta madrugada..... e ele falou que ia me dedetizar!
já falei , bolha , que não sou inseto , sou um ser humano igual a vocÊ; vocÊ bloueia todos os comentários meus , por que?
nunca xinguei ningu´me ou fui desrespeitoso....
bloqueou uma postagem minh aem que elogio a semnick; outra em que falo sobre minha experincia com venda de carros em leilão...
sei lá , me pareceu exagero de sua parte!
já falei , sou inofensivo e não sou desrespeitos!
mandei um recado particular dizendo que se voce quiser te mando meu nome , telefone , endereço e falo tudo sobre minha vida para demonstrar minha boa fé!
Eu só sou pobre e tenho uma opinião contra o estouro da bolha de forma radical!
se minhas palavras são ignorantes , mesmo assim elas engrandecem seu espaço de discussão sobre a bolha pois serve de argumento esdruxulo que pode ser ridicularizadoe rebatido de bate pronto! pense! voc^tem mais a ganhar e engrandecer seu blog com opiniões diversa do que perder!
Me libera bolha! não precisa moderar meus comentarios ! assim eu perco o timming de conversa no blog! me libera bolha!

Educado Obediente disse...

Adoro mulheres que fumam...

Anônimo disse...

R$ 10.000 é o valor que todos anunciam, mas não acham. você pode ver, tem lançamento que há dois anos tem imóvel para vender, mas nada de vender. Agora, abaixando para R$ 8.000, quem sabe a pessoa tem a sorte de achar um comprador. Alguém que ame a natureza, morar no meio do mato, da lama, e daqui alguns meses comer muita poeira. E mesmo assim tem que ter sorte, alguém magro, por exemplo, para conseguir passar entre a cama e a parede do quarto, porque ali tudo é tão apertadinho.

O seu apartamento fica onde Kássia? Tem quantos quartos, metragem, andar, etc, e qual construtora?

Anônimo disse...

Ele não falou nada de você kentmorde. Ele está viajando, quarta feira ele libera as postagens, mas se eu fosse você eu criava um blog para escrever todas suas sugestões.

Kássia Tavares disse...

O Noroeste ESTÁ um mico, mas o bairro NÃO É um mico, e nunca vai ser pela ótima localização dentro do Plano Piloto. O problema do NW, para variar, é a incompetência do governo petralha, que não consegue finalizar as obras de infra-estrutura.
Mas o NW será o melhor bairro de Brasília, e ele será mais caro que Asa Norte/Sul e Sudoeste.

Anônimo disse...

Bom Senso Cri-crítico eu vejo que você é um daqueles indivíduos afeitos ao sarcasmo, pensa que agir com empáfia e soberba durante uma discussão o torna superior a quem esta debatendo. Como diria o poeta americano James Russel Lowell, "O sarcasmo é arma dos fracos"

Tirando suas associações estapafúrdias e seus neologismos baratos, maquiados pela sua pretensão e que em uma discussão verbal até funcionariam pelo impacto momentâneo de seus disparates, aqui, em um espaço escrito em que todos leem e procuram sentido no que esta escrito, para mim não passa de excremento verbal.

Veja bem, eu sou de São Paulo, não conheço Brasília, sinceramente não tenho interesse nenhum de faze-lo, agora pense bem em uma coisa, quem neste blog, em sã consciência, teria inveja de um funcionário público com um apartamento de 2 quartos em Brasília. Eu não sei se você consegue notar o tamanho da insanidade, pois provavelmente deve estar preso nesse personagem da classe média que você criou para você mesmo e talvez no seu mundo particular deva acreditar que todos o invejam e querem roubar o que você conquistou. Contudo, reflita um pouco, você acredita mesmo que eu, ou qualquer outra pessoa fossemos ter inveja de alguém, você acha mesmo que seria de você?

Sinceramente, não importa você tentar fugir do que esta sendo debatido fazendo joguetes de palavras, se você quer chamar de fato ou qualquer outra designação ou associação, o problema a aqui não é uma questão de semântica e sim de ética. Eu não sei nem se você sabe dar sentido a esse termo, pois pela suas declarações me parece mais familiarizado com a Lei de Gerson, mas fica claro sua ausência de ética com o cargo que ocupa, com as instituições e principalmente com a sociedade a qual deveria pelo menos ter respeito.

Porque essa desfaçatez em debochar do fato que não cumpre suas funções e ainda tem certeza da impunidade, o que você ganha com isso? o que isso prova? Para mim fica apenas mais claro que os EUA é realmente um país mais justo do que o nosso, independente do fato de conseguir morar lá ou não, o país continua sendo melhor que o Brasil e eu não vou fechar os olhos para realidade só porque a situação me favorece.

Finalmente, pelo menos em alguma coisa concordamos, eu também acho que não existe possibilidade de ir morar na Flórida, assim como você teria que largar meu emprego, revalidar meu diploma, pagar os impostos americanos para transferir meu dinheiro, seria tratado provavelmente com preconceito por ser um estrangeiro e ainda mais latino. Contudo isso não me impede de saber e ficar indignado com o fato de que nos EUA, o país mais rico do mundo e com uma das maiores rendas per capta do planeta, o cidadão consegue comprar uma casa por 1/3 do valor que é cobrado no meu país, que é muito mais pobre, tem uma renda per capta muito menor e é muito mais desigual.

Anônimo disse...

Li comentarios mais em cima que falavam do MCMV.....acredito que aqui nesse blog todos que comentam tenham renda bem acima e ainda não perceberam que o MCMV já nem existe mais de fato. A realidade é quem comprou, comprou. Quem não comprou não compra mais. Devido a valorização não existe mais imóveis que caibam no valoe estipulado. Qualquer munkifo já ultrapassa esse limite. Quem tem subsisidio são os de renda menor que mesmo somando com o valor liberado e mais subsisidio não acha qualquer imóvel no valor. Aqui na minha cidade que é interior o limite no MCMV é um imóvel de 145mil e os mais em conta em lugares bem...bem distantes são acima de 180mil. E fala que existe bolha? Se falo ago me olham como se eu fosse louca. A crença aqui é: imóvel nunca cai o preço. Vejo placas na cidade inteira vende-se mas nunca vi ou ouvi alguém pensando que os imóveis não vão subir mais. Baixar então??? Só eu ainda acredito que tem q ter um limite. Me dói ver até onde os seres humanos chegam por ganância.

Anônimo disse...

Eu também acho fora de proposito o preco do aluguel no Brasil, comparado com a renda per capta das pessoas. Nao só isso, como o preco dos carros, transporte publico, e internet. Eu moro na Alemanha e conheco bem os EUA, e sou de Sao Paulo. E as coisas em Sampa sao um absurdo de caras, desde comida, cinema. Aqui como as pessoas recebem em Euro o preco é justo. Eu moro num apartamento social, e pago 500 euros de aluguel, tem 56 metros quadrados, com aquecedor e totalmente renovado. Várias pessoas que moram no mesmo predio tem BMW, Mercedes,e moram num predio social. O preco de uma casa aqui, custa em torno de 350 a 450 mil euros, ou mais, nao é muito barato, mas o valor de viagens, comida, vinhos, queijo, iogutes, computador celular e muito mais barato, do que no Brasil, e eu realmente nao entendo por que as pessoas nao vao na rua protestar exigindo que diminua o preco do lucro no Brasil, pois o pais paga muito menos a mao de obra do que se paga aqui, e como nos temos um preco tao alto e todos aceitam calados. As pessoas vivem num mundo que nao condizem com os precos que realmente sao. Aqui um pacote de cafe custa 3, 50, leite 50 centavos. Eu pago por mes no meu bilhete unico 45 euros por mes. O Brasil para se viver como eu vivo aqui, sendo pobre, só mesmo para classe media A.

Anônimo disse...

mais uma coisa, sobre o transporte publico, eu andei a minha vida toda de onibus no Brasil, e na Alemanha uso também o transporte publico, a solucao nao e a classe media c, comprar um carro, a solucao e o governo fazer transporte publico de qualidade, aumentar o metro, criar bondes, mais linhas, para que as pessoas usem o transporte publico e nao poluiam tanto, e sejam educadas para usar o transporte publico, mas as pessoas também tem que ir protestar para exigir isso dos politicos e nao apenas ficarem feliz com o novo carro. Na Europa as pessoas nao tem nenhum problema em usar um transporte pubico, e voce nao vai ter nenhum ponto a mais com os seus amigos ou namorada, porque tem um carro, porque qualquer um aqui pode comprar, aquele carro da fiat, para duas pessoas zero custa 5000 euros, no Brasil custa mais de 25000 reais, aqui tem carro usado por 2000. Carro qualquer um pode ter, e mesmo assim as pessoas usam o transporte pubico, essa e a diferenca entre um pais desenvolvido e um subdesenvolvido.

Postar um comentário

Observação: comentários que contenham palavras de baixo calão (palavrões) ou conteúdo ofensivo, racista, homofóbico ou de teor neonazista ou fascista (e outras aberrações do tipo) serão apagados sem prévio aviso.

alert('Olá prazer em conhecê-lo!'); alert('Olá ' + comment.authorUrl + ', prazer em conhecê-lo!');